História Os opostos que se atraem - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Visualizações 15
Palavras 971
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Hentai, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura ❤

Capítulo 4 - "O que aconteceu aqui fica aqui"


Fanfic / Fanfiction Os opostos que se atraem - Capítulo 4 - "O que aconteceu aqui fica aqui"

Amanhã começam minhas aulas na escola nova, pelo meu uniforme a escola deve ser de porte de rico, nunca senti confortável com tanta gente de classe alta, mas até que estou animada, lá vou ter um instrutor de dança particular, a senhora Park disse que eu iria gostar. - suspirei pensando nisso

Peguei meu celular em cima da cama e coloquei uma música, ao ritmo que a pessoa cantava eu dançava junto na mesma sincronia.  

              ~ Povo jimin ~

Acordei com o irritante som do meu celular 

Ligação on 

- Espero que seja importante

- parece que alguém está de mau humor hoje 

- que qui você quer jungkook ?

- Arrumamos uma paradinha nova, vem aqui em casa 

- to indo 

Ligação off

Joguei meu celular na cama e fui pro banheiro, tomei um banho rápido e a primeira roupa que vi na minha frente. Peguei minha mochila, meu celular, minha carteira e sai fui em direção à porta. Fechei a porta do meu quarto e assim que passei pelo quarto de S/N que estava com a porta encostada a vi dançando, aprecio  a forma que ela dança, parece que está pondo todos os seus sentimentos naquilo. Terminei de fechar a porta da menina e sai de casa em direção a um carro preto. 

- Me leva na casa do jungkook e vê se vai rápido dessa vez

- Sim, senhor.

O velho começou a dirigir rápido do jeito que lhe ordenei, em poucos minutos ja estava onde queria, sai do carro e sai entrando na casa de jungkook, ele estava com os meninos no sofá bebendo e fumando 

- O que você queria me mostra ? - perguntei pegando a bebida da mao de namjoon e dando duas goladas acabando com o liquido que havia na garrafa.

Jungkook me puxou pra conzinha e tirou algumas pilulas de dentro do armário 

- Que isso?

- As pilulas que você queria

- O-onde achou? 

- Não foi fácil, mas como somos amigos resolvi dar meu jeito 

O menino se aproximou de mim e colocou na minha mao um saquinho cheio de pílulas brancas 

- vamos pra sala

- já vou 

Assim que o menino saiu peguei 3 pilulas e coloquei na minha boca, fui pra sala e peguei uma garrafa de whisk, engoli o liquido ardente até as pilulas descerem fazendo eu me arrepiar pelo gosto amargo.

Jungkook é meu amigo desde meus 5 anos, como ele sempre foi mais alto que eu me protegia dos valentões, ele era muito simpático mas desde que completou 16 anos mudou totalmente. Sempre arruma briga, vai pra minha casa bêbado, chega atrasado na escola e é informal com todos. Agora eu que tenho que "cuidar" dele. Tenho mais 5 amigos, namjoon, seokjin,hoseok, yoongi e taehyung. Conheci eles quando tinha uns 9, 10 anos 

Depois de algum tempo meu celular voltou a tocar, o peguei e vida que era minha mãe ligando provavelmente se perguntando onde estou, recusei a ligação e apenas mandei uma mensagem dizendo que já estava indo. 

Peguei minhas coisas e sai da casa que já cheirava a cigarro misturado com maconha, o motorista ainda estava no lugar onde tinha deixado, entrei no carro e peguei as balas que estavam na minha mochila, abri o vidro do carro e espirrei desodorante por todo meu corpo.

- O que aconteceu aqui fica aqui, ok?

- sim, senhor. 

Rapidamente chegamos em casa, entrei e fui direto para meu quarto, tomei banho rápido e me vesti. 

- Aishhh.- escorreguei após pisar na roupa da S/N que estava no meio do corredor. Eu vou matar aquela garota! 

Fui direto para quarto da menina e entrei de uma vez, ela estava apenas de toalha fazendo uma dancinha comstragedora ao meu ver, peguei meu celular e comecei a filmar a garota.

              ~ pov S/N ~

- wow, fantastic baby dance uh uh. - cantarolei fazendo minhas dancinhas

Me virei para abrir meu guardas roupa quando vi jimin segurando um riso com o celular na mão 

- Ji-ji-jimin? - Meu rosto devia esta parecendo um tomate 

- olha eu tenho que admitir, você rebola muito bem, mas, infelizmente não tem bunda pra isso  

- sai.do.MEU.QUARTO.AGORAA! - falei jogando um travesseiro na cara dele fazendo seu celular cair no chão 

- AISHH,AGORA VOCÊ VAI VER 

O menino pegou o travesseiro que joguei nele e e veio correndo atrás de mim com cara de quem ia me matar 

- AHHH, SOCORRO

Assim que o menino me alcançou ele jogou o travesseiro na minha barriga fazendo minha toalha cair e meu rosto ficar ainda mas vermelho. Jimin me olhou de cima a baixo e seu rosto estava ficando mais vermelho que o meu 

- Ah.. Desculpa.. E-eu vou sair agora. -jimin pegou o celular do chão e fechou a porta  sem nem olhar pra trás 

- isso não pode esta acontecendo. - corri ate meu guarda roupa e vesti minha roupa rapidamente 

Detei no chão e 7 minutos depois ouço batidas na porta e abri dando de cara com o jimin que ainda estava corado 

- você realmente tem uma forma estranha de se vestir 

- eu não acho. - disse fazendo biquinho 

- É porque estranhos não reparam que são estranhos 

- aigoo, veio aqui pra falar que sou estranha ?

- Também. Mas como "um  pedido de desculpa" vou te dar isso. - o menino estendeu suas mãos pequenas pra mim mostrando uma borboleta azul dentro do pote com furinhos na tampa 

- C-como conseguiu pegar ela?

- Ela sempre pousa na minha estante... 

- é linda... Obrigada. - disse me aproximamdo do menino e deixando um beijo na sua bucheca rosada

O menino me olhou espantado e depois fez uma cara séria limpando onde deixei o beijo 

- não faça mais isso 

Essas foram as ultimas palavras antes de sair em passos rápidos ate seu quarto com os punhos fechados. Olhei pra borboleta e abri um sorriso.

- tão linda 


 

  


Notas Finais


Me perdoem pelos erros ortográficos
Comentem o que acharam
Contínuo ?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...