História Os mistérios - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Exibições 4
Palavras 485
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Canibalismo, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 8 - Lay........


Amy

Eu estava na última aula (ALELUIA!), Lucas e Hideki estavam comigo, nós conversamos sobre tudo. Acabei gostando deles, eram diferentes, legais. Comecei a aceita-los como colegas, ou até mesmo como amigos. O sinal tocou e todos foram para o portão, eu e eles esperamos até todos saírem para evitarmos de sermos atropelados pela multidão. Quando saímos, fui me despedir:

- Tchau meninos, até semana que vem.

- Até. – eles sorriram e me surpreenderam com uma coisa. Um abraço. Os dois me abraçaram e depois saíram.

Me virei para ir em bora e vi Lay olhando para mim de braços cruzados. Juro, sua pele não estava mais pálida, estava vermelha.

- Lay!? Que susto!

- Por que estava com eles de novo?

- Porque são meus colegas.

- Como é!?

- Por que tá irritado com isso?

- Eu não estou irritado, irritado você vai me ver quando a gente chegar em casa! – Ele me puxou para a moto e fomos para casa. Quando chegamos, ele bateu a porta com força – Por que está andando com eles agora!?

- São meus amigos.

- Amigos? Eles não são seus amigos! Você nem os conhece!

- Mas pretendo.

- E por que!?

- Porque sim! E você? Por que está agindo assim!?

- Não quero ver você andando com eles de novo!

- Por que!?

- Porque não!

- PASSEI MINHA VIDA TODA ATÉ HOJE SEM NENHUM AMIGO! E QUANDO EU ENCONTRO PESSOAS DIFERENTES, VOCÊ QUER TIRA-LAS DE MIM!?

- PODE FICAR SATISFEITA COMIGO!

- NÃO! NÃO POSSO! EU QUERO VIVER LAY! EU SÓ SAIO DESSA CASA PARA IR A ESCOLA NADA MAIS!

- E SOBREVIVEU E ESTÁ BEM ASSIM!

- NÃO ESTOU NÃO! ME DIZ POR QUE PORRA EU NÃO POSSO SAIR DISSO AQUI? OU POR QUE CARALHO EU NÃO POSSO TRAZER NINGUÉM PRA MINHA PROPRIA CASA?

- POR QUE EU QUERO TE PROTEGER! – ele transformou suas mãos em punhos como se fosse me dar um soco a qualquer momento.

- ISSO NÃO É PROTEGER LAY! ISSO É PRENDER! VOCÊ ME PRENDE E NEM ME DIZ O POR QUÊ DE ESTAR FAZENDO ISSO!

- PORQUE EU NÃO QUERO TE PERDER TAMBÉM! – vi uma lagrima escorrer por seu rosto, ele se aproximou de mim, colocou sua mão em minha nuca e colou nossas testas – eu... – ele pausa, como se estivesse procurando o que dizer – não quero ver você longe de mim... Que droga, por que você faz isso comigo!?

A única coisa que eu escutava era sua respiração pesada. Sentia que a qualquer momento meu coração poderia rasgar a minha pele e pular para fora do peito. Ele foi se aproximando mais até que selou nossas bocas. Era um beijo calmo e doce. Ficamos ali até que o beijo saiu do controle, Lay me encostou na parede, nos separamos pela falta de ar.

- Eu... – ele cortou minha frase dizendo:

- Por que você mexe tanto comigo?


Notas Finais


Leitores, me deem ideias sobre o próximo capitulo, pfv. obrigada.
~~xoxo - Suguin


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...