História Os Sinais Do Amor ( taekook ) - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Jungkook, Taehyung, Taekook, Vkook
Exibições 62
Palavras 454
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Me desculpem qualquer erro.

Espero que gostem e bem vindas ao mundo taekook ♡

Capítulo 4 - 1•


Fanfic / Fanfiction Os Sinais Do Amor ( taekook ) - Capítulo 4 - 1•

POV Taehyung

Acordo com o som do despertador me acordando, infelizmente ou felizmente hoje eu teria aula, não é porque sou um dos melhores alunos da escola, que eu goste de ir pra aula. Claro que em plena segunda feira ninguém estaria de bom humor e comigo não era diferente, abro meus olhos lentamente e percebo que a cortina da minha janela já esta aberta, obviamente foi coisa da minha omma, ela acorda junto com as galinhas, como diz esse ditado. Essa maldita claridade esta fazendo com que meus olhos nem abram direito.

Sabe quando você acorda e fica em posição de índio, olhando pra um ponto fixo e nem pisca? Eu estava assim, olhando pra parede e me perguntando: Quando minha vida iria melhorar? Questões financeiras abalavam minha família, meu pai morreu a um ano e meio e isso ainda abala a gente, minha omma trabalha feito louca para nos manter e pagar minha escola, claro que por ser bom aluno, tenho regalias, mas nem tudo é de graça.

Finalmente decido me levantar e ir fazer minhas higienes, ando pé por pé sem nenhuma vontade, mas eu preciso ir e ainda mais hoje que teria prova, não dormi direito a noite estudando e estudando sem parar.

(.....)

Depois de higiene feita, desço as escadas e encontro minha omma preparando o café da manhã, nada luxuoso, mas com toda certeza estaria uma delícia.

— Bom dia omma, como esta essa manha? — Sorri para ela, dando um beijo em sua bochecha e me sentando na cadeira, aguardando meu café.

— Não dormi muito bem, aquele colchão duro ainda vai me matar, essa dor nas costas já esta me enlouquecendo.

Sorri, omma sempre reclamava daquele colchão, mas ela nunca comprava um novo, diz ela, que é uma lembrança de meu appa, entendo ela.

— Hoje quando a senhora chegar, vou fazer uma massagem em você, tudo bem? Tenho certeza que irá se sentir melhor — Vi ela sorrir e assentir, era um gesto pequeno, mas eu estou feliz por pelo menos colocar um sorriso nela.

Assim que tomo meu café e como alguns pães que tinham ali, olho para meu relógio e vejo que já estou atrasado, droga!

— Omma preciso ir, estou atrasado e muito atrasado — Comi o último pedaço de pão e tomei o ultimo gole de café, engoli tudo rápido e dei um beijo na bochecha dela, correndo para a sala e abrindo a porta para ir pra escola.

— Se cuide querido e não se esqueça que chegarei tarde hoje, tenho horário dobrado na casa da senhora Ji Hun.

Não deu tempo de ouvir o que ela disse, apenas me concentrei em ir correndo pra escola ou pela primeira vez, eu chegaria atrasado e ouviria muitas coisas e acredite não eram coisas boas.


Notas Finais


Não esqueçam de comentar, favoritar a fanfic e compartilhar ela, vai me ajudar muito.

Amo vocês ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...