História Para Que Lado Devo Ir? (IMAGINE) - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Lay, Sehun
Tags Baekhyun, Exo, Lay, Momo, Sehun
Exibições 56
Palavras 1.265
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiee
Obrigado por quem fav/Comentou no último capítulo 💙 A fanfic agora é um Imagine do Baek e do Sehun, eu quero fazer um suspense, tirem suas próprias conclusões😂

Boa leitura!💙

Capítulo 3 - Who Are You


Fanfic / Fanfiction Para Que Lado Devo Ir? (IMAGINE) - Capítulo 3 - Who Are You


- Hã??? 
Fiquei assustada, minha mãe disse que minha memória poderia voltar aos poucos, mas eu nunca tive um sonho, flash back, ou seja lá o que for antes.
Será que isso aconteceu no passado? 
Resolvi descer e  conversar com minha mãe que estava no sofá assistindo dorama. 
- Mãe?  - Falei e sentei ao lado dela
- Oi querida?
- Quando você disse que minhas memórias poderiam voltar de pouco em pouco, é possível que eu tenha algum sonho ou algo do tipo com alguma coisa que aconteceu antes do meu acidente?
- Porque?  Aconteceu isso? Com o que você sonhou?
- Aish, deixa pra lá 
- Você sabe que é muito importante contar qualquer coisa que você se lembrar para mim.
- Eu sei mãe, obrigado por cuidar de mim, eu te amo muito.
- Eu também filha, vem cá. - Ela
 me puxo para um abraço.
A noite se passou normalmente, e eu fui dormir.

LAY ON 

Eram 2:00 da manhã, havia parado de chover um pouco e decidi sair, fui até aquele parque, sentei em um banco e ali fiquei. Fiquei observando o parquinho, aquilo me trazia muitas memórias, eu amo esse lugar, foram os anos mais felizes da minha vida.

FLASH BACK ON

Estávamos brincando no parquinho,  sentamos nos balanços e ficamos nos fitando.
- Eu vou cuidar de você para sempre, seja no que for

FLASH BACK OFF 

- Eu preciso cuidar de você, no que for - disse para mim mesmo.

LAY OFF

BAEKHYUN ON

Eu preciso ser paciente, eu não sei como devo agir, eu sou o culpado de tudo, por minha culpa todas as memórias delas foram jogadas no lixo, se ela souber disso ela nunca irá me perdoar, ainda  mais pelo o que meu pai fez.
Eu preciso contar para ela mas ainda é muito cedo.

BAEKHYUN OF

S/N ON

Acordei, fiz tudo o que eu sempre faço,  tomei café  e fui levar as encomendas, minha mãe estava recebendo muitos pedidos, então eu estava levando muitas caixas, e eu tinha de ter muito cuidado para não derrubar de novo.
No caminho avistei Lay.
- Oi S/N precisa de ajuda? 
- Não obrigado, eu consigo levar - Lay não deu ouvidos e pegou algumas caixas, nós  terminamos as entregas juntos.
- Sabe S/N, eu gosto muito de Taboki
- Você poderia ir lá em casa comer, minha mãe sempre faz, que tal hoje no almoço? 
- Ah, eu aceito, muito obrigado pelo convite.
Voltei para casa, peguei meu material e fui para o colégio,  chegando lá encontrei Sehun em um banco no jardim e decidi ir até o mesmo.
- Oh Sehun! Está ocupado?
- O que você quer? - Ele fechou a revista a qual estava lendo e prestou atenção em mim.
- Obrigado pelo guarda-chuva,  foi muita gentileza da sua parte.
- De nada, agora pode ir...
- Só  mais uma coisa - O enterrompi.
- O que foi?
- Porque  você veio na chuva ontem? - Ele se levantou e me fitou.
- Não faça tantas perguntas, eu não gosto delas. - Ele saiu.
Esse menino é tão estranho. Eu estava andando até meus amigos até que Baekhyun  me parou.
- Olá S/N!
- Ah, olá Byun.
- Você está bem? Eu sinto muito pelo seu pai.
- Eu já estou melhor, mas eu vou encontrar quem fez isso com ele a todo custo! 
- Éh, o que você vai fazer hoje no almoço?  Vamos ir almoçar juntos!
- Desculpe, eu já marquei de almoçar com o Lay, mas fica para outro dia, pode ser?
- Ah sim então. 
Fui até minha sala onde as aulas passaram normalmente, já havia parado de chover e eu estava feliz com isso.

S/N OFF

BAEKHYUN ON 

Quando terminou a  aula vi Lay no corredor pegando seu material no armário,  e andei até ele.
- Porque você se importa tanto com ela?
- Do que você está falando? - Indagou confuso.
- Da S/N, você sempre está com ela, o que você quer?
- Eu vou cuidar dela Ok,  então pare de se intrometer na vida dela, eu não quero que você se aproxime mais dela, não quero que fira ela novamente. Você já fez de mais Baekhyun. 
- Quem é você?  O que você é dela? Um simples amigo, apenas isso, eu entendo que eu a feri e isso é a coisa de que eu mais me arrependo no mundo, já você nem a conhece direito e já acha que tem o direito de interferir na vida dela.
- Eu sou muito mais que um amigo, e a conheço muito mais do que você.  Pare de falar besteiras e apenas cuide da sua vida.
Quando ia bater naquele idiota ouvi a voz de S/N por ele.
Sai e fui para casa.

S/N ON

Encontrei Lay no corredor e fomos até minha casa, minha mãe abriu a porta para nós. 
- Mãe esse é meu amigo Lay, essa é minha mãe, Lee Seung Woo.
- L-Lay? - minha mãe parecia surpresa.
- Olá senhora Seung Woo - Ele estava sorrindo.
- Vocês já se conhecem? 
- Não querida, mas entre fiquem a  vontade. - minha  mãe estava estranha.
Sentamos no sofá até que minha mãe terminava  de preparar o almoço,  enquanto isso ficamos conversando.
Terminamos de almoçar e enquanto ia me arrumar para voltar ao colégio,  minha  mãe e Lay ficaram conversando. 

LAY ON

- Como você chegou até aqui? Eu estava com saudades de você!
- Isso é uma  história  complicada, mas me diga como você está? 
- Um pouco melhor, obrigada.
- Como está a S/N? Ela consegui lembrar de algo?
- Ainda não, mas ela está se esforçando. 
- Eu estou cuidando dela,  eu acho que deve ser melhor ela não se lembrar de tudo agora, isso vai machucar ela.
- Eu também acho, e agradeço por estar cuidando dela.
- É meu dever.
Depois disso S/N desceu e voltamos para o colégio,  quando estávamos indo para sala avistei Baekhyun no corredor, então decidi levar ela por outro caminho.

S/N ON

A aula começou e então a professora disse que teriamos de fazer um trabalho de biologia em dupla, e ela escolheu eu e Sehun, eu estava feliz pois seria uma oportunidade de  nos aproximarmos mais, já que ele é uma pessoa fechada.
Coloquei minha carteira ao lado dele, e esperei ele falar alguma coisa.
- Que parte do trabalho devo fazer? - Ele disse fitando o livro.
- A que você achar melhor. 
Ele pegou meu livro e marcou as partes que eu deveria resumir, e então começamos a fazer o trabalho. Durante quase uma hora ficamos em silêncio, até que  a professora falou que quem não terminou, ou seja toda a turma, deveria terminar em casa e trazer na próxima semana. Assim a aula acabou. 
- Oh Sehun! - Falei  para o menino que já estava saindo da sala, ele se virou e olhou para mim.
- Quando iremos terminar nosso trabalho?
- Amanhã a tarde, na biblioteca. - Apenas concordei, e ele foi embora.
Só restava eu na sala, então quando eu ia sair avistei alguém tapou meus olhos, e eu me assustei, logo depois as  mãos foram retiradas de meus olhos abrindo passagem para eu avistar o rosto de Byun Baekhyun.
- Vamos juntos para casa?
- Você me assustou! - eu disse ainda surpresa, ele riu e seguimos o caminho em silêncio quando passamos pelo parquinho perto de casa avistei um homem de cabelo loiro sentado em um banco, e então comecei a me sentir tonta...
Oque está acontecendo?


Notas Finais


E aí... vocês estão curiosos? 😸
Continua?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...