História Os Quatro - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Saga Crepúsculo
Personagens Alice Cullen, Aro Volturi, Bella Swan, Carlisle Cullen, Charlie Swan, Edward Cullen, Emmett Cullen, Esme Cullen, Jasper Hale, Jessica Stanley, Marcus Volturi, Renée Dwyer, Rosalie Hale
Exibições 32
Palavras 467
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fantasia, Ficção, Romance e Novela, Sobrenatural
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 11 - Nossa primeira vez


Finalmente chegou o dia, hoje eu e Isabella nos tornaremos um só, pelo menos intimamente. Isabella entregou as chaves do seu carro a Emmett e nao tao delicadamente pediu que todos se retirassem e que só retornem em no minimo 3 dias. Quando todos se foram ja estava perto do crepusculo, o céu com uma mistura de rosa, laranja e lilas, eu fui até o banheiro de nosso quarto e preparei um relaxante banho de banheira e disse para Isabella aproveitar, pois quando ela saísse eu teria uma surpresa pra ela. Enquanto ela tomava banho, eu fui até o closet e peguei o que eu pedi a Alice pra comprar. Quando Isabella saiu do banheiro usando um robe preto de seda, o quarto estava todo iluminado por velas perfumadas, com um caminho de petalas de rosas vermelhas, brancas e cor de rosa que seguia da porta do banheiro até a cama forrada com um lençol  branco coberto de petalas vermelhas.

- É lindo Edward.

- Nao tao lindo quanto voce. Disse e estendi a mao em um convite mudo que ela se aproximasse. Quando sua mao tocou a minha, a puxei suavemente para meus braços e iniciamos um beijo doce e cheio de paixao, envolvendo sua lingua com a minha. Ainda nos beijando caminhamos até a cama,onde eu a deitei suavemente. Desci os beijos para seu pescoço cheiroso, lentamente fui puxando o laço que prendia seu robe e desci meus labios até seus seios nus, sugando, lambendo e mordendo levemente um e depois o outro ate chegar a borda de sua calcinha de renda branca que ja estava molhada. Os gemidos dela estavam cada vez mais altos, quando finalmente retirei sua calcinha e mergulhei minha lingua em sua intimidade, ela gritou agarrando meus cabelos com força e arqueando seu quadril de encontro ao meu rosto tentando aprofundar minha lingua em sua doce vagina, logo meus dedos se uniram a " festa " e nao demorou pra Isabella liberar seu doce mel em minha  lingua com um suspiro suave. Depois de sugar todo seu mel, me afastei tempo suficiente pra tirar minhas roupas e voltei a me posicionar sobre seu corpo, Isabella separou suas pernas para me acomodar melhor e eu me encaixei em sua entrada, com uma leve pressao eu rompi a barreira de sua virgindade e lentamente comecei a me mexer, com estodacas suaves e profundas no inicio e acelerando quando senti sua intimidade me apertar, indicando que sua liberaçao estava cada vez mais proxima, mais algumas estocadas e chegamos ao climax juntos. E sabem como é, vampiros nao se cansam nunca, assim tivemos nossa primeira vez e uma segunda, terceira... trigésima quinta, na verdade fizemos amor durante os tres dias que nossos amigos estiveram fora e tenho que dizer, nunca estive mais feliz e realizado que agora.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...