História Paranóia - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Sobi, Sope, Yoonseok
Visualizações 197
Palavras 818
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 5 - 章5 - Fim.


Fanfic / Fanfiction Paranóia - Capítulo 5 - 章5 - Fim.


Naquela mesma noite 


- Como ele pode estar desaparecido? Eu o internei nessa porcaria de clínica para que as paranóias dele sumissem, não ele em si! - O Jung grita puxando os cabelos para trás enquanto andava de um lado para o outro.

Estavam no escritório onde Jimin trabalha na clínica. Jungkook apenas observava o Jung que estava extremamente raivoso. Aquilo não podia estar realmente acontecendo consigo. Não queria acreditar que Yoongi estava desaparecido. Hoseok abriu a porta do escritório e saiu deste passando pelos corredores vazios do local. Quando passou ao lado de uma sala, viu que a porta desta estava apenas encostada e uma placa em cima desta estava escrito "Vídeos". Pôs a mão na maçaneta e olhou para os lados, não passava ninguém ali, e, como o Park disse, as câmeras estão em manutenção. 

A sala era cheia de armários de ferro, apenas uma luz que se encontra no centro do teto iluminava o local. Hoseok procurou pelas prateleiras a letra Y ou M, quando finalmente achou a M, procurou por Min, até achar o nome de Yoongi. A fita cassete estava dentro de um pacote, a pegou e colocou dentro de seu casaco. Saiu da sala e dirigiu-se até o estacionamento do local. Não chovia, apenas choviscava. Hoseok entrou em seu carro e dirigiu apressadamente até o prédio. 

Após chegar em seu apartamento, tirou os sapatos e jogou o casaco na poltrona. Com a fita em mãos, ligou a televisão e a colocou no vídeo cassete. 

"Yoongi, pode me dizer o que você ouve? Ou vê? Como você disse para Hoseok?"

"..."

Yoongi olhava para os lados como se pudesse ver algo. Hora ou outra sussurrava algo que apenas ele podia ouvir. Seu rosto estava vermelho e as bochechas levemente inchadas devido ao choro.

"Você consegue vê-la, Yoongi?"

"Cadê o Hobi?"

"Ele está em sua casa, você só o verá se responder minhas perguntas."

"..."

"Não vai responder?"

"..."

"Certo"


Havia mais gravações na fita, mas Hoseok preferiu não as assistir. Não sabia o que podia encontrar ali. Levantou do sofá e foi para a cozinha, abriu a geladeira e pegou uma jarra com água enchendo o copo que segurava. Seguiu até seu quarto e trancou a porta deste. Despiu-se e foi até o banheiro, parou em frente ao espelho e encarou o próprio reflexo. Lembranças e mais lembranças lhe viam a mente. As melhores para si era quando tomava banho junto de Yoongi, ele sempre o enchia de carícias e lavava seus cabelos. Não conseguia acreditar que a pessoa que mais ama, está desaparecida. Queria saber como Yoongi está, se está confortável e se alimentando. Não conseguia nem o imaginar passando frio e fome, seu coração doía. 

Após terminar o banho, tomou os anti-depressivos e vestiu seu pijama. Passou um de seus braços pela cama e sentiu seu coração apertar ao ver que estava sozinho ali, naquele quarto escuro e frio. "O vento batia contra as cortinas as movimentando, a alcova ficava cada vez mais fria, Yoongi estava na porta da varanda o chamando com seu indicador. O Jung levantou da cama e se pôs a caminhar até o Min que apenas se afastava cada vez mais. 

Yoongi ficou na beira da varanda, o vento batia em seus fios castanhos que tampavam seus olhos. Hoseok se aproximava deste que apenas se afastava. Quando estava na ponta da sacada, sentiu mãos o empurrarem fazendo-o se desequilibrar e cair. Olhou para trás e viu que quem o empurrou, era Yoongi. O chão estava cada vez mais perto de si."

O ruivo acordou de seu pesadelo com o toque de seu telefone, esticou o braço pegando o aparelho que estava em cima do criado-mudo. Era Jungkook quem estava lhe ligando, pensou em recusar a chamada, mas atendeu.

"O que você quer?" 

"Achamos..." Ouviu o outro suspirar do outro lado da linha  "Nós achamos o corpo de Yoongi."

"Aonde vocês estão?" Perguntou num tom desesperado. 

"No encostamento perto do último posto, depois da saída da cidade. Sinto muito Hoseok, nós fizemos tudo o que podíamos, mas não o conseguimos salvar."

Hoseok desligou o telefone, socava as almofadas de sua cama, as lágrimas quentes já escorriam por seu rosto. A culpa o consumia, se culpava por tê-lo internado naquela clínica. Rapidamente, vestiu uma roupa qualquer e correu para fora de seu apartamento, a chuva caía forte lá fora. Os raios atingiam o chão em algumas áreas da metrópole, a ventania se mantia calma. Seu telefone tocou novamente, o atendeu e colocou no alto-falante. 

"Pode me dizer novamente onde vocês estão?"

"Adeus Hobi"

E aquela foi a última coisa que Hoseok ouviu antes de seu carro derrapar na pista, e capotar ladeira a baixo da estrada escorregadia, o veículo girava e o Jung já não tinha mais consciência; nem vida. Sua cabeça havia batido fortemente contra o para-brisas e suas pernas foram quebradas e amassadas quando o carro chegou ao chão. Aquela voz que tanto amava foi a última que ouviu, a voz de Yoongi. 

Fim.




Notas Finais


Até ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...