História Our Family - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Exibições 7
Palavras 959
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Fluffy, Orange, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yuri
Avisos: Homossexualidade, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


<3 Yuri <3
<3 Todos os personagens desta história são de minha propriedade. <3
<3 Capa feita pela Stephanie |*lua, do Capas Of Fanfiction <3
<3 Os BC's são feitos pela @lordwcarmilla <3
<3 Fanfic também postada no Nyah!Fanfiction <3

*Aviso: Amelia na fanfic tem 5 anos, então se as falas dela tiver muito errada leve em consideração que ela é criança e tem 5 anos.
*Caso vocês queiram saber como seria as aparências das personagens eu vejo assim:
Andrea como a Meghan Ory
Ellie como a Olivia Wilde
Amelia como a Bailee Madison.

<3 Espero que gostem <3

Capítulo 1 - Primeiro dia de aula


Fanfic / Fanfiction Our Family - Capítulo 1 - Primeiro dia de aula

Ellie estava terminando de fazer panquecas, enquanto sua esposa terminava de arrumar a pequena Amelia para seu primeiro dia de aula.

Quando Andrea finaliza o penteado da filha, ela pega sua mochila e desce.

Elas vão pra cozinha, onde encontram Ellie arrumando a mesa.

— Mamãe, eu to bonita? — disse Amelia dando uma volta.

— Está linda, meu amor. — disse Ellie, pegando Amelia no colo e lhe dando um beijo na sua bochecha. — Você vai ser a menina mais linda da escola.

— Fome. — disse Amelia com a mão na barriga

— Então senta aqui e vamos comer. — disse colocando ela na sua cadeira e colocando um prato com panquecas na sua frente.

(...)

Assim que acabam, Andrea e Ellie, pegam suas coisas e a mochila de Amelia e saem da casa. Entram no carro da Ellie e dirijam-se a escola de Amelia.

(...)

Quando chegam na escola as três descem do carro.

— Tá pronta, meu amor? — disse Ellie

— Sim, eles vão gostar de mim? — disse Amelia

— Claro que vão. É impossível não gostar de você. — disse Andrea

Elas entram na escola, dão bom dia pro porteiro e vão para sala onde Amelia ia estudar. As duas mulheres ficaram conversando com a professora, enquanto Amelia entrava na sala e se sentava numa carteira vazia e duas garotinhas se aproximam dela. Elas se apresentam e ficam conversando.

— Parece que ela já fez amiguinhas. — disse a professora olhando para as três garotas.

— Sim, isso é ótimo. Fiquei com medo de ela não se dar bem com os colegas. — disse Andrea.

Elas se despedem da professora. Elas entram no carro e Ellie deixa Andrea no restaurante e vai pro seu trabalho.

(...)

— Bom dia, Lindsey. — disse Andrea enquanto entrava na cozinha.

— Bom dia, chefe. Qual o cardápio de hoje??

(...)

— Bom dia, Mel. — disse Ellie cumprimentando sua secretária. — Algum paciente?

— Um vai chegar daqui a pouco.

— Ótimo, quando ele chegar me avise.

(...)

Algum tempo depois...

— Como foi a escola? — disse Ellie assim que a filha entrou no carro.

— Muito legal, mãe. Nós pintamos um desenho e a professora ensinou a gente a escrever nosso nome completo. E teve uma atividade de casa que a tia passou. — disse Amelia

— Um monte de coisas que você fez hoje. — disse Ellie — Fez alguma amiguinha?

— Sim, fiz duas. O nome delas são Barbara e Mary. Elas são muito legais.

— Isso é bom, meu amor.

As duas continuam conversando sobre a escola.

(...)

— Mãe, nós tá indo pro restaurante da mamãe?

— Sim, nós iremos almoçar lá. — responde Ellie

—  Oba. — disse Amelia batendo palma. — Gosto de almoçar no restaurante da mamãe.

Quando se aproxima do restaurante, ela estaciona o carro numa vaga, e depois ajuda Amelia à descer do carro. Ellie tranca o carro e as duas entram no restaurante.

Quando elas entram, encontram Lindsey, que estava recepcionando os clientes para as mesas.

— Tia Lindsey. — disse Amelia abraçando a ruiva.

— Olá, pequena Clarkson, como você está?

— To bem. Hoje fui pra escola e amanhã eu vou também.

— Muito legal. Venham, eu deixei uma mesa reservada pra vocês.

Lindsey leva elas pra uma mesa do canto.

— Tia Lindsey, você pode chamar a minha mamãe? — disse Amelia enquanto se sentava na cadeira.

— Vou chamar sim. Não se preocupe. O mesmo de sempre? — disse Lindsey para Ellie.

— Sim. — responde Ellie.

Lindsey sai dali e vai para a cozinha. Pede pra prepararem dois prato de macarronadas. E avisa pra Andrea que a sua esposa e filha já tinham chegado.

— Que bom. Você pode ficar de olho nas coisas enquanto eu vou lá? — disse Andrea.

Lindsey assente.

— Ótimo, quando os pratos tiverem prontos você leva, ok?

Andrea sai da cozinha e vai até a mesa da esposa.

— Ei, amor, tudo bom? — disse Andrea dando um selinho na esposa.

— Tudo ótimo. — diz Ellie.

— Como foi na escola, minha pequena princesa? — disse Andrea enquanto pegava a filha no colo e se sentava na cadeira.

— Muito legal, mamãe. Eu tenho duas amigas novas. — disse enquanto repousava sua cabeça no ombro da mãe.

— Incrível. Você se comportou?

Amelia assente.

Minutos depois e os pratos chegam. Os três degustam o almoço com muita conversa.

(...)

— Tchau, mamãe. — disse Amelia dando um beijo demorado na bochecha da cozinheira.

— Tchau, minha pequena princesa. Quando a mamãe for embora vai levar um bolo de chocolate bem gostoso pra você. — disse enquanto abraçava a filha.

Andrea se despede da esposa com um beijo.

Logo após isso, Ellie e Amelia vão pra casa. Enquanto Andrea voltava pro seus afazeres.

(...)

Ellie e Amelia estavam assistindo a um filme. Quando se ouve um barulho na porta.

— Minha mamãe chegou. — disse Amelia saindo do sofá e correndo até a porta.

Quando Andrea aparece na porta a pequena Amelia corre para abraça-la.

— Mamãe, eu fiquei com saudade. E a senhora também sentiu saudade de mim?

— Claro que sentir saudade, minha pequena princesa. — disse Andrea retribuindo o abraço.

— E da minha mãe?

— Também fiquei com muita saudade. Será que se eu dar um beijo nela a saudade passa? — sussurra Andrea no ouvido da filha.

Amelia assente.

— Então é melhor eu ir logo. Se não a saudade fica muito grande, né?

— Sim.

Andrea coloca a filha no chão. E vai até a esposa, que estava olhando tudo desde do primeiro momento, levanta a esposa do sofá e a beija. Amelia ficava batendo palma e pulando e depois vai até as duas mulheres e abraça elas.

— Mamãe? — disse Amelia depois de algum tempo.

— Sim?!?

— Meu bolo que a senhora prometeu. Cadê?

— Deixei ele perto da porta. Vou buscá-lo.

Andrea pega o bolo que havia trazido, leva ele pra mesa, corta um pedaço e o coloca num prato. E depois entrega para a filha.

Após isso, Andrea vai tomar banho para depois descer e ficar assistindo outro filme com a esposa e filha.


Notas Finais


E é isso, até \o/
meu twitter: @QueenOncer


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...