História Os Salvadores - A luta entre dois mundos - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Aliens, Drama, Originais, Revelaçoes, Romance, Sentimentos Ruins, Traição, Vingança, Volsyres
Visualizações 14
Palavras 1.185
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Musical (Songfic), Poesias, Policial, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oi gente!

Belezinha?

Bom aqui estou eu com mais um capítulo!

Se alguém quiser saber os atores e atrizes perguntem nos comentários.
Em breve vou fazer um vídeo ou uma apresentação com os personagens.

Na foto do capítulo temo a Victória!

Emfim, tenham uma boa leitura.

Capítulo 4 - Capítulo 3 - Grupo B2


Fanfic / Fanfiction Os Salvadores - A luta entre dois mundos - Capítulo 4 - Capítulo 3 - Grupo B2

(Brasil – Rio de janeiro/ 22 de Agosto/12:00h)

 

 Dia seguinte...

 

O dia estava  quente. Victória e  Camily estavam no terminal da nave que levariam elas  até  o distrito 1,no Colorado.    Victória e  Camily mesmo que não quisessem admitir  estavam ansiosas para andar  numa nave   pela  primeira  vez.  Elas  avistaram o quinjet  posando na plataforma. Logo, elas que eram as únicas na plataforma  do distrito 1 foram embarcar.  Elas  acenaram para suas  famílias  e  entraram no quinjet.   O quinjet de  última  geração decolou  e demorou em torno de  algumas horas para chegar no Colorado. 

 

 

 

 0000ooo0000ooo0000

 

(Distrito 1 – Colorado -  22 de Agosto)

 

 

Algumas  horas depois...

 

 

Quando, elas  saíram  dois  homens  vestidos  de  preto e com coletes a prova de balas  as  aguardavam. Elas  pegaram suas malas  com a ajuda  desses  dois  homens que as  levaram até   o anfiteatro.  Os homens  as deixaram com suas  respectivas  malas na  porta do mesmo.  Elas  caminharam até  dois lugares vazios ao lado de  alguns jovens. Como, o pronunciamento não havia  começado os demais  jovens  que estavam lá começaram a conversar  com  Victória e Camily. Todos  falavam  o mesmo idioma  graças   aulas,ainda na infância.

 

 

 

- Oi meu nome é Zaki, sou  da Nigéria.   – Disse  o rapaz  negro.

 

 

 

-  Oi  Meu nome é Victória  e  sou Brasileira.  – Disse  Victória simpática  com  o mesmo.

 

 

-  Olá pessoal, me chamem de  Dayse .Sou francesa.  – Diz  uma  menina   branca com um fraco bronzeado e  cabelos  castanhos avermelhados e  olhos castanhos.

                                                                                                           

 

- Meu nome  é Camily ,mais podem em chamar de Cami. Sou brasileira  e  melhor amiga da Vick.  – Diz Camily abraçando  Victória de Lado.

 

 

- Meu nome  é  Pablo e sou mexicano.  – Diz  um garoto  moreno de  olhos  pretos.

 

 

- Eai pessoal, eu sou Harry e  sou britânico.  – Diz  um menino de  olhos azuis  e cabelos  pretos.

 

 

- Ai! Todos  nós aqui somos novatos?  - Indagou   Zaki.

 

 

 

- Bom, eu acho que sim.  – Comentou  Victória.

 

 

- Vamos nos sentar galera.  - Sugeriu  Dayse.  – Meu irmão me falou que aqui as coisas  são bastantes  rigorosas.  -  Diz  Dayse com temor na voz.

 

 

 

-  Não quero problemas  no meu primeiro dia aqui.  – Diz Pablo.  – Vamos pessoal! – O mexicano diz  temendo receber uma chamada de algum instrutor.

 

 

 

Todos  os seis  se sentam um do lado do outro.  O chefe  dos  líderes do  distrito  um, subiu ao palco sendo seguido pelos  outros  cinco lideres.  Todos  no  Anfiteatro  fizeram silêncio.  Então o chefe dos  líderes começou a  discursar o pronunciamento.

 

 

-  Sejam bem- vindos  novatos! Meu nome  é  Eliezer Johnson  Clark.Sou  chefe  dos  líderes  do distrito um e  vou  explicar  como vão funcionar as coisa  por aqui. O resto seus respectivos  instrutores explicam.  – Disse  o homem ajeitando algumas  folhas  antes  de começar a ler seu pronunciamento.  -  Todos  vocês serão divididos  em quatro grupos  de  vinte pessoas. Cada grupo terá cinco treinadores.  O primeiro grupo se  chama A1. O Segundo B2,O Terceiro C3 e  o quarto D4. Agora o líder  Marcos irá  dizer os  nomes  de  vocês e qual grupo irão pertencer.  – Anuncia  Eliezer  cedendo seu lugar para  o colega.

 

Foram   vários  minutos  até  que   eles falaram o nome de Victória e seus  amigos. 

 

-  Grupo B2: Pablo Rodriguez,  Dayse Lamartine,Camily Collins,Harry  Stewart,Zaki  .... – E   ele  falou os nomes de  todos os outros.

 

Quando ele terminou de dizer  os integrantes do  grupo D4, o chefe dos  líderes ,Eliezer  tomou o microfone  novamente.  

 

- Bom,agora que  já sabem quais são seus grupos, quero que  todos  vão para  o portão   de seus respectivos grupos. Nos vemos  na  festa de boas-vindas! – Finaliza Eliezer e todos aplaudem.

 

 

 

- Pelo menos  iremos ficar todos  juntos! -  Comenta Dayse  dando de ombros e todos   balançam a cabeça em concordância.

 

 

O grupo de amigos seguiram os seus  outros colegas  de  equipe, até  um enorme  portão escrito B2. Eles adentraram e  logo,avistaram um grupo de cinco pessoas.  Duas  mulheres e três  homens. Quando, o olhar  de Victória  bateu em  dum dos  homens presentes, ela  quase desmaiou.  Ele  era alto e moreno.Tinha cabelos  que batiam até  seus ombros e eram pretos.Seus  olhos eram verdes claros e  tinha um barba rala.  Ele era  musculoso e  tinha um sorriso bonito, que morreu assim que avistou  o  grupo.    Todos  os cincos adotaram posturas  rígidas.    O homem por quem  Victória se encantou  encarou as  vinte  pessoas  lá presentes  com extrema  frieza, quebrando o encantamento que Victória  sentiu   pelo mesmo.

 

 

- Meu nome  é  Edgar  Ramirez . Não me chamem de Ed, pois eu não dei nenhuma  intimidade  a  vocês!  - Diz  o homem por quem   Victória se sentiu atraída.  

 

 

- O cara  ta de TPM! – Pablo disse  no ouvido de Victória fazendo a mesma rir.

 

 

 

- Eu quero saber, qual é  a  graça? – Perguntou Edgar  sério e alto.

 

 

Victória congela.

 

 

-  A  graça  é que  acho, que te pegamos num dia ruim,hein cara.Afinal você ta todo  nervoso por causa  da sua TPM. – Disse Pablo  dando de ombros.

 

 

Victória  e seus outros  amigos tiveram que fazer um esforço para  não rir.   Edgar  andou me passos  duros  e rápidos em direção de Pablo. Todos  acharam que   Pablo ia  toma  um soco no rosto, mas  o  cara  parou de frente  para  Pablo e  Victória. Edgar  pegou Victória    pelo braço com força assustando a mesma.

 

 

- Qual é a  graça?  -   Pergunta novamente.

 

 

 

-  Meu amigo já te respondeu! – Diz Victória  nervosa.

 

 

- Mas, eu quero ouvir  da sua boca! -  Grita.

 

 

 

Victória  que  não levava  grosseria  para casa,sustentou  o olhar  raivoso de Edgar. 

 

 

- Senhor,   a  graça é  que ele fez uma  piada.Eu achei engraçado e  eu quis rir. – Respondeu Victória  com um sorriso debochado.

 

 

 

-  Debochadinha,você  hein?  -  Fala  em seu ouvido.

 

 

 

Antes que Victória pudesse  dar uma reposta bem mal criada. Uma  das  mulheres  chamou  a atenção de Edgar.

 

 

 

- Edgar,já chega! – Diz  uma  mulher de cabelos  curtos.

 

 

 

-  Sou  Dominic.,mas  eu odeio  esse  nome,então me chamem de Domino! – Diz  a mulher  cabelos  curtos e  olhos  castanhos.

 

 

 

-  Eu sou Douglas, mas  podem me  chamar  de Doug! -  Se apresentou  o  homem de cabelos  escuros  e  olhos azuis.

 

 

-    Eu sou  Heather  e  por favor evitem se tornarem  um bando de  incompetentes.  – Disse  uma garota  ruiva  de  olhos  verdes  que estava  visivelmente entediada.

 

 

 

- E  eu sou  Jai! – Apresentou-se  um homem loiro e de  olhos  verdes, que  não tirava  os  olhos  de Victória,o que fez a mesma  se encolher atrás de Pablo e Camily.

 

 

 

- Bom, hoje  nós iremos deixar vocês sem treinamento.Então vão para os  seus quartos. Tomem aqui os  números  dos quarto que irão ficar.  – Disse  Edgar. 

 

 

Victória  e  Camily foram as  últimas  de seus grupos de amigos  a  pegarem o numero do quarto.  Quando, o olhar   de Camily  se   cruzou com o de Douglas  a mesma  corou de vergonha.  Já Victória  lançou um olhar  de  desprezo e Edgar retribuiu.

 

 

Quando as duas se afastaram de seus instrutores, elas  retornaram aos  seus  novos  amigos.

 

 

- Quarto 10 – Disse  Victória.

 

 

- Eu também! – Exclamou Dayse.

 

 

- Eu também! – Disse Camily.

 

 

 

- Eu e  os rapazes,também ficamos  no mesmo quarto  - Disse  Zaki.

 

 

 

-  Então,está tudo entre amigos aqui! – Disse Pablo alegre.

 

Todos  foram para seus  respectivos  quartos.  Depois,foram se trocar.Para a festa de  boas-vindas.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


Espero que tenham gosta!
Muitos beijo e abraços <3
Até o próximo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...