História Pensamentos Suicidas - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Drama, Pensamentos Suicidadas, Suícidio
Visualizações 72
Palavras 441
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Escolar, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Obrigada por ler e pelo comentário!!!!

Espero que gostem!!!!!!!

Capítulo 12 - Insane


Fanfic / Fanfiction Pensamentos Suicidas - Capítulo 12 - Insane

No dia seguinte eu fui até uma psicóloga com minha irmã para tentar de alguma forma salvar minha alma e a dela que stavam sendo absurdamente extraídas aos poucos.

Ela estava com tala em seus dois braços pois havia cortado demais seus braços a procura de sentir algo que não seja ódio, e aquilo quase a matou. Me sinto mal por não conseguir fazer nada para poder salvar a alma dela e poder polpa lá de toda essa humanidade nojenta e podre na qual moramos.

Chegamos ao tal lugar e falamos separadamente e depois juntos com a tal médica e ela disse com um ar triste para nós, nos olhando com ar de quem sentia pena,enquanto estávamos naquela sala totalmente branca com alguns quadros infantis na parede a a deixando com um ar mais feliz

-Vocês dois meus pequenos estão com começo de depressão, você Dominik está em um estágio mais avançado que o de sua irmã, então lhe passarei alguns remédios para você, e você Tashi está ainda no estagio inicial e apenas com um remédio mais fraco você logo estará "normal". Eu vou mandar vocês dois a passar alguns dias em um sanatório, apenas para que possam pensar e por suas cabeças jovens e sua mente caçada a pensar no que realmente querem e vocês dois por favor não se auto mutilem, por favor, isso nunca ajuda e vocês dois presisam mesmo é de amor e carinho, algo que mostre a vocês o quão são amados.

Isso tudo dito por ela me assustou, eu e minha irmã com depressão, eu nem isso consegui impedir de acontecer com ela, não sou nada, sem nem consegui ajuda lá. Espero que um dia eu me perdoe por tudo isso que não pude evitar que acontecesse com ela.

***

Nunca pensei que um dia eu e minha irmã estaríamos tomando remédios para depressão e ainda estarmos eternados em um sanatório. Isso é assustador para mim e é para ela, estamos em quati separados, esses quartos brancos com imagens felizes pintadas na perde não me ajudavam e nem àqueles remédios, tudo aquilo não parecia ajudar minha mente e eu do fundo de meu coração espero que minha irmã esteja melhorando, não ajunto mais ficar parado fazendo nada vendo minha irmã se auto destruir, isso me destrói também.

Ela é tudo que tenho e quero que ela fique bem, e mesmo que eu não fique bem vou fingir ao máximo para que ela se sinta bem, tenho sertesa de que isso a ajudará de alguma forma e mesmo que eu esteja podre e morto por dentro sorrir irei para ver ela melhorar e sorrir também.


Notas Finais


Obrigada pela leitura e até a próxima♡♡♡♡♡♡♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...