História Pedophilia: dores, magoas e traumas. (2 parte Gaara).


Escrita por: ~


Sinopse:
Gaara perdeu seu pai e tio com apenas dez anos de idade, sua mãe que mesmo formada em enfermagem nunca trabalhou pelo machismo do marido, agora se vê obrigada a reconstruir sua vida, pois está viúva e com dois adolescentes em formação e uma criança, conhece um homem chamado Baki que é muito gentil, carinho e atencioso, um homem carismático que é querido por todos os vizinhos e conhecidos, ela se casa com este homem, mas o que ela não sabe e que este homem que parece ter caído do céu tem relações sexuais com seu filhinho que agora tem doze anos, Gaara sofre com esses abusos dos dez quando e apenas uma sedução, com doze vem o coito e dura até catorze quando Kankuro seu irmão descobre.
Anos se passam e Gaara precisa se reencontrar consigo mesmo, o ruivo aparenta ser um ser assexuado, não gosta de muita conversa, e cara fechada, frio e parece ser intocável, o que faz com que todos ao seu redor acabem tendo fantasias com ele, por ser andrógeno e muito bonito todos querem se aproximar, porém alguém muito especial que de fato quis ser apenas um amigo inicialmente e quem vai ajuda-lo, a saber, quem é Sabaku no Gaara.
Iniciado
Atualizada
Idioma Português
Categorias Naruto
Personagens Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hashirama Senju, Kankuro, Karura, Kiba Inuzuka, Madara Uchiha, Neji Hyuuga, Rock Lee, Sai, Shino Aburame, Temari
Tags Assassinato, Drama, Leegaa, Superação
Exibições 2.680
Comentários 109
Palavras 33.701
Terminada Não

Fanfic / Fanfiction Pedophilia: dores, magoas e traumas. (2 parte Gaara).
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Visual Novel, Yaoi
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Lista de Capítulos

Capítulo
Palavras
1.
Velório.
6
250
1.944
 
2.
Um homem muito gentil.
8
238
2.040
 
3.
Carinhos estranhos.
9
247
2.365
 
4.
Confuso demais.
9
231
2.266
 
5.
Juntando pedaços.
8
215
2.232
 
6.
Maldição.
9
196
2.137
 
7.
Aonde o mal se escondeu.
8
177
2.394
 
8.
Escola Militar.
4
158
2.244
 
9.
Dormindo com o inimigo.
6
176
2.227
 
10.
Infortúnio.
10
162
2.183
 
11.
Faculdade.
8
154
2.175
 
12.
O filhinho do papai.
5
136
2.378
 
13.
Um lobo entre as ovelhas.
6
138
2.184
 
14.
Escola da policia.
8
114
2.466
 
15.
Treinamento selvagem.
5
88
2.466

Gostou da História? Compartilhe!

Comentários em Destaque

Postado por ~EnGPoN
Capítulo 12 - O filhinho do papai.
Usuário: ~EnGPoN
Usuário
Esse neji é um ridiculo,se aproveita do proprio nome pra fazer oq bem entender,isso tudo pq n tem pais decentes e educadores,na vdd sao totalmente o contrario. Mts acham q ser gay é por influencia dos pais,q se um casal gay adotar uma criança ela "virará" gay,pensamento infundado e antiquado,isso n é escolha,pq acho q ngm escolhe ser humilhado e excluido mts vzs por mentes fechadas q existem por ai,oq os pais podem realmente influenciar é isso,uma criança de mente errónea,homofobica,egoista,insessivel,mimada. Ao meu ver a influencia de um pai pode mudar tudo isso,mas na hora de discutir sobre homofobia so sabem citar versiculos da biblia q condenam a homossexualidade, e comentarios machistas do tipo: "homem tem q ser macho, e n ficar dando pinta que nem viado por ae",sendo q na realidade,n seguem a biblia por inteiro,mas na hora de condenar o diferente,todos sao santos.
Pessoas hipocritas. Isso s um pai pode influenciar,mas ngm lembra disso na hora de condenar o proximo.

Desabafei msm tava precisando. Desculpa....