História Past - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Personagens Originais
Tags Camren
Visualizações 138
Palavras 367
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Crossover, Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 7 - 7


LAUREN JAUREGUI'S POV

Voltei pra casa quase quatro horas da manhã. Ao chegar, estava tudo escuro. Subi as escadas lentamente, tentando ao máximo não fazê-las rangerem. Ao chegar ao quarto, abri a porta e me deparei com Keana sentada na cama, chorando.

- Você estava com ela, né? Estava com a Camila, Lauren?

- Não! - Menti.

Ela levantou, ainda chorando. Entrei e fechei a porta, enquanto ela vinha até mim.

- Lauren, seus olhos não mentem. Você estava com ela.

- Ke, eu não estava com ela!

- Por que continua mentindo? Você ainda a ama, certo? 

- Eu estava em um bar com a Vero! Eu não a amo, merda!

Ela estalou um tapa na minha cara.

- Você acha que estar em um bar até as quatro horas da manhã vai amenizar sua culpa?

- Quem você acha que é pra me bater, Keana? Quem você acha que é? - A raiva passou a me controlar.

Segurei seus braços com força e a joguei na parede, fazendo-a cair no chão. Logo depois dei um murro em seu rosto, e sua boca sangrou.

- L-Lauren... - Ela tentava dizer algo, em meio a dor.

Respirei fundo e notei oque fiz. A peguei nos braços e coloquei na cama, beijado seu rosto.

- Desculpa, Keana, eu... não consegui me controlar, desculpa... O que eu fiz? Droga, eu sou uma inútil.

- Eu vou pra casa da minha mãe. - Ela se levantou, pegou uma mochila e recolheu algumas roupas do guarda-roupa.

- Não precisa... eu fico na pensão. Fale para Henry que eu fui para a casa da Vero. Volto amanhã de manhã.

- Certeza?

- Sim.

Tirei suas roupas da mochila e coloquei as minhas. Saí rapidamente e entrei no carro. Passei direto pela pensão, e dirigi até Miami. Tive sorte de encontrar um quarto livre no primeiro hotel que fui, e por um preço bom. Entrei no quarto e me joguei na cama.

- Você só faz merda, Lauren. - Falei sozinha.

Pensei que, provavelmente ao chegar lá de manhã receberia um bilhete de adeus e a aliança de volta, e aquilo estava me matando por dentro. Será que eu podia ter feito diferente?



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...