História Our little secret.《Yaoi&Lemon》 - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Noragami
Personagens Iki Hiyori, Nora, Personagens Originais, Yato, Yukine
Tags Lemon, Noragami, Revelaçoes, Traição, Yaoi, Yato, Yukine, Yuri
Visualizações 88
Palavras 711
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Ficção, Lemon, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


AAAAAAAAAAAAAAAAAAA EU TO FLOODANDO, TALVEZ AMANHÃ JÁ SAIA O ESPECIAL DE 100 FAVS DA MINHA FIC "My Sister's Boyfriend" KKKKJJJKK

Capítulo 1 - Na escola, a gente conversa.


- Não devemos trair nossas namoradas... 

- Você diz isso, mas sei que está me querendo - Sorriu provocando-me ainda mais 

- Mas e se elas descob.... - Yato pausou-me, apenas com o indicador pressionado com calma em meus lábios 

- Shh, nenhuma delas irão saber, esse será nosso segredinho. 

Yukine

Querem saber como cheguei a essa situação? Tudo bem, sentem-se, se acomodem, e prestem bem atenção. 

[...] Era de manhã, acordei com Nora ao meu lado, minha namorada. Não só com ela, Yato e Hiyori também, meus dois melhores amigos. Pelo que eu me lembre, tínhamos feito um churrasco e deu em uma festa super animada, todos os meus amigos vieram pra cá e rolou MUITA coisa. Eu percebi isso, quando vi que estava só usando a última peça de roupa, minha cueca box. Não sabia o que havia acontecido, mas pelo amor de YATO (PIADINHAS), que não tenha rolado uma suruba aqui. 

Me levanto com toda dificuldade do mundo, indo ao banheiro, olhando-me no espelho e vendo a situação indescritível, totalmente bagunçada, senti meu cheiro e fiz uma careta, fechei a porta e tirei o pano que estava usando, abri o box e adentrei, coloquei o chuveiro no gelado, pois estava de ressaca, com uma puta dor de cabeça, e como sabem, água quente só piora. Tomei um banho bem rápido, mas reforçado. 

Me sequei e vesti o roupão, me encarei um pouco no espelho, enquanto penteava os meus cabelos louros e um pouco longos, comecei a escovar os dentes e fiz o resto da higiene matinal, escutando um estrondo na porta, alguém estava batendo

- Sim? - Encostei meu ouvido na porta e ouvi Yato, sua voz saiu abafada; 

- Pode abrir, só está nós dois aqui, as garotas foram tomar banho lá em baixo - Respondeu e eu o obedeci, abrindo a porta, fazendo-o ficar boquiaberto, não entendi. - Bom, eu vou... tomar banho 

- Certo. - Saí do banheiro e abri o guarda roupa, peguei as peças de sempre, cueca box cinza, short de praia preto e uma camisa branca. Vi o de cabelos azuis sair do box, com aquele corpo, logo olhei pra baixo e corei fortemente 

- Cê tá bem? - As vezes o sotaque dele me fazia rir, mas era tão fofo

- Eu tô bem sim, confia - Imitei o sotaque e ele riu, troquei os lençóis da cama, peguei todas as roupas sujas no chão e coloquei pra lavar, voltando para o quarto, vendo ele já se vestindo, fiquei triste, não sei o que está havendo, mas deve ser normal.

Afinal, eu e Yato somos melhores amigos, nos consideramos irmãos. Na verdade, eu o considero, não sei se ele faz o mesmo. 

- Ei Baka-Yukinee - Sim, ele me chama assim - Me ajude a pentear esse cabelo aqui, tá difícil - Gargalhei da situação 

- Tu só pode tá brincando - Riu e sussurrou um "não", corando, novamente achei fofo. Comecei a pentear e o mesmo resmungava algo, que não entendia, aparentava ser gemidos, só deve ser coisa de minha cabeça. 

- Yukine.... - Me encarou e eu franzi o cenho, me puxando e jogando pra cama, ficando em cima de mim e mordendo minha mão - Grrrrrrrrrr

- Argh, isso dói, seu trouxa! - O empurrei rindo, jogando um travesseiro em seu rosto, sempre tivemos brincadeiras assim 

- Trouxa não! Aceito um "Yato Baka-San!" - Rimos - Tudo bem, eu parei, vamos descer.

Descemos normalmente as escadas, eu estava contente, a mordida de Yato marcou, mas tudo bem, as garotas não iriam dizer nada mesmo. Chegamos lá na cozinha e sentimos o cheiro do takoyaki, junto de onigiri, e diversas coisas. 

- Bom dia meninos - Hiyori soltou uma piscadela pra nós e eu sorri olhando para Nora, devolvendo a piscadela. - Fiz Bentô para vocês levarem ao colégio.

- Obrigado, amor - Yato a deu um selinho, aproveitei o momento e agarrei Nora por trás

- Ahh, baka, não me assuste assim! - Gritou de susto, porém logo deu um sorriso bobo, arrancando minha risada

- Que risada gostosa..  - Yato sussurrou me assustando e fazendo-me corar, só eu havia escutado aquilo? - Na escola, a gente conversa. 

Sorrimos e nos sentamos, comendo o café da manhã....

[...]

 


Notas Finais


eu continuo?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...