História Pequeno infinito. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Mystic Messenger
Personagens 707, MC
Tags 707, Drama, Estação Espacial, Impossível, Mystic Messenger, Romance, Saeyoung Choi, Seven, Superação
Visualizações 23
Palavras 270
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Drabble, Famí­lia, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Quem sabe eu apago, igual a outra kkk

Capítulo 1 - Until the end


Fanfic / Fanfiction Pequeno infinito. - Capítulo 1 - Until the end

A imensidão do seu sorriso era o motivo de eu aguentar até hoje. Quando seu cabelo caía no seu rosto e você o ignorava, continuando mexer no seu computador. Na verdade, era a razão de eu continuar aqui... pelo menos, até agora.
Via seus dedos baterem contra o teclado, me causando um sentimento nada ambíguo. Eu gostava da sua companhia.
Por que tínhamos que ser tão curtos?
"Vá embora. Não ligo pros seus sentimentos inúteis."
Uma faca penetrou no meu coração. Me rasgou de dentro para fora, de maneira extravagante e rígida... fria. Pisquei meus olhos incontáveis vezes, tentando imaginar que tudo não passara de um pesadelo, um sonho de péssimo gosto e realístico.
"Por que você não se toca? Seus sentimentos nunca significarão nada para mim. Nunca teremos uma família, sequer um laço de amizade."
Dessa vez, as lágrimas não puderam ser enfiadas de volta, o que me quebrou mais ainda. Meu coração havia se estilhaçado, o que me fez sentir uma dor que nem mesmo gostaria de senti-la outro momento.
Queria que você fosse meu, que nós tivéssemos um futuro e, principalmente, que você o principal nele. Porém, não fora assim. Jamais seria e pensar que isso podia acontecer apenas fragmentava ainda mais meu coração (coisa que achei impossível) 
Agora, me encontro longe de você e do apartamento que fez você se aproximar de mim. Deixarei tudo para trás e viverei sozinha, apenas tendo em mente que tudo que consegui foi afunda-lo ainda mais, quando minhas intenções eram as mais sinceras: salva-lo.
Teria, nosso pequeno infinito, durado mais?
Tería-nós-mos nos casado na estação espacial que você me prometeu? 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...