História Peça - me o que quiser - Capítulo 28


Escrita por: ~

Postado
Categorias Os Heróis do Olimpo
Personagens Annabeth Chase, Apollo, Bianca di Angelo, Calipso, Clarisse La Rue, Connor Stoll, Dakota, Frank Zhang, Grover Underwood, Hazel Levesque, Jason Grace, Leo Valdez, Luke Castellan, Nico di Angelo, Percy Jackson, Piper Mclean, Reyna Avila Ramírez-Arellano, Thalia Grace, Travis Stoll, Tyson, Will Solace
Tags Heróis Do Olimpo, Jasico, Leyna, Reynico, Solangelo, Wico
Exibições 69
Palavras 1.860
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Lemon
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Amores o nome do capitulo bônus é ?!
Fodendo com uma deusa é você virou um insensível.

Tô louca com essa frase.

Musicas:Goddess / banks
Cupid's chokehold/ Gym Class Heroes

Capítulo 28 - Fucking with a goddess and you get a little colder


Fanfic / Fanfiction Peça - me o que quiser - Capítulo 28 - Fucking with a goddess and you get a little colder

"Ela deu tudo, você não deu a minima
Ela poderia ter feito, qualquer coisa
Ou qualquer um, porque ela é uma deusa
Você nunca percebeu isso
Você deixou ela na pior, você gostava dela sem esperança".🎶

Reyna on

 Acordei de madrugada e o Kieran ainda estava dormindo, ( isso que dá fazer maratona de filmes, você ganha um corpo na sua cama ). Ele é tão lindo e por incrivel que pareça gosta de mim, nunca fui insegura muito pelo contrário mas quando se vive milhões de desilusões fica meio dificil acreditar que alguem possa se interresa por você, eu nunca fiquei pelos cantos choramingando termino de namoro, nem remoendo o passado, na minha opnião minha vida daria uma comedia nada romântica.

   Meu primeiro "relacionamento " que não deu certo foi no 9°ano com meu colega de turma Levi, ele era o mais inteligente da turma (tirando eu) ele começou a sentar do meu lado na aula, ele era muito competitivo quando eu respondia uma pergunta ele tinha que responder a outra, nós começamos a "namorar", Levi  sempre fica emburrado quando eu acertava mais que ele, eu não ligava mas parece que ele sim. A gente tava "junto" a 3 meses, quando teve a feira de ciências que eu ganhei, ele ficou indignado e não falou comigo mais e começou a namorar e sentar ao lado de outra garota.

Minha segunda catastrofe amorosa foi com o Liam, nós participavamos do clube de luta que eu amava fazer, eu não lutava com as garotas por que meu nivel de luta era acima das outras então eu e clarisse lutavamos com os meninos, o unico que não tinha perdido pra mim ainda foi Liam, ele também nunca tinha me ganhado sempre dava empate (dava empate porque eu tinha uma quedinha por ele). Foi uma supresa ele me chamar para sair, nós começamos a namorar ele passou a me ganhar na luta mas eu não ligava, ele tirou minha virgindade ele era um verdadeiro principe (sapo), Quando estava chegando perto das competições, minha luta seria com ele, eu estranhei o fato dele está tão confiante. Antes da luta ele veio até onde eu tava e disse "Eu te amo" e me beijou. Foi quando eu percebi o plano do idiota, quando ele me chamou para sair foi na epoca da seleção e se eu o derrotasse ele estaria fora, ele fez aquilo para me destabilizar eu não podia derrotar o cara que ia me levar para sair, a luta deu empate. Quando eu percebi fui atrás do primeiro amigo dele que encontrei  e conversei (ameacei) amigavelmente (dei um soco quando ele não respondia a minha pergunta) ele confimou tudo e falou que o babaca espalhou para os meninos sobre minha primeira vez falando " Ela demora a cair no tatame mas caiu rapidinho na minha cama". Fiquei com tanta raiva que quando a luta chegou e ele disse "Boa sorte amor" eu simplesmente arrebentei ele no tatame (nada que fizesse eu ser expulsa) quando a luta acabou eu fui atrás dele e enchi ele de porrada e terminei o namoro e ainda ganhei o campeonato peso leve.
   
Quando eu gostei do Jason foi pelo fato dele ser independente, um verdadeiro lider, quando a gente começava a pensar em namorar ele conheceu a Piper, eu não fiquei com raiva dela nem dele, não se escolhe quem ama. Mas mesmo assim meu lindo e remendado coração se quebrou novamente (que brega to passando muito tempo com o Kieran!)
  
Percy ja foi diferente ele cheirava a mar e podia variar de calmo para estressado com uma facilidade enorme, e era lindo, foi facil eu e Nico adquirir uma quedinha por ele, Ele e Annabeth era somente amigos pelo menos era o que eu e Nico achavamos, até eles assumirem o namoro eu fiquei bem mais triste que Nico que somente deu de ombros como se não importasse, Eu passei a não me importa mais, agora quando tem briga dos dois eu sou a primeira a querer que eles façam as pazes.
  
Eu tive varios outros "namorados" e uma namorada a Phobe,nunca tinha pensado em garotas desse jeito até ela aparecer  e me encantar loucamente, foi quando percebi que era Bissexual, Eu assumi meu namoro com ela, foi quando o falatorio na escola começou falando que eu "tinha mesmo jeito de sapata"
"Ela e o Homem da relação", "Nossa jurava que ela era menina", "Ela deve ser a ativa a outra é bem mais menina" eu não ligava nem a Phobe, Eu nunca tinha ficado com outra garota a  Phobe já (e era bastante experiente). Eu estava radiante com a Minha namorada e não escondia de ninguém, estava feliz e achava que ela também, até que no verão ela foi viajar e quando voltou estava agindo estranho, eu não entendi o por que ate vê que ela teve uma SummerGirl, Ela me traiu nós terminamos. Quando veio a formatura da escola, Phobe mudou de estado  e nunca mais a vi.
  
Foi quando eu desisti de ter um "namorado/namorada"  entrei na faculdade de direito, e meu lema virou "Pega e não se apega"  teve um ou outro que me magoava mas eu sempre superei, eu nunca amei ninguem já estive apaixonada, mas Amando, amar requer confiança não somente atração, eu nunca confiei  tanto em alguem para chegar a esse nivel...

"Como eu corro atrás de você como um cachorro precisa de água Mas admita que você me queria menor Se você tivesse me deixado crescer Você poderia ter mantido o meu amor".🎤

Até agora, não vou dizer que to amando o Kieran porque nem eu sei

-Ta pensando em quê Linda? -Kieran disse

-Ta acordado a muito tempo?

-Sim! Você tava no mundo da Lua!

-Kirk? Posso te pergunta uma coisa?

-Claro!Linda!-ele disse

-Você ja namorou antes?

-Sim! A Megan nos ficamos juntos por 3 anos Até eu terminar por causa do ciume dela

-Ela tinha motivo?-perguntei

-De quê? Agredi minha prima? Brigar por causa de ciúmes da minha mãe?Ficar irritada comigo e beijar a primeira pessoa que viu?Não ela não tinha motivo

-Você a amava? -perguntei

-Sim!muito!-ele disse e subiu em cima de mim

-Nos estavamos conversando - sussurrei sobre seus lábios, eu podia sentir meus seios comprimidos em seus bíceps, isso só tornava mais difícil de falar.

 -Okay se você quer conversar? Você quer saber se o que eu sinto por você e realmente de verdade ? - ele falava mordendo minha orelha e pescoço seu hálito batia em meu pescoço me arrepiando por inteira.

Seus olhos ferviam de puro tesão, até mesmo sua respiração me fazia ficar mais exitada do que já estava.

Meus Deuses, como você ainda pode ser tão...gostosa ? - ele apertava freneticamente minhas pernas, até podia prever as macas que os dedos dele me deixariam na manhã seguinte.

 -Kieran…- gemi em seu ouvido, seus dedos ágeis foram de contro com a minha calcinha, o tecido afastado, e seus dedos em minha intimidade forçando contra meus clitóris, ele massageava toda a minha extensão amassava me penetrar com os dedos mais logo voltava seus percurso, Ele era sempre tão tentador e tão tortuoso.
 
-Você queria conversar? Pode falar estou te escutando - seus dedos comprimidos em minha intimidade, agora me penetraram, de forma mais tortuosa possível, gemi em seu ouvido, ele me apertou mais ainda, seus dedos em minha cintura me deixando marcas.

 -Eu...eu - apertei seus ombros suplicando para que ele fosse mais rápido, eu estava tão próxima de ter meu ponto máximo, porém como previa Kieran não me daria essa façanha tão rapidamente.
 
-Reyna! Fale comigo! - Ele cantarolava no meu ouvido suas mãos seguravam meu rosto me obrigando olhar em seus olhos, aqueles olhos verdes que me faziam perder o raciocino das coisas
 
- Para de me torturar, Idiota!- sussurrei, ele sorriu para mim, ele me agarrou pela cintura, seus lábios se prenderam nos meus, sua linguá invadindo minha boca
 
Sua boca em meu ouvido mordendo me deixava mole
 
-Eu to ter torturando? Não vejo como!- minhas mãos desceram para sua calça, aquele volume apertei com força seu membro sobre minha mão ainda coberto pela calça de moleton ele gemeu.
 
-Quase desse jeito! - disse
 
-você é má Reyna - ele me olho com algo diferente nos olhos, em seguida avançou sobre mim, seu lábios grudaram em meu pescoço, as marcas seriam evidentes no dia seguinte.

A outra mão dele segurou minha bunda com força me puxando para seu colo, pude sentir seu membro fazer pressão em minha intimidade, gemi, minhas mãos se fundaram em seu cabelos cacheados, os puxei a medida que meu prazer por antecipação aumentava,

 -E você gosta! E você ama isso Não é?- perguntei com um tom safado em seu ouvido, vi sua pele se arrepiar diante do meu halito,  trocando  as posições, agora ele estava sentado no colchão e eu em seu colo.
 
-Gosto! Mas somente amo você - suas mãos acariciaram meu rosto, eu estava evidentemente vermelho sem me dar tempo para falar algo, suas mãos me puxaram pelo pescoço, e sua boca se apossou da minha, sua língua invadia minha boca me deixando sem ar, Senti novamente minha costa batendo em algo macio era o colchão, desta vez ele se deitou sobre mim, depositando apenas uma parte de seu peso sobre mim, sua mão desceu por minha cintura apertando a mesma, sua mão parou na barra da minha calça, rapidamente ela era apenas um bolo caído no canto da quarto, meu ar estava acabando, fui mais do que obrigada a me afastar de sua boca que parecia não precisava de ar, seus lábios vermelhos se curvaram em um leve sorriso.

 -você parece tão alheia a sua beleza - sorri

 prendi sua cabeça entre minhas mãos e o beijei, minhas pernas circularam seu corpo, suas mãos em minha bunda apertando fortemente, desci minhas mãos pelas costas dele, segurei na barra da camiseta, puxei para cima, nossos lábios se separaram brevemente para a passagem da camisa por sua cabeça, minha excitação era grande, tão grande que me fazia arquear o quadril em busca de um contado melhor com ele.
 Seus dedos foram em busca da barra da minha blusa, seu rosto desceu Até a barra da mesma, enquanto ele subia a blusa as pontas dos dedos longos faziam contado com minha barriga e seu lábios depositavam leves beijos, isso me arrepiava toda, me fazia beirar a loucura, minha blusa foi lançada para longe, me deixando totalmente exposta para ele.

Pensamento do Kieran on

"Ela tem um sorriso que fará o mais senil e irritante dos velhos morder a língua não terminei,
 Ela tem olhos comparáveis ao nascer do sol e isso não para por aqui
 Cara eu juro
Ela tem pele de porcelana, é claro, ela é um 10
E agora ela tem até sua própria música
Mas continuando
Ela tem o riso mais meigo que já ouvi
E nós podemos ficar ao telefone por três horas
Sem dizer uma palavra
E eu ainda aproveitaria cada momento
E quando começo a construir meu futuro, ela é o componente principal".🎸

CONTINUA HAHAHAHA. ....


Notas Finais


Ana lu1sa

Outra autora:Sorry!Foi culpa minha o atraso eu tava sem inspiração nenhuma se a  M4yr4 não tivesse enchido o saco esse capitulo  provavelmente não sairia hoje,Não fiz a cena (aquela carinha) porque não sabia se vocês iam querer, por se tratar de uma relação hetero, então avisem se não tiver problema! Tentei só tentei mesmo mostrar a Independência da Nossa pretora (e todo o machismo incluso no poder feminino) Bjs! Suco de uvas para vcs!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...