História Passagem para Kyrat - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Exibições 1
Palavras 1.587
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Aventura

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 3 - Mont Blanc. 4,808.73[1] m.


Antes de encarar Mont Blanc, tenho que esperar alguns dias para descansar a descida de Huayna, e Zoe me deixou ficar na casa dela, e me contou histórias sobre quando ela era uma Snowboarder.

-Eu me lembro quando corria com Elise Riggs, Mac Fraser e Clara "Swift" Frost. O apelido Swift veio por causa da velocidade dela, ela era, ainda é, a garota mais veloz que conheço. Eu acompanhei a carreira dela, na 4° corrida dela ela mostrou a que veio. Era uma congelante noite de Março, ao lado dela tinha Elise,Alex,Kaori,Mac,Ty e Taylor, todos campeões mundiais, mas Clara não ficou nervosa com aquilo. No soar do sino, todos começaram a correr por "O Grande Show", como era chamada aquela montanha. Clara disparou na frente, ela era precisa e ágil, ela na primeira queda, já estava 28 segundos a frente de Taylor, primeira colocada. O resto tentava acompanhar Clara, mas ela estava muito a frente. Nos últimos 690 metros, o técnico de Taylor disse "Clara venceu a etapa."  Taylor, Mac,Elise,Kaori e Alex chegaram com 2:45-2:30. Enquanto Clara quebrou o recorde da montanha, que era de 2:06. Ela chegou com 1:45. Alguns dizem que ela mora atualmente em uma casa perto da montanha chamada "Vorassay".

-Você acha que ela falaria comigo?

-Não sei, ela é meio agressiva, ela pode quebrar seu braço, literalmente. Mas ela conhece os Alpes melhor que ninguém.. Tente ir falar com ela amanha, mas antes, pegue isto.- Zoe se levantou e foi até seu quarto, onde abriu um armário e retirou um colete, uma espécie de armadura. -Pegue- Zoe jogou o colete para mim.-Minha "armadura". Não é a melhor, mas vai salvar sua pele uma vez ou duas.

-Obrigada.. Eu não sei nem como agradecer..

-Eu sei como.- Zoe sorriu.-Arrase nas montanhas.- Eu sorri e dei um abraço nela, e a campainha foi tocada e Zoe foi atender a porta. -Pois não? - Zoe abriu um imenso sorriso e abraçou a garota que estava na porta.

-Nathalia! Quanto tempo minha filha.. Onde esteve? Entre! Nathalia, essa é Amanda, eu estou ajudando e treinando ela.

-Olá Amanda.- Nathalia me abraçou e beijou minha bochecha.-Como está indo as coisas?

-Muito bem, daqui a 2 horas vou partir para os Alpes.

-Alpes? Também vou pra lá, quer carona?

-Claro! Ia ser incrível.-

-Vamos partir daqui a uma hora.

Após uma hora conversando com Zoe e Nathalia, era hora de partir para os Alpes. -Tchau mãe.- Nathalia abraçou Zoe e disse -Eu volto logo, ok?- Zoe abraçou ela e sorriu.- Caso não volte, te darei um tapa.- Todas nós rimos.

Nathalia e eu entramos no "Red", como Nath chamava seu helicóptero e falamos com o piloto. -Colin, nosso destino é os Alpes.

-Alpes? Maravilha, minha esposa esta nos esperando lá. Ei, Amanda Simmons? Marcelle me fala muito sobre você.

-Marcelle Quinzell? Não vejo ela desde 2016.. Vai ser ótimo reencontrar ela!

Então partimos para Alpes.

Após horas voando, chegamos na casa de Nathalia, Marcelle e Colin. Era uma casa no topo da montanha Goliath, vizinha de Vorassay, uma casa perfeita para esquiar e sair dos problemas da cidade. A casa tinha 3 quartos, um para Nathalia, outro para Marcelle e Colin e outro para hóspedes.

-Bem vinda aos Alpes, Simmons.- Colin sorriu pelo retrovisor ao pousar.

-Marcelle está ai?- Perguntei.

-Não, ela deve estar descendo Vorassay.

-Vorassay? Tenho que ir pra lá, pode me levar?

-Claro, sobe ai.

Após mais uns minutos voando, chegamos em Vorassay, o paraíso para os corredores estilo livre. Paraíso porque era mais de 1590 metros de corrimões, telhados, rampas, e o melhor de tudo, espaço para Wingsuit, o que dava uma possibilidade infinita de manobras e era ótimo pra atalhos.

-Chegamos, bem vinda a Vorassay.- Disse Colin.

-Ei, você sabe onde a Swift mora?

-Clara "Swift" Frost? Ela mora no topo da Vorassay. Quer falar com ela? Se quiser te deixo lá.

-Pode fazer isso?

-Claro, se segura.- Colin virou o helicóptero e voou para casa de Swift.

-Olhe, só posso te deixar a 100 metros da casa, ok?

-Perfeito! Pode abrir a porta.- Colin abriu a porta e eu desci na neve,  comecei a andar para a casa de Swift. Chegando lá, vi um Snowboard com uma assinatura dizendo " Essa é a única vida que você tem, então você tem que vivê-la como um grande momento" então tomei coragem e bati na porta.

-Pois não?

-Marcelle!

-Amanda!- Marcelle me abraçou e disse: -O que esta fazendo aqui?

-Vim falar com Clara, pedir ajuda para descer Mont Blanc.

-Ela esta aqui dentro, venha.

A casa era linda, toda feita em madeira-nogueira com detalhes em rosa e com armários brancos e pretos.

-Clara? Uma pessoa quer falar com você.

Clara se levantou da cadeira verde que estava sentada, se virando e olhando para mim e Marcelle, ela tinha olhos azuis e longos cabelos loiros cacheados, tinha cerca de 1,68m.

-Pois não? Quem é você? Ah.. Amanda Simmons, não é? "A garota voadora".- Clara riu e olhou pra mim.-Você quer ajuda?

-Eu quero descer o Mont Blanc.

-Mont Blanc é traiçoeiro. Por fora ele parece inofensivo. Mas por dentro, é como uma montanha russa sem freios, são pedras e paredes afiadas que podem cortar e furar você, Mas olha, eu posso te ajudar... Vou pedir pra Marcelle e a Claire descerem Broken Pass e The Hammer com você. Esse vai ser seu treinamento para Mont Blanc.

-Tudo bem.. Quando começo?

-Quando estiver pronta.

-Já estou pronta.

-Tudo bem. Marcelle, chame Claire.

Marcelle sorriu e disse: -Tudo bem.

Apos algumas horas, Claire chegou. Claire Read, "Blackout." tinha cerca de 30 anos e um longo cabelo rosa que ia até a metade da cintura e tinha cerca de 1,86. O apelido "Blackout" veio por causa de sua incrível capacidade de andar na escuridão. Ela foi campeã por 8 anos seguidos em Snake Bite, quebrando o recorde do 6 vezes campeão, o coreano Seung-won So.
-Claire, conheça Amanda Simmons , você e Marcelle vão descer Broken Pass e The Hammer com ela.

-Tudo bem.. Prazer em conhece-la.

-O prazer é meu.- Estendi a mão e ela apertou.

-Clara, posso falar com Marcelle?

-Claro.- Claire soltou minha mão e foi para o quarto de Marcelle.-Marcelle!- Claire abraçou ela e disse: -Colin ainda tem o helicóptero não é?

-Claro. Ele nos levara a Broken Pass daqui a pouco. Mas, o que você quer?

-Queria te dar algo.. - Claire tirou uma caixa de sua mochila e a entregou para Marcelle.-Pegue..

Marcelle abriu a caixa e retirou uma máscara negra e um óculos, nela também tinha um colar verde e vermelho.-Porque está me dando isso?

-Eu só queria te dar um presente por tudo que fez por mim..

-Vem cá..- Marcelle abraçou Claire e sorriu. -Agora, temos umas montanhas a descer.

Depois de toda preparação, estávamos no helicóptero de Colin, e estava tocando a música Gun, do grupo CHVRCHES. " Who are you to tell me how
To keep myself afloat
I tread the water all the while
You stuck in the knife
That you held at my back." Então Colin avisou que já chegamos a Broken Pass.

-Garotas, chegamos a Broken Pass. Prontas?

-Pode abrir a porta Colin.-Colin abriu a porta e Marcelle foi a primeira a sair, Claire depois, e eu agora. Colin vai ficar nos seguindo, por segurança.

-Pronta?- Perguntou Claire.

-Pronta. Vamos lá..-Começamos a descer, e apareceu a primeira grande queda, 50 metros. Todas pulamos e caímos, Claire seguiu em frente sem problemas, Marcelle desceu com um Tail Grab front flip sem problemas, eu cai em pé, e segui em frente. Agora faltava pouco tempo para Mont Blanc, só faltava The Hammer..

Uma semana depois. 18 de março. Dia de Descer.

-Então.. É agora. Pronta?- Dizia clara enquanto arrumava meu capacete e óculos.-Sim.. Pronta.. - Clara colocou uma GoPro no capacete, para ver o que eu vejo e me avisar sobre qualquer perigo.

-Pode abrir Colin.- Colin abriu, e eu pulei e começou a descida, agora era sobreviver as pedras e as paredes. Eu descia rápido, mas com cuidado, porque qualquer erro seria fatal aqui.

-Amanda, muito cuidado, não corra muito, é tudo questão de calma.- Dizia Clara pelo rádio, era muitas pedras para pular, e logo após, uma parede estreita com pedras aparece.-

-Amanda, vá para a direita, assim você vai evitar essa parede.- Eu fui, e segui um caminho melhor, e logo após, uma grande queda.

-Uma grande queda Amanda, o caminho está limpo, então vai com tudo!- Eu comecei a acelerar, e então pulei realizando um Switch Mute Tweak, dando 1,2,3,4,5 até finalizar com um sexto giro, voltei a desacelerar, mas não antes de bater numa pedra e deslizar por 35 metros.-

-Amanda! Você está bem? Você perdeu 50% da armadura. Mais duas quedas assim e teremos problemas.

-Tá tudo bem.. Um pequeno erro, só isso.

-Erros pequenos podem comprometer a descida toda. Tome cuidado. 14 minutos depois, faltava 670 metros, eu estava focada em frente, quando uma voz, ruido pareceu dizer "Filha... Bear Claw... Aqui..." -O que? Ah, não, não, não!- Eu tentei freiar, mas foi tarde, bati numa pedra e fui arremessada por 60 metros, bati na areia feito um saco de arroz, eu senti minha visão meio borrada, mas podia ouvir Clara me chamando.

-Amanda! Amanda! Vamos lá, acorde!

-Pare de gritar...- Clara suspirou e riu de nervoso. -Ainda bem que você está bem.. Vamos lá, apenas mais 500 metros.

Me levantei e segui em frente, 20 segundos depois, Mont Blanc era meu.

Agora, era hora de partir para Patagônia.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...