História Our love prevails - Justin Bieber - Capítulo 24


Escrita por: ~

Postado
Categorias Adam Levine, Barbara Palvin, Hailee Steinfeld, Hailey Rhode Baldwin, Justin Bieber
Personagens Adam Levine, Barbara Palvin, Hailee Steinfeld, Hailey Baldwin, Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Jeremy Bieber, Justin Bieber, Personagens Originais
Exibições 370
Palavras 528
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 24 - Live.


8 MESES DEPOIS

-Estou reagindo bem a minha gravidez, estou muito feliz! é uma menininha! vai se chamar Cameron, eu e Justin estamos muito próximos, ele quer se casar comigo depois de Cameron nascer, concodei com isso, vai ser melhor mesmo-

Justin: que cheiro maravilhoso!

Eu: macarronada e suco de laranja!

Justin: te Amo muito -disse me abraçando por trás-

Eu: também te amo!-disse segurando em suas mãos- vou chamar a tini, pode se servir amor.

-subi as escadas e entrei no quarto de tini, ela estava brincando-

Eu: tini

Tini: oi mamãe

Eu: vamos comer?

Tini: eu quero brincar

Eu: depois você brinca

Tini: Você brinca comigo?

Eu: brinco meu anjo, agora vamos.

-desci as escadas com tini e a coloquei sentada na cadeira da mesa, me sentei também e nós comemos-

21h23

-estava com umas contrações terríveis, estava andando pra ver se parava, mas logo senti uma contração muito forte-

Eu: JUSTIIIIIIN!

Justin: que foi amor?

Eu: me leva pro hospital por favor!

Justin: ta amor  calma

Eu: VAI LOGO

-estava no carro JÁ com Justin, chamei pattie pra ficar com tini em casa...estávamos quase chegando no hospital-

Eu: VAI MAIS RÁPIDO JUSTIN QUE MERDA!

Justin: amor fica calma eu to acelerando o máximo que posso

-chegamos no hospital e ele me levou la pra dentro, logo os enfermeiros vieram com uma maca e me levaram la pra dentro-

Doutor: Você vai entrar em trabalho de parto! Por favor aguente

Eu: não consigo-disse fraca-

Doutor: não durma, tente fazer força

Eu: não consigo!

Doutor: vamos fazer uma Cesária de emergência.

NARRADORA P.O.V

Barbara estava na cama de cirurgia, logo ela apagou e o doutor começou a cirurgia, eles estavam com dificuldade pois não tinha enfermeiros naquele horário, tentaram o máximo, Bárbara estava perdendo sangue

Doutor: estamos perdendo!

Enfermeiros: senhor ela vai ter que aguentar alguns minutos, se continuarmos as duas morrem

Doutor: ela JÁ está cortada!

Bárbara: oque está acontecendo-disse acordando zonza e lenta-

Doutor: Você está anestesiada Bárbara, logo vai dormir novamente 

Enfermeiro: Bárbara, em escalas, a vida da sua filha ou a sua?

Bárbara: salve a vida dela por favor, eu não mereço viver mais que ela, JÁ aprendi muito da vida-disse lenta-

Doutor: eu vou conseguir!

Bárbara: SÓ salve ela.-disse apagando

Eles novamente começaram a cesariana, estava muito delicada, estouraram a bolsa e fizeram o procedimento, tiraram a Cameron e a levaram, ela estava estável, Bárbara continuava apagada...Cameron estava com problemas respiratórios, a colocaram na encubadora RN, logo depois ela JÁ estava conseguindo respirar.

JUSTIN P.O.V

Doutor: Responsável de Bárbara Anne Palvin?

Eu: aqui! como está minha filha?

Doutor: tenho 2 notícias, uma boa e outra má...a boa é que sua filha JÁ está bem, teve umas complicações mas ela JÁ está em perfeito estado...Mas...

Eu: e a Bárbara?

Doutor: a Bárbara está desacordada, ela está tomando soro pra se repor por causa da perda de sangue da cirurgia, seus batimentos cardíacos estão fracos...não temos certeza a ela poderá sobreviver, a cirurgia foi delicada, ou era ela ou a filha...existem possibilidades dela sobreviver, mas são pequenas.

Eu: meu deus! VOCÊS NÃO SABEM TRABALHAR? QUE MERDA DE HOSPITAL É ESSE? VENHO AQUI COM MINHA MULHER E MINHA FILHA E VOCÊS ME DIZEM QUE SÓ UMA VAI SOBREVIVER? ACHA QUE SOU OQUE? DE FERRO? COMO SE UMA NOTICIA DESSA FOSSE FÁCIL? DE UM JEITO DE SALVAR MINHA ESPOSA!

doutor: senhor se acalme!

Eu: SÓ VOU ME ACALMAR QUANDO EU TIVER MINHA FILHA E MINHA ESPOSA.

》》》》》》》》


Notas Finais


Pequeno? Sim! Desculpa, vou postar daqui a pouco...esse capítulo foi inspirado no parto da minha prima😥❤

Boa noite😍😙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...