História Os sete pecados captais . - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jungkook
Tags Bts, J-hope, Jimim, Jin, Jungkook, Kim Taehyung, Rap Monster, Suga, Vampiro
Exibições 42
Palavras 1.132
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Hentai, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oii pessoas leitoras, como vocês estão ??
Trago aqui a fafic da história dos sete pecados.
Boa leitura espero que gostem .

Capítulo 1 - Os sete pecados captais


Fanfic / Fanfiction Os sete pecados captais . - Capítulo 1 - Os sete pecados captais

            ------- 11 de Novembro de 1589 -------  Yuri 14 anos de idade. 


          - Omma, omma?? - perguntei olhando minha mãe costurar . 



          - Oi filha - disse ela me olhando com um sorriso forçado. 



          - Quando que o papai vai chegar ??- 



           - Não... - ela parou de falar de repente e me levou correndo para o quarto dela na parte de cima da casa . 



           - Omma o que foi ??- perguntei sem entender nada . 



           - Fica quietinha tá, ajuda sua omma tá.??- pediu ela com lágrimas nos olhos . 



          Minha  omma me colocou dentro de uma caixa e me trancou pelo lado de fora dentro da mesma . 
          Ouvi ela descendo as escadas, e depois abrindo a porta, fiquei em total silêncio mesmo depois de escutar ela dar vários gritos e vários passos de pessoas dentro da minha casa. 
           Comecei a chorar de preocupação com a minha omma, fiquei me perguntando sobre o que está acontecendo, e se a minha omma está bem . 

        
          - Omma - disse bem baixinho. - Papai - sussurrei para mim mesma e continuei a chorar. 
         Senti tanto medo que fechei meus olhos em uma tentativa de acalmar minha respiração.


     
         - Yuri é você??- escutei a voz do Jeon bem baixinha dentro da minha cabeça. 


         Jeon é o meu príncipe, ele sempre cuida de mim e me protege, sempre que me sinto sozinha ouço a voz dele chamar meu nome e dizer que vai ficar tudo bem . 



       - Yuri vai ficar tudo bem, apenas espere por mim - disse ele mais baixo ainda, quase que eu não escuto. 



        Meu coração se acalmou e eu parei de chorar, abri meus olhos e comecei a observar pelo buraco da fechadura da caixa em que eu estou, vi vários homens vestidos de ternos sociais brancos e muito bonitos, seus olhos eram meio caramelo misturado com um tom avermelhado, todos eram exatamente iguais. 
       Um desses homens olhou para mim no buraco da fechadura, fechei meus olhos na hora em que ele me viu e tampei minha boca . 
      Senti que a caixa havia se deslocado, que estava sendo carregada, logo ouvi o barulho da janela sendo aberta e então fui jogada dentro da caixa do segunda andar da minha casa . 



       - Jeon ??- perguntei chorando forte por não sentir minha perna direita e nem meu braço direito também, uma dor muito violenta correu pelo meu corpo . 



       - VOCÊ FICOU LOUCO ??- vozes de homens estavam a conversar . 



       - Temos que matar ela, se ele vier aqui e ver o que fizemos e ainda levamos o tesouro dele, estaremos mortos .- 



       - ESTAREMOS MORTOS SE MATARMOS ELA E ELA RENASCER OU OS SETE PECADOS VIEREM ATRÁS DO NOSSO CLÃN - 



        - Pega a caixa e joga no mar então - disse um deles . 



        - Essa é a ideia, coloca essas redes de chumbo junto pra poder afundar mais rápido.- 



        - Acha que vai dar tempo de fugir enquanto ela se aprofunda ??- 



       - Claro , agora anda logo antes que o pecado da vaidade e o pecado Luxuria cheguem. - 



         Meu corpo inteiro se sentia esmurrado, acabei adormecendo e não terminei de escutar a conversa dos homens bonitos . 


         -------- Cinco horas depois ------ 



       - YURI, onde você está ??- ouvi a voz do Jeon gritar dentro da minha mente. 



       Não consegui dizer nada, olhei em volta e estava coberta de água, senti que estava sendo sufocada e uma sensação horrível veio logo em seguida, não consigo respirar nem me mexer, a única coisa que vejo é água ao meu redor, não consigo nem sair da caixa por ela ter sido trancada do lado de fora . 



         - Jeon, JEON - comecei a gritar mas nenhum som saiu . 



        Meu ar se esgotou e não tenho mais forças para gritar sendo que ninguém vai me ouvir, senti meus órgãos parando de funcionar e ouvi as batidas do meu coração se desacelerando. 
         Fechei meus olhos novamente e tudo ficou preto e escuro pra mim . 



        -------- 3 anos depois ------ 



        - Bom dia papai - 



        - Bom dia minha filha, dormiu bem ??- 



        - Dormi sim, o Taehyung ronca um pouco e fica me abraçando mas é bom dormir com ele .- 



        - Você me ama Yuri admite logo que é mais fácil- disse meu irmão mais velho Taehyung. 



        Taehyung é três anos mais velho que eu , e eu sou apaixonada por ele desde os 15 anos de idade, quando fui adotada pelo meu pai . Ele é filho biológico e cuida super bem de mim, mesmo sabendo que sou adotada e não mereço toda a fortuna que a família dele me oferece, mas acho que meu sentimento por ele não é só de irmão, e sinto que ele também não acha que sejamos apenas isso . 



          - Vamos ?? Vai acabar se atrasando - disse Tae se levantando da mesa e bagunçando meu cabelo . 



           - Não faz isso com a sua irmã, o cabelo dela estava tão bem arrumado - alertou meu pai que se levantou e começou a pentear meu cabelo . 



            - Obrigado, vamos Jeon ??- me levantei e peguei minha mochila . 



           - Jeon ?? Taehyung, não sei que é Jeon mas eu o seu irmão me chamo Taehyung ok ?- 



          - Eu disse Jeon ?? Me desculpe não percebi, eu também não sei quem é Jeon, mas esse nome acho que já o disse antes, ele apenas me veio na cabeça do nada . - 




           - Que estranho - disse meu pai . 



           - YURI , Corre aqui !! Olha só está nevando - Taehyung me chamou para ver a neve do lado de fora de casa. 



           - Linda né, tão branquinha e gelada .- 



           - Como você, sabe o por que de eu gostar tanto assim da neve e do jeito como ela é??- perguntou ele se aproximando . 



           - Não - respondi mordendo meus lábios. 



           - Porque ela se parece em quase tudo com você, seu nome Yuri o da neve é Yuky, seu rosto branco e gelado se parece muito com um floco de neve, e seu jeito tímido, sensível e gentil de cair me lembra sua personalidade.- disse ele acariciando meu rosto e colocando uma mexa de cabelo meu atrás da orelha . 



           - Tae eu .... Eu ..... - ele veio se aproximando que pude sentir sua respiração tocar meus rosto e aquecer meu nariz . 


           Ele fechou seus pequenos olhos e eu fechei os meus também, nossas testas se tocaram e  senti um de seus dedos passar por cima de minha boca, abri meus olhos na hora e o encarei . 



           - Vamos ?? O carro está lá nos fundos nos esperando .- disse ele pegando a minha mochila e a dele. 
 


Notas Finais


O que acharam ??
Desculpa os erros de gramática.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...