História Para Sempre - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias The Walking Dead
Personagens Carl Grimes, Enid
Tags Chandler Riggs, Katelyn Nacon, Lauren Cohan, Romance, Steven Yeun
Visualizações 4
Palavras 1.758
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Escolar, Famí­lia, Shoujo (Romântico)
Avisos: Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 4 - Estranho


POV KATELYN
Acordei era 5:15 cedo pra caralho.
Rolei, rolei e rolei na cama e não consegui dormir levantei, tomei banho e desci as escadas quieta ou pelo menos tentei, parecia que estava em um filme de espiões, não seria muito boa nessas coisas sou disastrada de mais, cheguei a cozinha e como sou preguiçosa mesmo eu não ia fazer nada no fogão, então abri a gaveta e peguei um pacote de bolacha (sou Curitibana e falo BOLACHA sim kkklk) tirei o celular do bolso e abri o spotify pra escutar música (óbvio) tava ouvindo side to side da Ariana Grande (diva) e eu tenho um costume de quando eu como algo doce tenho que comer algo  salgado abri as portas da geladeira procurando o queijo ,presunto e a manteiga quando tirei tudo e coloquei na bancada abri o armário pra pegar o pão e adivinha?NÃO TINHA AFF, ah agora eu já tinha tirado as coisas da geladeira e ia comer sanduíche ponto, lembrei que tinha uma padaria na esquina então botei um casaco e fui ver se tinha pão (acho que tem né tipo uma padaria kkkl) 7:30  fechei a porta e comecei a andar no caminho fiquei com um pouco de medo vi um homem com nada mais que 55 anos, branco, de cabelo preto, e barba meio branca.

Apertei o passo até que sinto uma mão em meu ombro, olho para trás era o homem.
-Bom dia, qual é seu nome?.
-Katelyn...-falo meio receosa.
-Prazer Katelyn sou Negan. (não coloquei  Jeffrey porque Negan é mais nome de vilão)
-Prazer-serio estou com medo viro para frente e contínuo a apertar o passo.
-Por quê está andando rápido? Eu não sou o lobo mal.
-Impressão sua-gaguejo.
-De a pé tão cedo na rua? Mora por aqui?.
-Moro não, tava, tava fazendo caminhada- não falei a verdade mesmo não sou menina inocente de filme de terror né.
Chandler aparece ao meu lado sem eu perceber.
-Oi-ouço uma voz conhecida então rapidamente viro e olho Chandler.
-Oi-puxo ele para perto andando rapidamente.
-Que foi?-ele pergunta curioso.
-Depois te conto sussurro no ouvido dele.
Quando estamos longe daquele homem estranho eu resolvo falar.
-Aquele homem escroto estava me seguindo e me fazendo perguntas.
-Que tipo de perguntas?-ele olha surpreso e assustado olhando para trás.
-Primeiro ele colocou a mão em meu ombro e perguntou meu nome e depois perguntou se eu morava por aqui.
-E o que você respondeu?.
-Falei que meu nome era Katelyn e que morava longe.
-Acho que deu certo, ele parou de te seguir-ele fala olhando para trás.
-Tomará, o que você estava fazendo aqui?.
-Eu ia ir a padaria.
-Eu também comprar pão.
-Também- rimos.
-Nem vou mais agora estou morrendo de medo.
-Não vamos sim vai-ele me empurra fraco com o braço.
-Eu tô aqui com você.
-Tá mais só se você for comigo.
-Vamo então- ele ri.
Andamos mais um pouco conversando e chegamos na padaria entramos compramos o pão até que vejo o fini.
-Quero!-aponto para o fini.
-Ah a gente acabou de passar no caixa-ele ri.
-Quero!-faço beiço e cruzo os braços.
-Tá bom.
Pego o fini e levo ao caixa paguei e fomos andando.
-Ai caraio tô me cagando.
Chandler ri.
-Ah você ainda acha engraçado né? -lhe dou um tapinha no braço.
-Eu vou com você.
-Sério?.
-Sim ué, mais antes podemos passar na minha casa deixar o pão?.
-Claro.
Como a casa dele é caminho para a minha deixamos o pão na casa dele e seguimos, quando chegamos  na porta da minha casa acabo derrubado a chave eu logo me abaixo para pegar a chave só que Chandler também então batemos a testa e rimos, ele pega a chave e me dá, abro a porta e brinco.
-Bem vindo ao meu recinto- rimos.
Deixo o pão na mesa que na verdade nem queria mais comer.
-Depois dessa só vou sair de casa acompanhada.
-Calma Katy-ele segura em meus braços.
Ficamos conversando e nem percebemos que Maggie descia as escadas.
-Bom dia-fala ela passando as mãos nos olhos.
-Oi- dizemos juntos.
-Acho que tô vendo duplicado-nos rimos-Querem me explicar isso?.
-Eu estava indo a padaria da esquina e...-ela não me deixa eu terminar e ne interrompe.
-E quem deixou a senhorita ir a padaria da esquina?-Ela ri.
-Continuando ... Daí tinha um homem atrás de mim e eu tenho certeza que ele tava me seguindo ele perguntou meu nome e se eu morava por aqui, eu respondi que meu nome era Katelyn e que eu morava longe dai esse herói- rio nessa parte apontando para o Chandler sendo brincalhona- Apareceu e me salvou e comprei pão.
-Que? Deixa eu processar, não acredito, viu por isso que eu falo pra você não fica andando sozinha mais vê se obedece né?-eu e Chandler rimos.
-Agora você pareceu uma idosa falando- eu Chandler rimos.
-Ah sem graça e como era aquele cara?.
-Aparentava ter 51,52 era branco, tinha cabelo preto, barba branca e olhos castanhos.
POV MAGGIE
Será? Não não pode ser faz tempo que não vejo Negan, mais essa descrição parece muito com ele espero que seja só conhecidencia.
POV KATELYN
-Dai eu fiquei com medo de vir sozinha e chamei Chan pra vir comigo.
-Obrigada Chandler meu futuro gerro.
-Ai tia para-eu fico envergonhada e Chan ri sem graça.
-Ai, eu não avisei meu pai-fala Chan preocupado.
-Liga pra ele.
-Tá- ele fala tirando o celular do bolso.
-Eu vou deixar o casalzinho e  depois eu volto-minha tia ri e eu jogo uma almofada nela enquanto ela sobe as escadas.
POV CHANDLER
LIGAÇÃO ON:
Me: Oi pai eu deixei o pão na mesa, eu tô na casa da Katelyn,eu acho que já estou voltando.
Pai: Por que você tá aí?
Me: Depois eu te explico.
Pai: Tá mais se quiser pode ficar mais um pouco tá?.
Me: Tá.
LIGAÇÃO OFF
POV KATELYN
-Você vai embora?.
-Acho que sim né.
-Seu pai pediu pra ir?.
-Não.
-Então fica por favor seguro a mão dele.
-Só se a gente for assistir série.
-Eba, qual?.
-Sei lá.
-Teen wolf?.
-Pode ser.
Ficamos assistindo até 9:00, tinha horas que nem prestava atenção ficava olhando para o Chan, eu me sinto segura e mais feliz com ele isso é fato.
-Vamos encher o saco da Mayara?.
-Com o que- ele ri.
-Ela deve ter dormindo vamos acordar ela?.
POV CHANDLER
-Sim- chego mais perto dela e sinto a respiração dela em meu pescoço, eu gosto de ficar junto com ela, ela me faz rir é brincalhona e muito louca e eu gosto disso.
WHATHS ON:
Me:Mayaraaa.
Me:Acorda.
Me:Vaca.
Me:Vou
Me:Ficar
Me:Te
Me:Bombardeando
Me:De
Me:Mensagens
May:Q foe???.
Me:Nada só fui encher o saco msm kkkkkk
May:Ah vsf.
Me:KkKkkl
Me:Que vim aki?.
May:Tô indo na casa do Luiz vem cá.
Me:E ficar de vela?Não né
May:O Chandler deve estar lá.
Me:Não ele tá aqui.
May:Q??
Me:ELE TÁ AQUI.
May:P q?
Me:Longa histórias estamos indo.
-Vamos? Pergunto para Chandler que também viu a conversa.
-Bora, mais depois dessa acho que a sua tia vai querer nos levar.
-É vou avisar ela espera aqui que eu vou trocar de roupa também.
POV MAGGIE
Estava conversando com Glenn sobre esse homem misterioso e agora é a hora certa de contar para ela então no fim do dia vamos contar para ela.
Ouço alguém bater na porta e falar tia, com certeza é a Katelyn abro a porta, e então começamos um dialogo:
-Tia você me leva pra casa do Chan? A May tá lá.
POV KATELYN
-Tá vamos-entro em meu quarto e coloco uma roupa.

Desço as escadas junto com a minha tia, Glenn também está saindo então fechamos a casa quando chegamos na casa do Chandler dei tchau para Maggie e entramos, May já estava lá eu logo que vi Ju comecei a brincar com ela, Chandler vem até mim e ficamos com Ju o resto da manhã, era 12:00 então tudo mundo almoço lá na casa do Chan a mãe dele cozinha muito bem mais não fala muito nem almoçou com a gente.
                   13:15
Minha tia passa para me pegar me despedi de Chan e Luiz porque May já tinha ido embora dou um beijo na bochecha de Ju e entro no carro.
-Precisamos conversar Katelyn, conversa seria.
Oxi depois desa tô até com medo, bom eu sei que eu não fiz nada ou acho.
O resto do caminho foi tolamente silencioso, quando chegamos em casa Glenn estava nós esperando descemos do carro e vamos a sala de jantar:
-Na verdade sempre soubemos quem assassinou seu pai, escondemos de você para o seu próprio bem mais está na hora de contar.
-O que como?Mais vocês sempre diziam que não sabiam quem assassinou ele, como vocês fizeram isso comigo? Como esconderam por tanto tempo?-falo segurando o choro.
-Não queríamos te deixar assustada, mais agora vamos contar toda a verdade.
-Eu quero só a verdade.
-E é o que você vai ter.
-Era novembro de 2010 Katelyn tinha apenas 11 anos, seu pai tinha um melhor amigo com problemas com drogas, apesar disso tudo Peter nunca se envolveu com drogas, o irmão de Charlie (melhor amigo de Peter) era um traficante de sangue frio que vício o próprio irmão, Charlie chegou a dever 2.000 para o irmão então Negan (irmão de Charlie) foi cobrar Charlie mais uma vez já tinha feito várias ameaças mais Charlie não tinha como pagar o laço fraterno dos dois não era boa, Negan agiu como se Charlie não fosse seu irmão e o matou, Charlie que tinha 3 filhos e esposa os deixaram logo depois a mãe deles se matou e eles ficaram sozinhos...
-E o que aconteceu com eles?.
-Outra parte da histórias.
-Seu pai tinha certeza de quem tinha matado Charlie, e tinha provas ele iria ir a delegacia denunciar Negan, mais foi assassinado por Negan antes, eu,Glenn e os irmã mais velha de 17 anos, conseguimos provar que Negan tinha matado seu pai e Charlie, então ele pegou 34 anos de prisão, e nós pegamos a sua guarda, mais recebemos a notícia que ele fugiu e tá atrás de vingança.
-E os órfãos?.
-Eu e seu tio cuidamos deles por 2 meses até a mais velha completar 18 anos, você ficou  com sua babá por 2 meses até a mais velha completar 18, se não tivéssemos você para cuidar tínhamos pegado a guarda deles.
-Eu...eu...tô sem palavras o cara falou que se chamava Negan.
-Por isso vamos mudar de novo.
-De novo Glenn? Agora que fiz amigos? Não poderemos fugir para sempre.




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...