História Paradise - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Min Suga, Min Yoongi, Suga
Visualizações 50
Palavras 887
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Não demorei dessa vez, socorro.

Boa leitura 📖♥️

Ps: Por favor, desconsidere qualquer erro. Obrigada ✨💓

Capítulo 13 - RAIVA


Fanfic / Fanfiction Paradise - Capítulo 13 - RAIVA

- IRRACIONAL? - gritei - A porra de uma desconhecida vem me pedir para o meu namorado responder suas mensagens,eu venho cobrar explicações e sou irracional? Sua definição parece bem equivocada!

- Primeiro: não grite porque não sou surdo. Segundo: seu ciúme é irracional. E terceiro : não tem nada demais passar meu contato à alguém.

Passei os dedos pelos cabelos soltando uma risada sem humor,me aproximei dele que colocou as mãos nos bolsos frontais.

- Como se sentiria se fosse o contrário?

- Ainda não tem o número do seu "amigo"?

- Ramon não é nada para mim,além do cara que conheci nesta viagem.

- Claro. - sua ironia era palpável.

- Que momento isso aconteceu Yoongi ? Quando passou o número pra ela?

- Para com isso Shannen,não tô a fim de discussão por coisa sem importância.

- Desculpe querido,mas para mim tem muita importância.

- Que seja. - possou por mim sentando na cama.

- Qual é dessa garota? O que ela quer com você?

- Pergunte a ela.

Sentia meu rosto arder de raiva,era muito frustrante discutir com ele. Me deixava a ponto de combustão ou fazia-me parecer uma louca impulsiva.

- Passamos um tempo juntas hoje de manhã na sauna,nos encontramos por acaso. Ela parece bem empolgada em relação a você,Min Yoongi.

- Só me diga,o que vai conseguir agindo assim?

- Por quê não me responde? Pare de responder com perguntas,que porra! - minha voz soava histérica.

Ele se levantou abruptamente parando  com o rosto a centímetros do meu.

- Não grita! - sibilou - Eu nem vi a porra da mensagem!

- Você ainda não respondeu. Por quê passou seu contato? - baixei o tom. Nos olhávamos feito dois cães de briga.

- Ela insistiu.

- Conhece a palavra "não"?

- Seria rude se dissesse.

- Há algum interesse por trás,Yoongi?- soltei.

Ele se afastou incrédulo com minha pergunta.

- Não posso acreditar! - balançou a cabeça negativamente.

- Dar o contato a alguém significa  que há algum tipo de interesse. Tem intesse? Huh?

Ele mordeu o lábio com força.

- RESPONDE!-  exigi.

O vi tombar a cabeça de lado me encarando sério.

- Não.

Vê? Ele me olhando como se eu fosse uma retardada?Apertei as pálpebras tentando  acalmar os nervos.

Suspirei apoiando as mãos no quadril e continuei:

- Não gosto dela.

- Tá na cara. - voltou a se sentar.

- Já que sabe,deveria imaginar que não me agradaria em nada saber de uma situação dessas.

- Impossível imaginar suas reações. É sempre impulsiva.

- Impulsiva tua mãe! Você me faz parecer obsessiva e ciumenta.

- E não parece agindo assim?

Minha raiva ainda pairava no ar.

Umideci os lábios.

- Nenhuma mulher se sentiria feliz quando tem outra pronta para abrir as pernas para o seu homem ! - cuspi as palavras.

Parecia que tinha o acertado com um tapa,sua boca se abriu como de um peixe e seus olhos se abriram mais.

- Você foi longe demais.

Passou esbarrando meu ombro,entrou no closet e logo saiu de boné e chinelo.

- Não aguenta a verdade? Assume de uma vez Yoongi!

- Para com isso Shannen. - pediu.

- O que conversou com ela quando não estive perto? Com certeza flertaram!

- Vou te dar um tempo para pensar sobre toda essa merda que disse!

Saiu batendo a porta com força. Se não fosse resistente teria partido ao meio.

Me joguei de costas na cama de lençóis revirados. Era assim que me sentia por dentro depois de discutir com ele,mas não havia alternativa! Ele sempre com esse jeito de quem pouco se importa ou se importa nada. Daí vem a caralha da insegurança! O real motivo do meu ciúme descontrolado e impulsividade,por mais certo que Yoongi esteja em me apontar como impulsiva,isso me deixava bem puta,porque era meu ponto fraco na relação. 

Tinha de admitir,fui agressiva demais. Poderia evitar a discussão,mas pedi por ela. Minha atitude com certeza o fez questionar a fé e confiança que deveria ter nele.

Por quê caralho aquela mulher me deixava tão insegura? Das vezes que nos encontramos era como se uma luz vermelha piscasse forte dizendo " PERIGO". Talvez minha insegurança fosse por conta da beleza da fulana. Min Yoongi já tinha conhecido belas mulheres,mas Tiny era diferente... Mistériosa e insinuante. Realmente perigosa.

E agora eu estava deitada em posição fetal sentindo-me totalmente culpada por ter desconfiado e gritado com meu amor cheiroso. Chorava ruidosamente em cima do travesseiro que ele dormia,tinha seu cheirinho gostoso de homem. Estava anoitecendo e passaram horas desde que ele havia saído. A preocupação já, batia. Onde será que tinha ido? Com aquele inglês pobre,regata e chinelos? Ai,meu bolinho, funguei.

Precisava conversar com alguém. Procurei meu celular e quando achei disquei o número que sempre estava em primeiro nas chamadas,depois de Yoongi e meu trabalho. Já era dia na Coréia.

Jimin atendeu no quarto toque. Ouvir sua voz calma e timbre famíliar era tranquilizante. Depois de perguntar se estava bem,contei toda a história e claro,sobre a discussão. 

Chorei no telefone completamente arrependida. Jimin,a pessoa mais altruísta que conheci fez o possível para tentar me reconfortar. Se não fosse total e completamente louca apaixonada por Min Yoongi,Jimin seria meu pretendente.

Meio sonolenta arrastei-me até a sacada sentando na cadeira abraçando os joelhos junto ao peito. A lua refletia no mar,o brilho dela me lembrava a palidez única da pele dele. 

Aparentava ser tão frio,mas era tão quente! O vento junto a brisa do mar soprava minha face,lembrando-me da noite passada,quando transamos ao ar livre... Minhas pálpebras pesaram. Não percebi quando caí no sono.


Notas Finais


Boatos dizem que a Shannen tem medo de ser ciumenta...

Obrigada por ler 😍


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...