História Para sempre ao seu lado - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bts
Exibições 30
Palavras 599
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 16 - Alta


Estava num lugar claro,  o hospital. Todos estavam me esperando acordar,  e quando me viram abrir os olhos,  vieram até mim. Quando percebi,  somente Kook não estava lá.

V- Ei,  cara.. O JungKook pediu as chaves do seu ap para tirar tudo de lá.

Eu- Tudo bem...

Rap Monster- Mas o que aconteceu?

Eu- Eu estava esperando vocês na porta,  E a Neide chegou e me beijou,  nesse instante JungKook saiu pela porta e nos viu e provavelmente pensou errado....

Eles ficaram tristes,  tentaram me consolar,  e principalmente,  chigaram a Neide de todo tipo de nome. Depois de um tempo,  o médico entrou no quarto sem preocupações quanto ao meu estado.
Medico- Você só quebrou o braço e bateu a cabeça,  não foi muito grave. Mas também deixou marca no seu quadril, pelo fato de a batida ter sido no mesmo.

Eu- ok,  Eu vou ter que ficar por aqui?

Medico- Prefiro que fique internado aquirepousando,  pois o acidente enfraqueceu um pouco as suas pernas,  E seus pontos ainda devem encomodar. Então descançar é o melhor.

Eu- Ok.

Quando deu 18:00h acabou o horário de visitas e,  todos foram embora. Eu fiquei olhando pro nada, refletindo sobre o que tinha realmente acontecido,  e fiquei assim até cair no sono.

Sonho on

Eu estava em frente à uma ponte longa e alta,  sem água por baixo.  No meio dela vejo alguem,  com o tempo identifico JungKook.

Eu chamo por ele é vou correndo até o mesmo,  que estava em uma roupa toda branca.

Ele me percebe e sobe no Guarda-mão e quando chego lá ele pula. E a única coisa que consigo é tocar na sua blusa,  e vê-lo cair com muita velocidade.

Sonho off

Acordei no meio da noite transpirando e suado. Estava com medo,  com ódio e principalmente tristeza,  tudo misturado no meu coração. Eu espontaneamente comecei a chorar,  chorei muito. 

Uma enfermeira que passava pelo corredor me ouvi e veio ver se estava tudo bem. Meus batimentos estavam rápidos,  isso a preoculpou.

Enfermeira- Senhor!  Se acalme!

Eu- S-sim...

Enfermeira- O que se passa..?

Eu- Está doendo bem aqui.. -disse pondo a mão no peito.

Enfermeira- Ah...  Isso pode ser amor?

Eu- sim... snif.

Ela me deu um abraço e contei todo o acontecido,  sei que é estranho estar desabafando com uma pessoa que não conheço,  mas me senti mais confortável assim. Ela se sentou ao meu lado e começou a dizer.

Enfermeira- Acho que se ele te ama mesmo,  Vai entender a situação.  É só ele ouvir a sua explicação.

Eu- Obrigado,  Me ajudou muito.

Enfermeira- Agora vá dormir,  tem que descançar.

Obedeci e dormi,  dessa vez, dormi bem,  E só acordei de manhã.

Uma semana depois, recebi alta,  E naquele mesmo dia,  pude ir para  a escola,  não queria, mas fui. Cheguei em casa e arrumei meus materiais Eu,  Depois fui para a escola.

Cheguei e esperei pela próxima aula,  afinal,  já eram 8:20h AM, a aula ja havia começado. A professora me deixou entrar,  E me sentei no meu lugar. Todos ficaram surpresos pelo fato de eu estar com o braço quebrado e cheio de pontos e sicatrizes.

A professora de Inglês chegou e perguntou o que tinha acontecido.

Eu- Bem,  Eu estava atravessando uma rua correndo e fui atropelado...

Olhei para o lado e vi JungKook baixando a cabeça,  parece que ele começou a chorar. Fiquei triste também. Olhei para frente e vi que Neide estava rindo. Não,  rindo não,  Ela estava tendo uma crise,  isso sim. O ódio me subiu,  mas apenas baixei a cabeça. Será que JungKook ainda sente algo por mim?


Notas Finais


Bambambaaam!!
Vishhhhh
Será?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...