História Paint Ball Of Love - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Personagens Originais
Tags Austin Mahone, Camren, Camren G!p, Fifth Harmony, Romance
Visualizações 1.185
Palavras 1.311
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 21 - De Volta Ao Mundo Paralelo


Camila POV.

É madrugada. Lauren terminou comigo ontem a noite, eu chorei muito por um tempo, mas depois eu percebi que eu não estou errada.

Fala sério, eu defendi o meu amigo, isso não é errado, isso é apenas a minha opinião. Ela disse que amadureceu, mas tudo o que ela fez ontem, não tem um pingo de maturidade.

Ela terminou comigo por uma briga boba. Mas agora não tem mais volta, eu aguentei muita coisa. Ela só me fez sofrer, mas agora é para valer, não vou voltar com ela nem que se arraste atrás de mim. 

Ainda era muito cedo para começar a me arrumar para a escola, mas mesmo assim, peguei duas toalhas e fui em direção ao banheiro, coloquei a banheira para encher, enquanto isso eu olhava o meu reflexo acabado no espelho.

Tomei um banho bem demorado e relaxante, diferente do costume. Terminei de me trocar e fui acordar Sofia, como hoje vamos a pé, temos que sair mais cedo. Acordar a Sofia já era uma tarefa difícil no horário normal, mas fora do horário era quase impossível.

_Não quero acordar agora, Kaki._ Disse com a voz abafada pelo travesseiro.

_Eu sei, meu amor. Mas hoje a gente vai ter que ir andando, então, vamos ter que sair mais cedo pra chegar a tempo._ Expliquei com paciência.

_Cadê a Lolo? Por que ela não vai vim me buscar?_ Perguntou já desperta.

_Eu e a Lauren não somos mais namoradas, então ela não vai mais vim buscar a gente.

_Ela não me ama! Se ela me amasse ela ia vim me ver, mesmo sem namorar você. Ela mentiu pra mim, Kaki, Ela disse que me amava._ Disse começando a chorar.

_Eu sei, meu amor. Ela mentiu pra mim também.

Fiquei um tempo acalmando a Sofi, ela chorou muito, mas logo se recuperou. A ajudei a se arrumar e descemos para tomar café da manhã. Durante o caminho eu consegui distrair a Sofia, a deixei na escola e fui para a minha.

Quando cheguei fui para o meu grupo de amigos, todos estavam me encarando como se eu tivesse perdido minha mãe e não terminado um namoro.

_Oi galera._ Comprimentei.

_Oi, Mila. Como você esta?_ Dinah perguntou.Ela já sabia de tudo, pois me aguentou boa parte da madrugada chorando no telefone.

_Estou bem. Decidi que não vou correr atrás da Lauren. Ela foi criança, agora eu vou seguir a vida sem ela._ Decretei.

_É isso ai, Mila. É assim que se fala._Harry comemorou.

_Mila, você tem certeza que isso é o que você quer?_ Justin perguntou._ Eu agradeço por você ter me defendido, mas não quero ser o culpado por arruinar o seu namoro._ Lamentou.

_Você não é o culpado, ela é. Mas agora isso  passado._ Disse tentando me convencer a deixar isso no passado.

_Nós tínhamos combinado uma viagem pra casa de praia da minha família, convidamos o grupo da Lauren também, mas se você quiser, nós podemos desconvidar._ Harry disse.

_Não, esta tudo bem. Eu vou ter que conviver com a Lauren. Só vou ter que falar com os meus pais, mas eles provavelmente já deixaram, minha mãe estava querendo que eu fosse essa semana pra casa da minha avó. Quando vai ser?_ Perguntei. Minha mãe estava tentando me convencer a faltar essa ultima semana de aula, tudo por conta do término.

_Nós vamos na sexta a tarde e voltamos no domingo da semana que vem. Eu adoro estar de férias! Quando que eu iria poder me dar a esse luxo?! E eu amo a tia Sinu, quando eu termino um namoro a única coisa que a minha mãe fala é: "Eu disse que ele não prestava, mas você nunca me ouve"._ Harry disse nos fazendo rir.

O resto do dia foi normal, esbarrei com a Lauren algumas vezes, e em todas elas tinha uma menina diferente agarrada no seu pescoço. Eu fiquei muito chateada, eu já não voltaria com ela, mas agora nem respeito eu terei, ela terminou comigo hoje e já está competindo para ver quem pega mais menina com a Verônica. Isso é de mais para mim.

Estávamos na aula de física e eu só conseguia ouvir a Lauren falando do meu lado quantas garotas ela pegou.

_Vero, você pode ter pego mais meninas que eu, mas eu peguei a gostosa da professora de química, ela tava quase se jogando em cima de mim. Eu comi ela inteira, e depois ainda ganhei um boquete. Hoje meu dia não pode ficar melhor!_Lauren se gabou.

Isso foi o meu limite. Saí correndo da sala, não iria aguentar mais nenhum segundo daquilo. Eu sei que não posso mais sofrer por isso, mas eu não consigo.

Entrei no banheiro e fui para a última cabine, não queria que ninguém me ouvisse chorar. O que não deu certo, porque alguém entrou no banheiro.

_Camilinha. Eu soube pelos corredores que a Lauren te deu o pé na bunda._ Meu corpo travou ao ouvir aquela voz._É uma pena que agora você fique desprevenida, chorando pelos cantos._ Austin lamentou falsamente.

Não saí do lugar, não falei, nem respirei. Ele não podia me achar. Mas como ele parece ter um radar, ele me encontrou.

A porta da cabine foi aberta lentamente, Austin entrou, e eu fui para o meu mundo paralelo, que eu acabei de descobrir que a Lauren foi adicionada.

Austin arrancou as minhas roupas e lambeu todo o meu corpo, enquanto eu conversava com a Lauren, em meu mundo paralelo.

Quando ele finalmente ficou satisfeito, me deixou no chão. Sem roupas, com dor, sangrando e com muita vergonha. Não queria levantar, não podia. Nada funcionava no meu corpo. Então eu fiquei ali, parada, com medo dele voltar para uma segunda rodada.

Foi quando eu vi a porta do banheiro ser aberta, me preparei para a segunda rodada de vergonha. Mas me surpreendi, ao ver que não era o Austin, e sim a Verônica.

_Meu Deus, Mila. Quem fez isso com você?_ Vero disse segurando o meu rosto com as mãos._ Vem eu vou te ajudar, levanta do chão._ Pediu.

"Eu não consigo levantar, Vero". Pensei, mas não consegui dizer. Ela tirou a jaqueta de couro que estava o colocou em mim, que estava apenas de sutiã, com a calcinha rasgada e a calça no joelho.

_Eu vou te levantar, okay? Vou subir as suas calças e a gente vai falar com o diretor. Tudo bem?_ Tentei negar, mas ela me interrompeu._ Mila, isso não pode de jeito nenhum continuar acontecendo. Nós vamos falar com ele sim.

Ela me pegou no colo e me colocou em pé, subiu a minha calça. Colocou-me sentada na pia de mármore, pois, segundo ela, eu não estava me aguentando em pé.

_Alguma coisa está doendo?_ Perguntou atenciosamente.

Antes que eu conseguisse responder, a porta do banheiro se abre novamente. Dessa vez quem entra é a Dinah e a Ari.

_Mila, o que aconteceu?_ Dinah correu até no mim.

Logo em seguida a porta se abre novamente, mas dessa vez quem entrou foi ela, a Lauren.

_O que está acontecendo aqui?_ assim como a Dinah, ela correu em minha direção.

_Ela não quer falar._ Vero disse._ Mas assim que eu cheguei aqui no banheiro, ela estava jogada no chão com a camisa e a calcinha rasgadas. E estava sangrando.

_Camz, olha pra mim amor._ Lauren pediu e eu obedeci. Eu odeio o poder que ela tem sobre mim._ Foi ele quem fez isso com você?_ perguntou sem tirar a mão da minha cara.

Assenti com a cabeça. Lauren ia se retirar, mas as meninas não deixaram.

_Me solta, eu vou acabar com ele! Me solta, Vero._ Vero se manteve firme.

_Olha pra ela, Laur. Você acha que ela quer você correndo atrás de um bosta que nem o Austin? A gente precisa falar com o diretor e ir na polícia, isso tem que acabar aqui._ Vero pontuou.


Notas Finais


Oi, voltei.

Dessa vez nem deu tempo de sentir saudade.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...