História Paixão Sobre Duas Rodas... Segunda Temporada - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Renato Garcia
Exibições 54
Palavras 1.421
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Festa, Romance e Novela, Sobrenatural
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Cara a foto de capa ficou maravilhosa, palmas ao fotógrafo 👏👏💜




Boa Leitura (:

Capítulo 14 - -Príncipe Da XJ


Fanfic / Fanfiction Paixão Sobre Duas Rodas... Segunda Temporada - Capítulo 14 - -Príncipe Da XJ

14 de janeiro de 2019

04:15 Am...

Acordei com o celular do Renato berrando no meu ouvido. Me sentei na cama e peguei o celular do Renato desligando o despertador.

Coloquei o celular na escrivaninha e começei a beijar o rosto do Renato.

Eu: Acorda principe da xj -falo e ele dar um sorriso- Que sorriso lindo...

Renato: Seu príncipe né! O seu sorriso que é bonito! -fala e me dá um selinho-

Revirei os olhos na zoação, e me levantei para ligar a luz, assim que liguei a luz, fizemos cara feia e o Renato se levantou.

Desliguei o ar, e abri cortina e em seguida a janela, fazendo o vento frio entrar.

O Renato me "sarrou" na hora que eu abaixei pra pegar minha sandália e senti o volume do seu membro.

Eu: De manhã cedo amor? -falo e ele rir-

Renato: Não, calma, eu não tô de pau duro, só te sarrei de jeito! -fala e eu me viro, ficando de frente pra ele-

Eu: Vai tomar banho! -falo rindo-

Renato: Okay -fala e me rouba um selinho-

O mesmo "correu" pro banheiro mas esqueceu a toalha, fiz uma cara safada ao olhar pra toalha, e escondi a mesma em baixo da minha.

Peguei minha roupa, na verdade meu macacão de moto, coloquei em cima da cama, e a bota no chão.

Peguei minha leggin preta e minha regata preta, coloquei tudo em cima da cama e esperei o Renato sair do banho.

Minutos Depois...

Ignorei o Renato por uns dez minutos, e ele pedindo a tolha e eu só ignorando, até que ele põem a cabeça pra fora do banheiro.

Renato: Pega aí, por favor! -fala e eu dou risada-

Eu: Amor vem pegar! A toalha tá bem aqui! -falo e aponto pra toalha ao meu lado-

Renato: Se eu tô pedindo é porque eu não quero sair pelado -fala e eu reviro os olhos-

Eu: Eu já vi o que você quer esconder! -falo e ele revira os olhos-

Renato: Ai Nathalia, ai é outra coisa né! -fala e eu me seguro pra não rir-

Eu: Mano, vem se não eu vou te arrastar daí até a toalha... -falo e ele vem com a mão tentando cobrir o seu membro-

Renato: Para de me olhar cão! -fala e eu tenho uma crise de risos-

Eu: Amor, acho que você inverteu os papéis, era pra mim ter vergonha né, não você! -falo e ele rir-

Renato: Ah, sei lá, eu sou assim desde novinho... -fala e eu pego minha toalha- Pode deixar a toalha aqui!

Eu: Porque? -falo e deixo a toalha em cima da cama-

Renato: Quero ver se você não tem vergonha mesmo! -fala-

Eu: Okay, mas se você ficar de pau duro, a culpa não vai ser minha! -falo e entro no banheiro-

Fiz minhas higienes, e tomei um banho frio. Menina corajosa em tomar um banho frio, nesse frio de Londrina.

[...]

Assim que terminei, abri a porta e sai do banheiro pelada, peguei minha toalha e me enrolei.

Eu: Satisfeito? -pergunto e ele afirma-

Renato: Ok, você ganhou! -fala e eu dou risada-

Me enxuguei e vesti minha lingerie preta de renda na sua frente. Vesti minha regata preta e em seguida minha leggin, juntamente com minha meia cinza.

Vesti meu macacão, calcei a bota, e fui pentear meu cabelo...

Enquanto penteava meu cabelo, percebi que o mesmo estava no meio da costa, quase encostando na bunda...

Digamos que eu fiquei pasma por não ter percebido isso, mas tudo bem.

Renato: Vamo tomar café Nathalia... -fala e eu deixo a escova em cima da pia-

Ao sair do quarto, fechei a porta e desci com cuidado, pra bota não fazer barulho enquanto eu descia.

Renato: Não precisa descer assim Nathalia, a mamãe já está acordada! -fala e me imita descendo a escada-

Eu: Ah, eu não sabia, então não me julgue! -falo e desco normal-

Entramos na cozinha, e dei um beijo na testa da dona Irene e peguei uma xícara.

Coloquei um pouco de leitei, e um pouco de toddy em pó. Eu não gosto de café então eu sempre tomo toddy.

Esquentei um pão na chapa, e fui comer meu café da manhã...

Dona Irene estava, agarrada no Renato o tempo todo, creio que por que ele vai viajar e não tem previsão de quando voltar.

Aquela cena é tão maravilhosa, o Renato tem sorte de ter um pai e uma mãe ao seu lado.

Lavei minha louça ao terminar de tomar meu café, e subi para escovar meus dentes.

[...]

Ao terminar de escovar meus dentes, coloquei um hals preto na boca e mastiguei o mesmo.

Adoro fazer isso, mas o bom é chupar o hals, fazer o que! Eu tô com pressa.

Renato entrou no quarto, escovou seus dentes, passou perfume, e colocou suas pulseiras no pulso.

Eu: Tá gato demais hein! -falo e aperto sua bunda-

Renato: Pra andar contigo, tem que ser arrumado, porque puta que pariu ô menina que gosta de se arrumar! -fala e me beija-

Eu: Pior que não! -falo-

Renato: Aham, tá! -fala e pega a mochila, junto com a chave do caminhão-

Coloquei meu capacete no braço, peguei a chave da moto, e desci, a adrenalina já estava percorrendo em meu corpo, e eu já estava elétrica demais.

Eu: Dona Irene, obrigado, e desculpa qualquer coisa! -falo e beijo seu rosto-

Irene: Que isso, foi uma honra ter minha nora aqui em casa -fala e a gente rir juntas-

Eu: Nossa! -falo e me aproximo do seu ouvido- Meu sonho, ser sua nora novamente -falo baixo em seu ouvido-

Irene: Relaxa, certeza que vai! -fala e me abraça- vai lá!

Esperei o Renato se despedir da mãe dele e na hora que a gente virou as costas o Gui e a Dani abraçaram a gente por trás.

Eu: Tchau bebê -falo abraçando a Dani decentemente-

Dani: Tchau gostosa, até mais! -fala e eu beijo seu rosto-

Desfiz o abraço com Dani e abraçei o Guilherme, e o mesmo falo baixo em meu ouvido.

Guilherme: Cuida bem do meu irmão, tá? -fala-

Eu: Sempre cuidei! -falo e beijo sua testa-

Guilherme: Tchau, boa viagem, vão com Deus! -fala-

Desfiz o abraço com Gui e vi a Dani chorando abraçada com o Renato...

Abraçei os dois e falei no ouvido da Dani...

Eu: Prometo que cuidarei dele! E farei ele voltar logo! -falo e ela sorrir ainda chorando-

Dani: Obrigado Nathalia, boa viagem pra vocês -fala e vai pra perto de sua mãe-

Antes de sair olhei as horas no relógio do celular do Renato e eram cindo da manhã.

Montei na moto e o Renato entrou no caminhão, coloquei meu capacete, liguei a moto e acenei dando tchau.

Sai na frente do Renato como ele pediu na noite anterior, e o mesmo veio atrás.

09:00 Am...

Paramos em um posto para fazer nossas necessidades e abastecer a moto.

Já que eu venho correndo com a moto, ela bebe bastante.

[...]

Assim que terminei de abastecer a moto, estacionei ela na frente de um restaurante, e comi um irogut com ceral.

O Renato comeu um misto com suco de goiaba...

[...]

Pegamos a estrada novamente era por volta das nove e meia, e eu meti o loko na BR.

​11:07 Am..

Chegamos no horário previsto, os meninos ajudaram a botar a caixa no meu quarto, e algumas na sala, só pra informar, as caixas estavam identificadas.

Eu ainda estava elétrica demais, tanto já cheguei limpando a casa, quase isso...

Fiquei pensado que eu e o Renato teríamos que viajar amanhã novamente pra entregar o caminhão e voltar de novo para São Paulo...

-Ai meu saco! -penso

​Horas Depois..

As coisas que vieram na mudança, já estavam em seus devidos lugares, porém eu estava exausta...

A eletricidade do meu corpo acabou e isso e ruim demais. E pra ajudar os meninos deixaram a cada uma porqueira.

O que eles não tiveram a capacidade de fazer eu tive que fazer sozinha, limpar a casa de cima a baixo novamente.

Estava jogada no chão do meu quarto, até que eu começo a sentir um mal estar na minha barriga.

Nem dei tanta bola para isso, e fui tomar um banho, porque eu estava suada demais.

[...]

Comi alguma coisa, os meninos estavam doidos pra sair comigo, não sei porque, mas eu rejeitei todos os convites...

Respondi algumas mensagens no Whatsapp e fui dormir um pouco, que no caso eu teria a certeza que acordaria de tarde.


Notas Finais


📌 Sorte de vocês que eu não consigo ficar muito tempo sem postar capítulo.

📌Mano, o que falar sobre esse capítulo? Gostei pakas dele.

📌 Agora já não sei vocês, então comentem aí, desculpa os erros, favoritem e logo a baixo temos nosso grupo do Whatsapp.

📌 https://chat.whatsapp.com/LRiFP5fNcf7CqbDYa3cBHZ


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...