História Para Sempre - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias The Walking Dead
Personagens Carl Grimes, Enid
Tags Chandler Riggs, Katelyn Nacon, Lauren Cohan, Romance, Steven Yeun
Visualizações 3
Palavras 1.797
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Escolar, Famí­lia, Shoujo (Romântico)
Avisos: Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 5 - Socorro


POV KATELYN
-Enquanto podemos vamos fugir sim!-fala Glenn.
-Eu não vou me mudar de volta, se queremos acabar com alguma coisa enfrentamos o medo!- falo alterada.
-Isso não é um conto de fadas Katylen- Fala Maggie impondo respeito.
-Mas...Mas....
-Não tem mas, nós vamos se mudar e com sorte você poderá ajudar à escolher o lugar.
-Eu não vou me mudar e sê for pra morrer é isso que vai acontecer-fico irritada abro a porta da frente e saio correndo era 15:25, olho de relance e vejo Chandler mais acho que não era se não viria em minha direção, Glenn e Maggie saiem atrás de mim mais eu estava correndo e longe eles não conseguiram me alcançar, estava pensando em ir na casa da May, pego meu celular para ligar quando sinto um pedaço de algodão em meu nariz acabo desmaiando e meu celular cai no chão depois disso não me lembro de muita coisa.
POV CHANDLER
Estava indo para casa de Katelyn, no começo era uma brincadeira de mal gosto do meu irmão e Mayara mais acabei me apaixonado de verdade por Katelyn era uma explosão dentro de mim não conseguia mais segurar aquele sentimento precisava  contar pra ela, estava andando em direção a casa dela quando vejo aquele mesmo homem que ela falou atrás dela, por impulso me jogo em uma moita e me escondo vejo ele colocando um algodão no nariz dela, decido não fazer nada com certeza ele iria fazer eu desmaiar também, ele joga ela dentro de um carro eu me desespero espero ele ir então saio da moita pego o celular dela que ela deixou caí como prova e vou correndo para uma delegacia que tinha lá perto.
CHEGANDO LÁ.
-Moça-vou à receção onde tem uma mulher loira de olhos castanhos.
-O que você quer?.
-Vim denunciar um caso de sequestro um cara acabou de jogar ela no carro.
-Primeiro tem que esperar 24 horas para denunciar um caso de sequestro, segundo você não tem provas, terceiro- a interrompo antes de terminar.
-Eu tenho provas.
-A que prova você tem- fala ela super desinteressada, não acreditando em mim.
-Olha esse é o celular dela que ela deixou cair (estava com a tela quebrada) .
-E o que prova que esse é o celular dela? .
-Não perca tempo com pirralhos mentirosos Amanda- fala um homem entrando pela porta.
-É menino vai estudar.
-Eu estou falando sério ela se chama Katelyn Nacon- o homem me tira a força da delegacia.
-Como não acreditaram em mim?- falo sozinho na rua, chutando uma garrafa que estava em minha frente.
Chego em casa e abro a porta de casa quase arrancando, indo para o quarto de Luiz, entro sem bater mesmo foda-se.
-Ei cara sabe bater não?.
-Não.
-Ei o que foi?.
Conto tudo para Luiz, até mostro o celular mais ele ri da minha cara falando que a trolagem era muito boa.
AFF, TUDO MUNDO FICOU LOUCO MENOS EU?.
Já estava achando que estava louco então fui à casa de Katelyn, queria muito que tudo isso fosse uma mentira, cheguei e bati na porta quem atendeu foi Maggie que estava vermelha e chorando quando ela vê que sou eu ela abre mais a porta e olha se ela está comigo.
-Ela não esta com você? .
-Queria muito que estivesse- falo abraçando ela.
-Você já sabe o que aconteceu?.
-Eu vi.
-Como assim?.
-Eu estava vindo aqui então vi aquele homem... Me escondi no arbusto ele colocou um algodão no nariz dela e ela desmaio...-Contei tudo à ela.
-O celular tá com você?.
-Tá, está quebrado- tiro o celular do meu bolso.
-Obrigada, acho melhor você ir pra casa agora e não sair de casa- ela me dá um último abraço antes de eu ir.
Chego em casa M-O-R-T-O mais não parei de pensar em Katylen um minuto se quer acabo dormindo só 3:00 e só porque tava morrendo de sono.
POV KATELYN
Quando acordei estava sacudindo em um carro, não conseguia levantar era uma sensação horrível, meus pulsos estavam doendo e presos com uma corda grossa meus pés também quando tentei gritar me dei conta que estava com uma fita na boca comecei a mexer (como podia), Negan se vira e me olha.
-Acordou? Não faz mal já estamos chegando- ele dá um sorriso maléfico.
Tento falar alguma coisa mais não consigo, ele dá um freiada que vou parar no chão do carro, ele abre a porta e me leva pra uma casa no meio da mata uma casa bem feia.

Ele tira a fita da minha boca e começo a falar.
-Me solta nojento,tarado,filha da puta o que você quer comigo?-ele não responde minha pergunta e abre a porta e me leva pro andar de cima onde vejo Mayara amarrada em um cama de solteiro e com uma fita na boca.
-O que? Você fez isso com ela por causa de mim?-caguejo.
-Se acalme nada é culpa de vocês duas aqui, só se chama vingança.
-Vingança do que? Nunca fizemos nada para você.
-Seus tios fizeram- ele aponta para mim -e sua irmã fez- ele aponta para Mayara.
-Como assim?.
Ele não me responde de novo, então começo a gritar.
-Se você começar a gritar saiba que ninguém vai escutar estão no meio da floresta-ele tira a fita da boca de Mayara, me amarra na cama igual fez com May e sai do quarto.
Olho May ela está chorando e muito assustada.
-A gente nunca vai sair daqui- fala Mayara.
-Nunca é uma palavra forte demais.
Depois disso não falamos mais nada acabo dormindo com os pulsos doendo.
POV CHANDLER
Acabo acordando descoberto e segurando uma caneca levantei para me arrumar chamo um táxi quando era 7:45 pego minha mochila e olho pela janela do meu quarto lembrando de Katelyn quando vejo aquele homem saindo da padaria com uma sacola, quando vejo ele não penso duas vezes desço as escadas correndo entro no táxi.
-Onde você quer ir?-pergunta o cara do táxi tranquilo.
-Siga aquela Amarok preta!.
Ele liga o carro e vamos atrás até chegar uma parte em uma floresta que ele não conseguia mais dirige, então pedi pra ele me deixar ali paguei e desci, corri muito até ele parar me escondi atrás de uma árvore e vi ele entrando em uma casa bem feia, eu não tem podia me arriscar tanto sabe-se lá o que ele iria fazer comigo marquei aquele lugar com o Google maps e fui para a escola de a pé mesmo.
Chego bem na hora que a Patrícia tava fechando o portão entro na sala e percebo que Mayara também não estava lá.
-Ei era pra gente ir junto né, mais uma certa pessoa não me esperou e ainda chegou depois de mim- diz Luiz.
-Ai Luiz não enche, já que você tá no maior love love com a Mayara cadê ela?.
-Não sei deve ter doente, mandei mensagem pra ela e ela não respondeu.
-Viu não acha isso suspeito?.
-Não- diz Luiz não dando muita atenção.
O dia se passou e eu não consegui prestar atenção na aula ficava pensando em várias coisas sobre Katelyn, Mayara e aquele cara maldito.
Quando voltei para casa tinha jornal na frente de casa e apareceu na primeira página.

SOBRINHA E SUA AMIGA DOS EMPRESÁRIOS GLENN NACON E MAGGIE NACON SÃO SEQUESTRADOS.
Na noite de ontem Katelyn Nacon teve uma discussão com seus tios, saiu de casa e foi sequestrada testemunhas dizem que foi um homem branco de cabelos negros olhos castanhos e barba branca já a amiga dela Mayara, segundo sua irmã mais velha Mayara estava indo no parque encontrar um amigo, não completou o trajeto e segundo testemunhas tinha a mesma descrição do possível sequestrador de Katelyn.
Quando vejo isso, na mesma hora vou mostrar para Luiz, que olha assustado e confere 2 vezes a notícia.
-Não, não pode ser isso é só uma brincadeira de mal gosto- ele fala ainda duvidando.
-Vai na casa da Mayara então troxa.
Ele pega o casaco e saí correndo não sei para onde mais com certeza para casa da Mayara.
Não passa nem meia hora e ele volta de cabeça baixa tentando esconder as lágrimas mais eu ouço o choro dele chego perto dele e...
-Ei cara não fica assim também foi difícil para mim-falo lamentando.
-Não, foi mais difícil pra mim sempre foi mais difícil pra mim dês que eu nasci, meus pais não me quiseram depois tive que deixar meu país, a mamãe morreu não faz nem 3 anos eu não posso perder alguém tão importante na minha vida... De novo não.
-Calma Luiz.
-É só isso que você sabe dizer né? É sempre 'calma' mais você nunca acalmou ninguém- ele me empurra forte e vai para o quarto, quando vejo lágrimas estão correndo pelo meu rosto Ju vem até mim com um urso de pelúcia e cutuca minha perna, olho para baixo e lá esta ela.
-Ei, por que tá chorando?.
-Não foi nada.
-Eu vi você e o Iz brigando quer o Teddy? Ele sempre me ajuda quando tô triste- fala Judith me oferecendo o ursinho de pelúcia dela.
-Obrigada mais não Ju vai assistir desenho eu vou subir- falo tentando esconder as lágrimas.
Subo até o quarto e fico pensando em Katelyn minha mãe... Todos os momentos bons que passei com elas, até que ouço alguém bater na porta, seco as lágrimas com a mão.
-Pode entrar.
Me surpreendo quando vejo que é Luiz.
-O que você quer? Me deixa em paz- grito para Luiz.
-Eu vim pedir desculpa... Não é só a minha vida que é difícil a nossa é a do nosso pai que perdeu o amor da vida dele e superou pra cuidar de nós, é a sua que perdeu a mãe e agora a Katelyn, da Judith que nem conheceu a mãe e a minha.
Eu concordo com a cabeça ele chega perto de mim e fala:
-Desculpa eu...eu nunca mais vou duvidar de você.
Não falo nada de novo só concordo com a cabeça.
-Você tem mais alguma prova, pista?.
-Não...Pera tenho- conto o que aconteceu de manhã hoje.
-Isso, amanhã cedo vamos a esse lugar junto com a polícia- ele fala positivo- temos que dormir super bem hoje- ele fala saindo do meu quarto e ouço ele fechando a porta do quarto dele.

Tudo bom bolinhos de caneca? Espero que sim, esse capítulo sim foi tenso e pra ver o que exatamente aconteceu com a Mayara vão lá no perfil da minha amiga Paola_Rocha que está fazendo o closover comigo, se gostaram comentem e deixe sua estrelinha, hoje tenho uma recomendação nova para vcs é a Lilly_Cake minha stalker preferida 💜 kkkk ela começou um livro hoje 11/06 e quero que vcs vão ver é muito bom.
               🙋Tchau 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...