História Outro Lado - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias LaLi Esposito, Peter Lanzani
Personagens Lali Esposito, Personagens Originais, Peter Lanzani
Tags Amor, Drama, Fama, Romance
Exibições 10
Palavras 576
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Enrolei bastante para escrever algo sobre esses dois, mas a ideia veio e não vou me segurar. Só que como sei que estou ocupada e agarrada, não irei postar esse ano, apenas lhes dou um gosto do que está por vir. Começarei as postagens em janeiro de 2017, espero que gostem.

Capítulo 1 - Prólogo


Fanfic / Fanfiction Outro Lado - Capítulo 1 - Prólogo

Peter: Você tem o número da Lali?

Yeyo: Depende pra que?

Peter: Apenas quero falar com ela.

Yeyo: Por que agora?

Peter: Está muito intrometido, pequeno. Vai passar ou não?

Yeyo: Passo. +55 11 1024-2007, juízo em.

Algumas horas depois....

+55 11 2009-2410: Olá, faz bastante tempo né.

Lali: Quem é?

+55 11 2009-2410: Nossa, não se lembra de mim, nenita?

Lali: Peter?É você?

Peter: Acertou. Hum, tudo bem?

Lali: Sim. Só estou curiosa do por que está me chamando.

Peter: Curta e grossa, mais curta que grossa né. Hahaha

Lali: ���� (emoticon revirando os olhos)

Peter: Ok, apenas fiquei preocupado. Na verdade, não sei por que te chamei.

Lali: Eu sei, foi pelo o que aquele homem falou de mim. Um monte de gente veio falar comigo, mas estou surpresa que depois de anos você me chame por isso.

Peter: Ok desculpa, eu apenas senti esse impulso de saber como você estava. Sim, faz anos que não conversamos, só que eu te conheço ou conheço algumas coisas sobre você e eu sei que você está triste pelo o que aconteceu. Eu vi a entrevista que você deu para .... e vi que não gostou nem um pouco do que aquele cara disse e por mais que sua vida esteja ótima profissionalmente, alias parabéns pela turnê, as palavras daquele homem te machucou por que você sentiu algo por ele e achou que iria ser duradouro.

Lali: Não fale como se me conhecesse, Juan.

Peter: Ok Mariana, desculpa me meter. E sim, talvez não nos conhecemos mais. Desculpa e boa sorte.

Lali: Não, me desculpe você. Eu só queria saber como que faz isso, como ainda consegue me entender com apenas uma entrevista pela tv.

Peter: Eu te conheço há anos, e apesar de negar isso para mim mesmo, eu sei exatamente quando está mentindo ou quando é sincera, amadurecemos juntos apesar de você ter dito que amadureceu primeiro.

Lali: Você nunca se esquece disso, né. Meninas realmente amadurecem primeiro.

Peter: Deu a impressão que eu era um crianção e você a super adulta, e sabe que não era bem assim.

Lali: Me perdoa, era isso que eu dizia para mim mesma.

Peter: Você e suas ideias. Você percebeu que não me respondeu?

Lali: Não respondi o que?

Peter: Se fazer de boba não combina com você.

Lali: Estou bem, sério. Me magoa que tem gente que concorda com ele, mas é a vida.

Peter está ligando...

- Não precisava me ligar. – Lali diz, mas um sorriso se desperta em seu rosto.

- Esse tipo de conversa é melhor ser por telefone, vá que alguém pega o que estamos escrevendo e divulgam por aí. Acontece várias vezes, tem até um caso recente, não sei se sabe. – Peter fala sorrindo.

-Nossa tão engraçado você. – Ela disse.

- Agora pode ser sincera e conversar comigo? – Ele pediu, e mesmo que estivesse relutante em dizer algo que apenas disse para aqueles que eram próximos a ela, acabou se lembrando do quando confiava em Peter, ele era seu porto segurar e acabou que a conversa durou mais de uma hora.

Depois de anos conversaram de tudo, sobre projetos profissionais, sobre suas famílias, sobre a vida, e a conversa durou mais tempo que o esperado e um vínculo que parecia não existir mais com apenas horas de falação começou a se reconstruir. E foi nesse dia que Lali e Peter recomeçaram uma amizade que foi esquecida e deixada de lado por anos.


Notas Finais


Vejo vocês em janeiro, comentem o que esperam. beijos e até mais!
twitter: @vixishippei


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...