História Paixão Incontrolável (VHOPE) - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Exibições 57
Palavras 450
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Suspense, Yaoi
Avisos: Álcool, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Bom boa leituras meus amores ^~^

Capítulo 13 - Minha Vida


Fanfic / Fanfiction Paixão Incontrolável (VHOPE) - Capítulo 13 - Minha Vida

*TAE* 

Logo depois que desliguei meu celular,deixando um JUng Hoseok preucupadíssimo ,fui caminhando ate a rua que tinha perto da praça onde eu estava, estava pensando em como eu sofri desde criança com um appa que nunca me amou,minha omma só ficava viajando não podia culpa-la era seu trabalho e sempre que poderia estava me apoiando,me apoio quando decidi contar sobre minha sexualidade,de verdade mesmo que distante ela foi uma boa omma,não a culpo por ser estuprado,estava chorando a minha vista começou a ficar turva, parei de caminha e me agachei pra tentar me recuperar, mais me recuperar de tudo isso? Eu sou fraco pro que está acontecendo deveria estar enfrentando as coisas de cabeça erguida mais não cá estou eu sei la onde fugindo de tudo e de todos ate da pessoa que eu amo. Não demorou muito e comecei a pensar em Hoseok, ai meu Hoseok, aqueles seus beijos,seus abraços,suas palhaçadas,suas caricias,ele me fazia tão bem, ele me mudou ,me fez ver que  amor existe sim,e existe pra todo mundo sem exceção. Continuava no mesmo lugar agachado,tentando enxugar minhas lágrimas que encistem em cair, eu até tento força-las a parar,mais na verdade estava botando tudo pra fora,tudo oque eu vivi durante esses meus 18 anos de vida. Eu simplesmente não conseguia sair dali,olho para um lado e vejo pessoas me olhando assustadas e estava ouvindo gritos pra que eu saísse de onde estava,eu queria sair mais minhas pernas não respondia aos meu comados mais. Quando resolvi olhar fixamente pro lugar onde eu estava. Consegui ver que estava no meio da rua,e quando menos eu esperei vi um carro em minha direção, só consegui enxergar a luz alta do carro que vinha em minha direção, eu simplesmente não fiz nada,porque será que a morte vai salvar-me de todas as dores que se fazia presente fisicamente quanto moralmente? A morte mesmo é toda a solução pros meus problemas? 

Só deu tempo de ouvir, o motorista tentar frear,mais ele não consegui me acertando em cheio. Lá estava eu jogado na rua todo ensaguentado,respirando com dificuldade,consegui ver algumas pessoas se aproximando e chamando por socorro. Eu estava morrendo, e a única coisa que me veio em mente foi Hoseok sorrindo pra mim,me permitir  deixar uma gota de lágrima escorrer em meu rosto,lembrava de seus toques quando de repente a minha visão começa a escurecer,sinto minha cabeça queimar e meu coração quase explodir de dor, meus olhos começam a fechar vagarosamente, eu sabia de uma coisa,e eu queria falar apenas uma coisa.

- H-hope e-eu t-te a-amo minha e-esperança - Disse quase em um susurro em que nínguem parecia me ouvir foi ai que eu não consegui ouvir e nem ver mais nada....


Notas Finais


- To precisando muito melhorar essa história oque vocês acham?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...