História Para Sempre - Long-Fic - Capítulo 1


Escrita por: ~ e ~Heart_Stone

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alya, Chloé Bourgeois, Gabriel Agreste, Hawk Moth, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Nathalie Sancoeur, Nathanaël, Nino, Personagens Originais, Plagg, Sabine Cheng, Sabrina, Tikki, Tom Dupain
Tags Adrinette, Ladrien, Ladynoir, Marichat, Originais
Exibições 67
Palavras 1.859
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Super Power, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oi aqui a Aquariana de novo...
Bom essa basicamente é a continuação da minha One que eu irei deixar o link nas notas finais.
Espero realmente que gostem...
Boa leitura e até lá embaixo...

Capítulo 1 - Sonhos


Fanfic / Fanfiction Para Sempre - Long-Fic - Capítulo 1 - Sonhos

 -Sua maldita. – Hawk Moth rosnou assim que recebeu um ataque meu que fez que ele sangrasse. –SEU INSETO VENENOSO EU VOU MATAR VOCÊ CUSTE O QUE CUSTAR. – ele grita com raiva e tenta me acertar com seus akumas

O que por pouco pegou em mim, mais foi impedida por alguma coisa, para ser mais exata: alguém.

-CHAT NOIR NÃO!!! – exclamei abraçando ele e sentindo seu corpo cair e me levar consigo

Coloco sua cabeça em meu colo e toco seu rosto.

-Chat, seu gato idiota por que fez isso? – reclamei. –Porque se arriscou por minha causa?

Ele sorriu minimamente.

-Eu... Faria... Qualquer... Coisa... Por você... My Lady. – ele diz entre ofegos

-Não faz isso comigo Chat. – pedi. –Não me abandona eu preciso de você comigo e ao meu lado.

Comecei a chorar e ele tocou minha bochecha limpando uma das lágrimas que escorria dos meus olhos.

-Não... Chore... Eu... Te... Amo My... Lady. – ele fala ainda ofegante

Sorri tristemente.

Então era isso?

Todo esse tempo ele me amou e eu nunca pude retribuir?

Sua respiração parou do nada e senti o desespero tomar conta do meu corpo.

-Chat, Chat. – comecei a chamá-lo e as lagrimas desciam mais e mais pela minha face. –CHAT, NÃÃÃÃÃOOOOO!!!

 

***

 

-NÃO. – gritei assustada e percebi que eu ainda estava deitada na minha cama

Eu estava ofegante e meu coração estava acelerado.

-Foi um pesadelo. – comentei para mim mesma. –Mais um para lista.

Senti em minha cama colocando as mãos no rosto e suspirando.

-Marinette? – ouvi a voz de Tikki e percebi que ela estava do meu lado me encarando preocupada

-Oi Tikki. – falei meio baixinho

-Os pesadelos de novo? – questionou se sentando no meu ombro

Assenti e sorri para ela.

-Pode voltar a dormir Tikki, eu vou ficar bem. – digo e ela assentiu meio receosa e foi para um travesseiro que eu havia feito para ela

Fiquei sentada pensando naquele pesadelo e no Chat Noir.

Fui até a sacada do meu quarto e fiquei sentada em um dos bancos observando a cidade que parecia calma agora, porém sei que hoje ou amanhã ou depois de amanhã Hawk Moth irá tentar atacar de novo e eu tenho que estar preparada.

Esse sonho fez com que eu começasse a refletir sobre isso e também tem o Chat Noir.

Os akumas estão ficando cada vez mais fortes e perigosos, outro dia eu percebi que estava com uma marca roxa na costela, e meu Lucky Charm não fez nada.

Acho que ele não cura o que está por baixo dos nossos uniformes e se me fez ficar preocupada com o Chat.

Será que ele está bem?

Será que ele também já se feriu durante uma das nossas batalhas?

Porque eu estou me importando demais?

Até ontem eu dava atenção para ele e agora ele não sai dos meus pensamentos.

Isso é umas das poucas coisas que estão me deixando confuso, além de eu não parar de pensar nele quando eu me aproximo do mesmo sinto meu coração acelerar e o nervosismo tomar conta de mim.

Isso é muito estranho.

A única pessoa com o qual eu senti isso foi o Adrien e agora pensando nele, sinto que ele tem ficado cada vez mais distante e mais triste.

Desde 2 anos atrás no nosso primeiro dia de aula em que ele me emprestou o guarda-chuva, senti que ele era solitário e precisava de apenas alguém para conversar.

Porém o meu coração me pregou uma peça fazendo-me apaixonar por ele, mesmo que eu queira que ele me note um dia, porque ele faria isso?

Tem tantas meninas lindas e perfeitas na minha escola, tem a Mirela, a Aurora, a Margot, a Janete, até a Chloé, admito que ela seja bonita e tal.

Porque ele se interessaria por mim?

Será que eu deveria notar a pessoa que sempre me deu atenção e que por ironia do destino eu rejeito apenas para não machucá-lo ainda mais?

Como eu odeio sentir isso.

Gostar de um garoto mesmo já tendo outro no coração.

Mais eu queria ter certeza de uma coisa agora.

O que realmente eu sinto pelo Adrien?

 

***

 

Como eu não consegui dormir resolvi tomar um banho para ver se esquecia de tudo isso.

Enche a banheira do quarto com uma água morna e entrei na mesma sentindo meus músculos relaxarem.

Depois de alguns minutos tentando manter meus pensamentos em ordem, o que era quase impossível porque sempre o Chat vinha na minha cabeça.

E aqui eu pensando nele de novo.

Sai da banheira e me enrolei em minha toalha saindo do banheiro com o cabelo preso em um coque.

Percebi que Tikki ainda dormia como eu queria estar nessa situação.

Balancei a cabeça e fui em direção do meu armário.

Serio porque eu tenho várias roupas se eu não uso nem metade delas?

Revirei os olhos procurando algo digno para usar.

Nada de interessante me chamou atenção.

A não ser...

Peguei uma caixa que estava quase escondida no fundo do armário.

Suspirei abrindo-a e revelando um belo vestido branco com mangas curtas e um lindo decote coração que tinha vários bordados e para completar tinha uma saia rodada com alguns babados que o deixavam fofo.

Eu havia feito esse vestido faz um bom tempo e nunca o usei.

Será que seria bom?

Acho que sim, mudar um pouco o visual.

Dei ombros e deixei a caixa em cima da minha cama.

Coloquei minha roupa íntima e em seguida vesti o vestido que coube perfeitamente.

Balancei a cabeça, lógico que daria eu usei minha própria medida.

Optei para umas botinhas pretas com saltinhos e passei apenas um brilho nos lábios e coloquei o colar que eu havia ganhado da Alya de aniversário.

Isso me fez lembrar que hoje é aniversário da Alya.

Como eu pude ser tão tonta a ponto de esquecer o aniversário da minha melhor amiga?

-Ai meu Deus. – resmunguei me sentando na cama

-Marinette. – ouvi a voz sonolenta de Tikki

-Me desculpe te acordei? – questionei

Ela negou rindo.

-Não, faz um tempinho que acordei. – respondeu. –Mais porque você está parecendo desesperada como se tivesse esquecido algo?

-Porque eu esqueci realmente. – reclamei me jogando na cama

Ela negou com a cabeça e começou a rir

-Mari você é tão lerda, esqueceu que você tinha lembrando-se disso semana passada. – disse. –E você resolveu fazer um vestido para ela?

Ri de mim mesma, Céus eu sou uma idiota.

-Obrigada Tikki – agradeci

Fui até meu armário e encontrei uma caixa preta com uma fita roxa.

-Voilá. – falei e coloquei a caixa em minha cama abrindo-a e retirando um vestido tomara-que-caia alaranjado que ia até a metade da coxa e tinha uma abertura na frente

Eu fiz esse vestido para ela usar no baile de formatura, que no caso ela vai com o namorado dela ou seja o Nino.

Espero que ela goste.

Coloquei o vestido de volta na caixa e o amarrei com a fita roxa.

Peguei uma bolsa branca que eu mesma fiz e peguei minha mochila.

Fui em direção da minha penteadeira e comecei a escovar minhas madeixas azuladas.

-Deixe-os soltos. – ouvi Tikki pedindo assim que fiz a menção de prendê-los

-Não sei não Tikki, acho que fico estranha de cabelo solto. – confessei

-Mari seu cabelo cresceu bastante, não é bom deixá-los soltos? – questionou e assenti

Soltei meus cabelos que caíram como cascatas em minha costa.

-Você está linda. – ela elogiou e entrou na minha bolsinha

Peguei o presente da Alya e desci as escadas.

Fui direto para a padaria me despedi dos meus pais, peguei alguns cokkies para mim e para Tikki.

Coloquei uns cinco para caso de emergência, sei Tikki não come muito mais é melhor prevenir caso a Ladybug tenha que aparecer hoje.

Cheguei na escola, subi as escadas e quando estava no corredor ouvi uma voz bastante familiar para mim.

-E ai Marinette. – virei dando de cara com Nino

-Oi Nino. – falei me aproximando. –Cadê a Alya?

-Ainda não chegou, porque você está com essa caixa? – questionou confuso

Bufei revirando os olhos.

-Nino Di Liello, não me diga que você esqueceu o aniversário da Alya? – questionei irritada

Ele arregalou os olhos e depois riu.

-Ai de mim se eu fizesse isso. – falou rindo e pegando uma caixinha na sua mochila. –Eu comprei para ela, não sei se a mesma irá gostar, então queria sua opinião.

Ele abriu a caixinha revelando um belo colar com as iniciais A+N.

-Own. – soltei um suspiro. –Ela irá amar Nino, tenho certeza.

Ele sorriu aliviado.

-Então o que você vai dar? – questionou tentando pegar minha caixa

-Opa. – bati em sua mão fazendo o mesmo reclamar. –Desculpa, mais eu acho que a Alya não iria gostar que você visse o vestido dela para a formatura antes da hora.

Ele franziu a testa.

-Ah... Agora mais do que nunca eu quero ver. – reclamou me fazendo rir

-Bom dia amiga. – ouvi a voz da Alya e sorri para ela. –Bom dia amor.

Ela deu um selinho no Nino, na MINHA frente.

Serio que ela quer me deixar de vela aqui?

Limpei a garganta fazendo os dois se separarem.

-Desculpa amiga. – pediu sem graça

-Tudo bem. – sorri. –Feliz Aniversário Alya.

Ela sorriu de orelha em orelha.

-Você lembrou. – sorriu

-Claro, eu nunca esqueceria o aniversário da minha melhor amiga. – respondi rindo lembrando-me de mais cedo

-Obrigada amiga. – ela me abraça e assim que me separo lhe entrego a caixa. –Ai... Sabe que não precisa me dar presente.

-Sabe que eu gosto de lhe dar presente, não é só você que tem esse direito. – falei e ela abriu a caixa

Vi o exato momento em que ela arregalou os olhos surpresa.

-Marinette isso é lindo. – disse pegando o vestido e o retirando da caixa

Ótimo estragou a surpresa do Nino.

-Eu amei. – ela disse me abraçando. –Vou usá-lo no baile.

-Esse era o objetivo. – confessei rindo

Ela guardou o vestido e foi até o Nino.

Sabia que ele dois iam namorar um pouco e sai de fininho.

Estava distraída e acabei esbarrando em algum garoto.

-Desculpe. – falei me afastando do garoto e o reconheci

Téo do terceiro ano e o melhor escultor da escola, foi ele que fez a estatua da Ladybug e do Chat Noir.

Ele tem cabelos castanhos sempre amarrados em um rabo de cavalo e olhos castanhos.

-Tudo bem Marinette. – falou sorrindo. –Então eu queria fazer uma pergunta para você.

Arqueei a sobrancelha surpresa.

-Pode falar. – pedi

-Então e-eu gostaria de s-saber se você gostaria de ir ao... – antes que ele completasse a frase alguém o interrompe, ou melhor o sinal o interrompeu e percebi que estava atrasada

-Me desculpe Téo, eu tenho que ir para a aula. – falei constrangida. –Depois você me fala.

Comecei a correr desesperada e como sempre a vida prega peças para mim.

Como sempre eu acabei esbarrando em alguém, o que fez nós dois cairmos, ou melhor nós duas.

-Ai. – ouvi sua voz reclamando

Levantei e fui até ela.

-Me desculpe. – falei estendendo a mão para ela

-Tudo bem. – ela diz pegando minha mão e se levantando

Assim que ela se levantou arregalei os olhos reconhecendo aqueles olhos cinza.

-Angel? – falei assustada e ela sorriu de lado

-Oi Mari.


Notas Finais


Desculpem alguns erros...

Aqui o link da minha one:
https://spiritfanfics.com/historia/para-sempre--one-short-6913543

Espero que tenham gostado...

Até a próxima...

Bjs da Aquariana


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...