História Os opostos se atraem - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Colegial, Drama, Escola Tóquio Assaban, Japao, Lana X Augusto, Novela, Romance, Tretas
Exibições 5
Palavras 416
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Bishounen, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, Ficção, Luta, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 3 - Reencontro


-O que você faz aqui Augusto?

-Lana-san, deixe-me explicar; é que depois do que aconteceu naquele dia, eu fiquei meio enver... AI! ISSO DOEU SABIA?

Augusto havia recebido um tapa de Lana, deixando a sua bochecha vernelha.

-Você mereceu! Fiquei esperando por 2 semanas, Augusto! 2 semanas!

-Ué? Mas e o bilhete?

- Sim, te mandei, esperava que fosse tomar iniciativa, já que são os homens quem pedem as mulheres em namoro.

-Mas não poderia esperar mais um pouco?

Augusto recebe um outro tapa na cara.

-DOÍ! SABE DISSO NÉ? -Grita Augusto.

-Para de gritar! Seja homem. Continuando, não! Não aquele tipo de garota que fica dependendo dos outros! Gosto de Atitude, Augusto.

-Lana, eu fiquei com vergonha do que havia feito, além do mais aconteceu como você previu.

-Como você sabe disso?

-Eu peguei o seu diário, uma página tinha caído e... Você sabe o resto.

- Além de vergonhoso é mexeriqueiro.

-Mas por que você sonha? 

-Não lhe interessa, tenho que ir. -Lana corre

-Tchau...

Enquanto isso no comércio de Adrian.

-Oishi! Você fez tudo errado!

- Me desculpe! Não sou bom com comida.

-Deu para perceber. Faça mais sanduíches, temos a mesa 9,4,2 e 1.

- Nani?

-Isso mesmo, capricha.

- Não! 

- O que você disse?

-Não! 

-Cala a boca.

- E se não quiser?

-Vai ver só! 

- Corre negada! A Emma quer me matar!

Voltando a escola...

Lana para de correr quando chega à porta do dormitório de Hisako.

-Hisako...?

-Pode entrar Lana.

-Lana, aqui estão os arquivos que você pediu para baixar. 

-Arigatõ, Hisako.

-Lana, quero lhe mostrar algo que fiz. -Enquanto Hissko fala, a mesma pega um papelzinho da bolsa. - Leia.

-Ok -Lana pega o papel e começa a ler.

Maldita Mentira.
Você me deixou sozinha, parada, debaixo da chuva, completamente molhada, enquanto estavas com outra, baby.
Aquilo me machucou, me despadaçou por dentro.
Pensei que você me amava, parecia tão sincero das vezes que você falava, não desconfiava que era uma mentira.
Uma mentira, maldita mentira, baby.
Sabe o que fiz?
Esqueci de você,  segui em frente, pois eu sou forte, independente; não espero por ninguém para fazer o que quero, sou eu quem faço o que quiser...
E se você voltar pra mim, pedir desculpas, não aceitarei.
Por causa do que você fez comigo.
Sou uma outra pessoa, baby.
Maldita mentira...

Legal, Hisako.

-Fiz isso inspirado no primeiro amor da minha vida.

- Isso é real?

- Hai!

-Nossa! Como você é forte!

-Eu sei!

O sinal bate, as duas caminham juntas para a sala 016.

-Odeio Matemática -Alega Hisako.

- Vamos.

Elas abrem a porta, e se sentam nas cadeiras da frente.

-Bom dia gente! 

Bom dia Professor Francisco! 

- Hoje falaremos sobre Educação Financeira. 

- Ah não - Dizem todos desanimados.

- Vai ser uma longa aula.



継続します


Notas Finais


Olga gente, sem querer ser dura com ninguém, mas vocês não participam, sabe... É dasanimador você escrever nengum comentário... A fic não será movida a comentários, mas é sempre bom.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...