História Para Sempre - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias The Walking Dead
Personagens Carl Grimes, Enid
Tags Chandler Riggs, Katelyn Nacon, Lauren Cohan, Romance, Steven Yeun
Visualizações 3
Palavras 2.150
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Escolar, Famí­lia, Shoujo (Romântico)
Avisos: Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 8 - Somos Irmãos


Acordo ainda sonolenta com meu celular apitando mais não era alarme e sim um ser humano desgraçado, filho da puta... Tá vou ver quem é... Que? 3:00 da tarde? Porra nunca dormi tanto, ah por causa de ontem.

Flashback On:
09/05/2017 sábado 18:22
Chan me convidou para ir na casa dele fazer alguma coisa então coloquei um vestido florido, um colete jeans, um chapéu vermelho e um salto branco.

-Duas palavras Chandler Riggs- sorrio fortemente.
-Não sei se gosto muito desse garoto é o que o seu pai iria dizer- rimos -Mais ele é um bom garoto- sorrio e o abraço.
-Vai lá- diz Maggie.
-Tchau- digo.
-Ahhhhh- grito ao abrir a porta e ver o antigo carro do meu pai uma lamborghini branca, Glenn e Maggie saíram da casa e me abraçaram.
-Por que vocês não me contaram?.
-Surpresa é surpresa- eles riem.
-Seu pai iria te dar no seu aniversário de 18- diz Glenn.
-Mais eu vou fazer 17- digo confusão.
-Nós sabemos mais ela não pode ficar guardada pra sempre use!- diz Maggie.
-Obrigada- abraço forte os dois só de uma vez -Mais agora lá vou eu e vou estreiar o carro, pera ele tá limpo?-digo.
-Sim mandei limparem antes de sair de Washington- diz Glenn.
-Ai eu amo vocês- rimos.
Chego na casa do Chan, Ju me avista da janela da sala e vem correndo.
-Oi princesa- falo abraçando ela.
-Oi- Chan chega coçando a nuca com as bochechas levementes rosadas.
-Oi- digo levantando ainda com Ju no colo.
-Da onde esse carro?- ele me pergunta.
-Era do meu pai acabou ficando de herança e... Não vou comprar outro ele acabou virando meu xodo- rimos.
-Vamos entrar?- Ju pergunta descendo e me puxando.
-O que você tava fazendo?- Digo ao entrar na casa deles estava tentando puxar assunto.
-Ah assistindo- diz Chan.
-Mentira ele tava se olhando no espelho e arrumando o cabelo, o Luiz também faz isso quando a May vem aqui- Ju fala e ri.
-Judith! -Chan fala vermelho.
-Tchau- ela saí correndo sorrindo.
-Ela é muito fofinha- rio.
-Ah você não mora com ela- ele ri.
Abrimos a porta do quarto, me jogo na cama olhando o teto, Chan se deita ao meu lado e olhamos o teto.
-Irmãos são legais- digo.
-É irmãos são legais tem brigas, discussões, confusões engraçadas... Mais no fim todos se amam- rimos.
-É esquisito você começar a ter irmãos aos 16, eu não sou tão próxima deles mais os três viviam juntos eles são irmãos a mais tempo tenho medo de ficar pra trás...
-Não existe esse negócio de irmãos a mais tempo, conversa com eles vocês tem quase a mesma idade.
-Vamos... Sair pra balada, bar alguma coisa assim?- digo levantando.
-Tá- ele sorri -Só deixa eu trocar de roupa.
-Bora- pego as chaves e sorrio.
-Bora- ele saí do closet onde estava se arrumando.
Entramos no carro onde vamos para a balada mais próxima, descemos do carro e vamos até a entredanda dando passos curtos e rápidos.
Começamos a dançar e beber Chan tentou me impedir de beber muito sem sucesso, depois de pelo menos uma hora já estava bêbada falando muitas coisas sem noção pra variar.
-Vamos dançar- digo para Chan arrastando-o para pista.
-Vamos embora não tá legal aqui- diz Chan.
-Ir embora a noite nem começou gato- digo sem pensar meio óbvio porque estava bêbada né?.
-Gato?- ele diz rindo.
-Sim só meu e se a pink perua tentar roubá-lo eu arrasto a cara dela no asfalto cheio de caco de vidro- digo lentamente.
-Caralho você tá muito chapada, tá engraçada- ele ri -Vem vamos para casa- ele me pega no colo.
-Eu não quero, vou ficar e dançar mais um pouco- digo o afastando sem sucesso ele é forte de mais.
-Você não teve controle, você não conhece ela mesmo, não deveria ter deixado ela beber tanto solte-a- diz um garoto da minha idade mais ou menos que nunca vi.
-Não eu não te conheço- digo me afastando nunca o vi.
-Olha lá é ele Ron Anderson aquele que me deixou pra ficar com uma vadia e depois se arrependeu e agora tá tentando da lição de moral no meu namorado, vai se fude- digo enfim colocando meus pés no chão e pegando uma garrafa -Vamos pra casa- digo puxando Chan sem poder responder.
Chegamos na minha casa já era 3:00 da manhã não lembro de muita coisa... Chan me leva no colo até minha cama fecho os olhos tentando dormir mais não conseguia.
-Eu queria que isso fosse verdade, mais eu não sou seu namorado, você só tá bêbada...- diz Chan achando que estou dormindo.
-Eu gosto de você- digo apontando e encostando no seu "peito" e o fitando.
-Que você tá acordada?.
-Acho que tô né?- rio.
Logo dormi e Chan foi embora.
Flashback off :
Era a May:

Whatsapp On:

May- KAAAAT
May- ACORDA SERUMANINHA
May- KAAAAAAAT
May- VAMUUUUUU
Eu- OQ FOEE?
May- Vamos sair entre "irmãos'' hj?
Eu- Ah,pd ser
May- Blz,as 15:00 eu, Matheus e Mônica estamos ai
Eu- Tá bom
Whatsapp off:
Tá eu tava fingindo que tava tudo bem né mas não tava, pulei da cama e já indo para o banheiro e tirando minhas vestes para tomar banho, saio e escolho uma roupa:

Bem na hora, ufa, ouço uma buzina, olho pela janela e é a Mô desço correndo as escadas quase caio, entro no carro e  comprimento todos muito envergonhada,ficamos alguns minutos sem dizer nada, até Matheus puxar assunto.
-E aí Kat,como você está com o Chandler?- Ele diz e logo em seguida May dá um tapa nele.
-Matheus!- May fala o olhando
-Ahn...A gente tá bem,estamos indo aonde?-falo envergonhada.
-Starbuuuuucks- Diz Mônica animada.
-Ah que legal- Digo sorrindo fraco é estranho eu sou próxima da May mais não consigo eu... Eu... Sei lá eu só não sei o que fazer e o que dizer.
-Kat,agora você é nossa irmã, não precisa ter vergonha,com o tempo você vai se acostumar,claro,mas tente se soltar mais,mesmo eu e o Matheus te conhecendo pouco, já gostamos muito de você,e como somos irmãos agora,temos que ficar mais próximos- Mônica diz sorrindo.
-Obrigada Mônica...Querendo ou não,vai ser um pouco difícil no começo eu me enturmar,mas com o tempo eu vou adaptando isso- digo e  olho Mayara.
-Aos poucos vamos nos entendendo- Diz Matheus
-Maas,Kat, você gosta de qual série?- Diz Matheus me olhando lá trás.
-Huuum... American Horror Story, The Walking Dead...- rio.
-Okay,gosta de American Horror Story tá tudo certo- Ele diz rindo e rio também.
Chegamos- Diz Mônica desligando o carro.

Entramos e uma tia veio nos dar o cardápio,escolhemos e conversamos até o pedido chegar,e May tirou umas 300 fotos e postou no status do Whatsapp:

"Rolê com nova maninha💞"

Matheus não quis comer,apenas conversou e muito feliz por sinal,achei que ele ia fechar a cara e não dizer nada, por causa da "briga" que ele tem sobre a Sophia.

-Gente!Bora verdade ou desafio?- diz May animada.
-Aqui?- Diz Matheus
-Não besta,a gente vai ali na esquina- fala May debochando
-Tá,vai- Ele diz rindo
-Verdade ou desafio Kat?- Fala May me olhando.
-Verdade- digo séria.
-É verdade que você gosta do Chandler?-Fala May  praticamente gritando, e eu coro rapidamente.
-O retardada,senta aí,estamos em público Mayara- Diz Mônica brava.
-Ai,tá bom- Fala May se sentando.
Mônica,Matt e eu estávamos  tirando foto, May nos olha rindo, estavamos fazendo careta.
fui olhar o celular e dei um sorriso de lado, era Chan ele me chamou pra fazer alguma coisa Mayara literalmente pulou em cima de mim da cadeira mesmo:
-Ai besta,doeu tá- falo rindo
-May,vai ficar em casa hoje?- Diz Mônica.
-Ah sei lá,por quê?- Falo olhando ela.
-Quero fazer um jantar para nós- Ela me olha- Pode ir né Kat?.
-Ah claro- falo sorrindo.
-E sim Mayara,pode levar o Luiz,e sim Kat,pode levar o Chandler- Ela fala rindo
-Opa,esqueceu de uma- Matheus diz rindo também
-Esse jantar vai ser bom- Falo sorrindo enquanto May fuzila Luiz com o olhar.
-Gente já são 17:00,nem vi o tempo passar- Fala Mônica
-Vamos?- Fala May levantando.
-Vamos para casa- Diz Matt e fixa o olhar em mim e May.
-Credo,que ciúme de irmão desnecessário, não vou para casa- Fala May olhando Matt.
-Matheus,deixa- Diz Mônica olhando ele séria.
-Kat, você vai para a casa dos meninos também?- Pergunta May para provocar o Matt
-Sim,vou- falo rindo.
-Palhaçada- Ele diz saindo e eu e Kat rimos.
O caminho inteiro foi a gente zuando o Matheus, Mônica deixou a gente lá na casa dos meninos e foi para casa,batemos na porta e ouvimos barulhos lá dentro:

POV CHANDLER

Tinha convidado a Kat para vir aqui, e Luiz convidou a May, ficamos no sofá em uma discussão de quem iria abrir a porta:
-Chandler! A May vai chegar primeiro- Fala Luiz gritando
-Não!! você sabe que a Kat é bem mais pontual- Falo  gritando também.
-Nada a ver, você é burro- Fala Luiz indignado.
Alguém bate na porta e eu e ele saimos na porrada para ver quem abria o porta primeiro,daí ouvimos a voz:

POV KATELYN

Depois do barulho eu e May gritamos o nome deles,eles abrem a porta com o cabelo bagunçado.
-O que aconteceu aqui?- Fala May rindo.
-Eu e Chandler começamos uma discussão para ver quem abrir a porta primeiro,porque ele achou que a Kat chegar primeiro e eu achei que você iria,daí a gente acabou saindo na porrada- Ele fala rindo
-Okay, vocês tem problemas,Kat, você vai ir comigo ?- Fala May me olhando.
-Não,eu vou com o Chan depois- digo sorrindo e indo para o quarto dele com ele. 
-E a ressaca de ontem?- Chan diz rindo.
-Tô aguentando até agora- rio.
-E aquele garoto?- diz Chan.
-Que garoto?- digo.
-Aquele, você disse o nome inteiro dele eu acho, mais eu não lembro- diz Chan.
-Bom eu não me lembro, mais eu me lembro de uma coisa   "eu não sou seu namorado, você só tá bêbada..."- digo fingindo a voz dele.
-Quê? Você não tava dormindo?- ele diz corado.
-Não eu tava tentando mais você ficava tagarelando no meu ouvido- digo rindo.
-Nossa mano que vergonha sério- ele ri.
-Então quer dizer que você gosta de mim?- rio.
Ele ri envergonhado sem dizer nada.
-Ah que fofis- digo o abraçando -Tá agora assunto sério que que tem pra comer?- digo rindo.
-Sei lá- ele ri -Vai lá em baixo procurar.
-Partiu já volto- rio descendo as escadas.
Desço até a cozinha e abro a geladeira:
-Tem pudimmm- grito sozinha.
Tiro o pote de pudim da geladeira, e subo para o quarto.
-Mano não dá pra levar você a sério comendo esse pudim- ele ri.
-Vai dá sim- rio.
Mayara chega e me pergunta se eu vou junto com ela,  falo que vou depois.
O tempo passa conversamos, assistimos séries, ouvimos música...
Ouço barulho de notificação no meu celular.

Whatsapp On:
Minha chata s2

May:KAAAAT
May;Já são 20:00 mulher
O jantar vai ser 20:30
May;Boraaaaa
May:Para de se pegar com o Chandler e vem logo.
Eu:TO INDOOO
Eu:Daqui 5 min to aí
Bjos
May:Okay
Vem logoooo.
Whatsapp off:
-Vamos Chan?- digo o olhando.
-Onde?- ele diz.
-Jantar na casa da May.
-Vamos- diz ele pegando o casaco e a chave.
-Tchau pudim- faço beicinho colocando na geladeira.
Entramos no carro:
-Meu deus você vai aguentar comer mais?- ele ri.
-Enquanto der eu vou comer- rimos -E agora eu quero algo salgado- rio.
Chegamos na casa da May.
-Nossa,isso deve estar muito bom- Digo sorrindo sem dar oi mesmo.
-Verdade- Todos concordam
-Sirvam-Se- Mô diz se sentando.
[...]
-Matt,por que a Sophi não veio- Luiz diz.
-Por quê você se importa Luiz?- Mayara fala o olhando.
Todos começam a rir do ciúmes da May inclusive Luiz.
-Palhaçada Kat você não é assim com o Chandler?- pergunta May.
-Não temos nada- digo rindo.
-Ata- ela diz irónica.
-Shippo- diz Mônica rindo com sinceridade
-Sim, Chandler é meu cunhado agora- Fala May empolgada.
Vocês são lindos juntos- Matt fala olhando eu e Chan.
-Mas e você Mônica?Quem é nosso futuro cunhado?- digo   mudando de assunto.
-Ah,estou conhecendo ummas não sei muito bem o que ele quer- Ela diz sorrindo de lado
-É gato- Fala May olhando para mim.
-Mayara!- Luiz fala olhando May.
-Que foi? O cara é gostoso- Fala May provocando.
-É? Vai com ele- Ele diz emburrado e todos começam a rir e May abraça ele.
[...]
Foi muito foda, até que enfim me enturmei um pouco, comi pra caralho que é muito importante também...
Chan me leva para casa e começo a conversar com Maggie e o Glenn.
-Olha eu tenho que saber se é menino ou menina esse bebê quero comprar roupas- falo eufórica -Aproveito e compro pro bebê da Sophia!.
-Ainda falta mais 2 meses para saber o sexo...- Maggie fala.
-Até lá eu já vou ter comprado alguma coisa- rimos.
Conversamos mais um pouco e   fui dormir shippando gay já sabem? Teen Wolf.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...