História Pair of wings - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Timberlake
Exibições 9
Palavras 1.240
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Hentai, Romance e Novela, Visual Novel
Avisos: Adultério, Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 12 - Parte 12


Fanfic / Fanfiction Pair of wings - Capítulo 12 - Parte 12

Amber veio se desculpar hoje de manhã, disse que tinha bebido além da conta e que foi uma idiota. Acabei perdoando, ela era minha única amiga, morávamos juntas, estávamos em pleno Ano Novo… Justin e eu não dormimos no mesmo quarto. Ele achou melhor ficar em outro. Isso me decepcionou um pouco porque apesar de tudo, eu o queria comigo.

 Último dia do ano e eu tinha acordado bem e feliz. Essas datas sempre me animavam, era minha época preferida. Acordei tarde, passava do meio dia. Noite passada fiquei remoendo o que Amber tinha dito, chorando e me sentindo envergonhada…

 Uma ideia fixa não saía da minha cabeça. Eu havia pensado muito e estava decidida. Tomara que não seja tarde demais…  Ano novo, vida nova! Eu precisava mudar o meu jeito, ter mais atitude, coragem e expor meus sentimentos e vontades, mesmo que as pessoas me julgassem ou acabaria perdendo-o…

 Essa Tessa frágil, inocente e boba, complicaria demais as coisas. Eu mesma sabia que isso irritava ás vezes, era cansativo e ele poderia acabar se cansando também. E eu não queria isso!

 Pedi o almoço no quarto e Justin veio me ver. Almoçamos juntos, ele me chamou pra darmos uma volta, mas eu recusei alegando que estava muito cansada, que ia dormir um pouco ou iria passar o fim do ano dormindo!  Combinamos de nos ver á noite e eu fiquei trancada o dia todo vendo TV e cochilando.

 Ás17h, Am bateu na porta com toda a sua parafernália que ela chamava de ‘kit essencial de festa’. Esmaltes, secador de cabelo, chapinha, maquiagem, perfume, acessórios…  Tomei um banho, ela deu um jeito em minhas unhas, alisei o cabelo e fiz um moicano na franja, me maquiei, coloquei um vestido branco de renda, acessórios dourados e uma rasteirinha, já que a festa seria na praia!

 Por volta das 21h, ambas prontas, saímos em direção á praia de frente pro hotel. A decoração estava linda, digna de um filme daqueles que você sempre teve vontade de ir. A comemoração seria privada, somente pro hóspedes do hotel!

Dei de cara com Justin conversando com um grupo de meninas, todas sorridentes demais. Ele lindo de morrer, com uma camisa e calça branca e descalço. Perfeição!  Amber me olhou com aquela cara de “lá vamos nós de novo com sua choradeira”, mas não, eu não iria chorar ou sair correndo.

 Respirei fundo reunindo todas as minhas forças, olhei fixamente pra ele, ergui a cabeça e mentalizei “você precisa ir até lá”. E fui, caminhando com passos firmes e decididos.  Nunca mais na minha vida eu iria vê-lo beijando outra na minha frente. Pelo ou menos não pela minha falta de iniciativa!

 - Oi- toquei o braço dele.

 - Oi Tess- ele sorriu, surpreso.

 - Só vim avisar que… Que eu e a Amber já chegamos!- tentei não gaguejar.

- Já vou até lá!- ele sorriu. Virei as costas e fui ficar com a Am.

 - Nada mal, hein?!- ela também estava surpresa.

 Sorri interiormente com a aprovação dela e principalmente, da dele. Peguei uma taça de vinho, me sentei e fiquei esperando.

JUSTIN ON

 Eu estava conversando com umas meninas que encontrei na praia, fãs, pra ser mais específico. Senti alguém tocar o meu braço e era ela! Um pouco diferente, mais segura e que me surpreendeu por ter vindo falar comigo, o que geralmente não acontecia.

 Continuei ali com as meninas por mais algum tempo, apenas observando-a de longe. Tess estava sentada num pufe, bebendo, me olhando vez ou outra. Ela estava linda com aquele vestido!

 Não muito depois, Amber deixou Tessa com Trace e veio falar comigo.

 - Posso falar com você?

 - Claro!

 - Tá vendo a Tess?- ela me indica com a cabeça e vejo-a conversando com um cara- Já é o terceiro que vem falar com ela- ela ri.

 - Percebi isso enquanto olhava pra ela- sorri sem graça.

 - Ela não tá a fim de conversar com ninguém, acho que só com você!

 - Amber- comecei a falar- Você acha que ela gosta mesmo de mim?

 - O QUE?- ela gritou gargalhando em seguida- Faz mais de meia hora que ela tá te esperando, não para de olhar pra você e nossa, ela gosta mesmo!

 - E sobre aquilo que você disse no outro dia?- perguntei- Dela nunca ter…

 - Aquilo foi muita mancada da minha parte, eu sei- ela fica sem graça- Jamais deveria ter dito.

 - Mas é verdade?- quero que ela me diga.

 - O que você acha?- Amber me olha de um jeito óbvio.

 - Ok, já entendi- falo e sorrimos juntos em sinal de cumplicidade.

 Amber voltou pra onde estava e fui pegar uma bebida. Quando fui até a Tessa, vi que todo mundo estava dançando, se divertindo, menos ela. Tive pena e ao mesmo tempo fiquei lisonjeado por ela ainda estar me esperando… Cheguei devagar ao lado dela e sentei junto no pufe.

 - Não vai dançar?

 - Estava te esperando!- ela sorri tímida, dando uma mordida em uma uva.

 - Também quero morder- disse com malícia.

 - A uva?- ela não entende.

 - Não, a sua boca!

 Tess me olhou de um jeito sexy. Aproximei minha boca da dela e a beijei com vontade. (…)

TESSA ON

 Interrompi o beijo quando comecei a ouvir os primeiros acordes de uma música dele!

 http://www.youtube.com/watch?v=MWd4BJRExNw

 O puxei pela mão levando-o até onde todos estavam dançando. Comecei a me insinuar enquanto ele me via dançar, rebolando no ritmo da música, me deixando levar… Senti as mãos dele em minha cintura, dando um beijo demorado em meu pescoço.

 - Não faça isso- ri maliciosamente.

 - Não to fazendo nada- me faço de desentendida.

 Justin me puxa pela mão e me leva até umas pedras, ao fundo da praia. O beijo dele era maravilhoso, a pegada, o perfume, os sorrisos… Continuamos nos pegando forte, as mãos dele acariciando mina coxas por cima do vestido e eu pouco me importando se alguém estava vendo, eu só queria ir até o fim…

 - Eu quero você- me peguei falando.

  Vi seu rosto se iluminar e seus lábios se abrirem num sorriso imensamente lindo!

 - Fica comigo Tess- ele sussurra em meu ouvido, mas não era uma pergunta, era um pedido!

 Assenti e ele me beijou novamente, pegando em minha mão, segurando-a forte. Subimos as pedras e ficamos ali, olhando o mar, de cima.

 - Cinco minutos pra meia noite!- ele diz animado.

 Vejo que ele segura uma garrafa de champanhe. Dou mais um gole no meu vinho, tomando tudo de uma só vez. Minhas pernas quase não me obedeciam mais e eu só sabia rir, aquele efeito bom da bebida!

Meia noite e fomos pegos por inúmeros fogos de artifício no céu, iluminando a noite. Era maravilhoso visto de onde estávamos! Me agarrei nele e o beijei, inalando seu perfume.

 - Feliz Ano Novo!

 - Feliz Ano Novo!- ele retribui o beijo e abre a garrafa de champanhe. Bebemos na garrafa mesmo, compartilhando até isso!

 - É o melhor dia da minha vida!- disse rindo descontroladamente, de felicidade.

 - E ainda nem começou!- ele me instiga, mordendo o lábio.

 Demos as mãos e caminhamos até o hotel.

 - Espera- falei quando passamos em frente ao meu quarto- Preciso de uma coisa!

 Entrei, abri a mala, respirei fundo mais uma vez, me troquei e coloquei o vestido novamente! Abri a porta e fomos pro quarto dele, meu coração aos saltos…

 (…)

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...