História Partner in crime - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Esquadrão Suicida
Personagens Harleen Frances Quinzel / Harley Quinn (Arlequina), Personagens Originais
Exibições 32
Palavras 649
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Luta, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 12 - I do not live without your love.


           P. V. O. Harley on 

Não era nem minha primeira noite sem o pudinzinho eu já estava ficando louca com saudades dele mesmo que fosse pra me bater eu sinto saudade do seu toque do seu amor de tudo nele de cada detalhe. É eu tenho certeza que onde ele estiver ele também sente minha falta assim como eu sinto a dele Algo em min me diz isso. John me tirou de meus pensamentos eu não tinha parado pra pensar que dessa vez o pudinzinho  não  ia me  proteger de nada nem nimguem eu teria que me virar até ele voltar. 

John:o jantar ta pronto eu pedi pizza eu sei que você deve ta triste demais pra cozinhar. 

Harley:valeu John eu não to com fome. 

John:o chefe me falou que se voce nao quisesse comer era pra min enfiar goela a baixo se fosse preciso!! 

Harley:como o pudinzinho  te falou isso se ele ta preso? 

John:fudeu!! 

Harley:John e melhor  você me falar ou vai sobra pra você. 

John:nois continuamos entrando em contato com o chefe sem você saber. Ele nos pediu pra não te falar nada sobre a fulga que ele ta planejando pra não te envolver em nada por que ele falou que você só atrapalharia tudo. 

Harley:ele te  falou que eu atrapalho ele?  

John:não ele me falou que quer te proteger. 

harley:ele me ama John. 

Eu estava muito feliz a fome havia voltado eu estava numa felicidade imensa eu queria falar com o pudinzinho  agora mesmo. 

Harley:eu quero falar com o pudinzinho.

John:eu não tenho a permissão pra te deixar falar com ele. 

Harley:pega a porra da permissão e enfia no olho do seu cu. Eu nao preciso de permissão. 

John:ta bom mais você tem que me prometer que vai  comer primeiro. 

harley:ta bom eu vou comer .Mais depois eu vou falar com ele. 

Eu desci toda empolgada não consegui aguentar de  tanta ansiedade mais era tanta que eu me sentia uma granada prestes a explodir. E como como se fosse uma máquina de cortar grama e John e os rapazes ficaram boquiabertos com a minha rapidez mais pelo pudinzinho  Eu faço tudo.  Eu terminei tudo lavei o prato e me  sentei ao lado de John que logo falou. 

John:calma metralhadora não sou como voce. 

Eu e ele gargalhamos e passamos o resto do jantar conversando quando me dei conta John ja havia terminado de comer e nos ainda estávamos conversando. 

Harley:vamos logo john Eu to muito ansiosa 

John:ta bom to indo mais vou logo avisar que se ele tratar mal a culpa não é minha.  

Harley:ta para de falar baboseira. É liga logo. 

John pegou o telefone que havia em cima da mesa e discou um número no teclado logo alguém atendeu e eu espero que esse alguém seja quem estou pensando

John:pega e o seu amorzinho. 

Harley:oiiiiiiiiiii senti saudades. 

Joker:oi tortinha por incrível que pareça eu também senti um pouco de saudades De você. 

Harley:por que você não me conta o que tá tramando pudinzinho. 

Joker:não posso te contar aqui agora arlequina fala com o John e ele te conta. Quando eu chegar em casa eu compenso os dias que passamos longe um do outro. 

Harley:mal posso esperar. 

Eu desliguei o Telefone entreguei o mesmo a John e comecei o interrogatório que para John ja estava previsto acontecer ele me  conhece e sabe meu nível de curiosidade bastante elevado. 

Harley:me conta esse tal plano de fulga. 

John: vai ser como da outra vez arlequina so que dessa vez à gente não vai entrar explodindo tudo então precisamos da ajuda da doutora quennzel. 

Ele piscou pra min e eu logo entendi tudo ainda bem que eu guardo as coisas da  harleen comigo pra ter só uma lembranca mais agora eu quero mesmo e estar com meu pudinzinho do que ter uma lembranca. Ai bons tempos esses que eu ainda pegava fila e costumava pagar pelo que eu comprava.  

 



Notas Finais


Oiee gente voltei e dessa vez com um capítulo descente pra vocês eu acho.😍😍😍espero que tenham gostado do capitulo kissus com gosto de 🍮🍮


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...