História Percy Jackson e o Reino de Poseidon. - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Percy Jackson & os Olimpianos
Personagens Percy Jackson, Poseidon, Tyson
Tags Percy Jackson
Exibições 273
Palavras 1.269
Terminada Não
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oi, mais um capitulo. Desta vez, pela primeira vez eu usei o famoso "P. O . V." Espero que gostem desse capitulo!

Capítulo 3 - Minha Irmã e Controle Marítimo.


Fanfic / Fanfiction Percy Jackson e o Reino de Poseidon. - Capítulo 3 - Minha Irmã e Controle Marítimo.

Então eu entrei no quarto. Tritão parece que não me viu entrar. Lá estava: Tyson, Caroline e uma menina que eu não fazia ideia de quem era. Bem, ela parecia humana. Olhos verdes, cabelos negros que nem o meu. Ela me parecia...Familiar. Aparentava ter 12 anos.

-O que foi Caroline?  E quem é ela? - disse, observando a garota.

-Era sobre isso que eu queria falar! - Caroline me respondeu - Essa é Melissa. Filha de Poseidon.

A garota me deu um sorriso, mas ficou em silencio. Poseidon quebrou o juramento novamente?

-Pera aí? Filha de... Poseidon? - disse surpreso.

-Caroline e eu achamos ela no templo de papai. - Tyson falou.

-E você quem é? - A garota me perguntou.

Fiquei meio sem jeito de responder. Suspirei e disse:

-Sou Perseu Jackson, mas pode me chamar de Percy. - disse, mas não me apresentei como filho de Poseidon.

-Olha Percy, enquanto andávamos pelo reino de seu Pai... - ela foi interrompida por Melissa.

-Quer dizer que nós temos um mesmo pai? - ela se entusiasmou.

-Calma querida, depois eu explico isso! - Caroline falou. - Como eu ia dizendo... Uma espécie de monstro marinho nos atacou. Ele era muito forte. Se fosse Melissa, estaríamos mortos agora. Ela usou alguns de seus poderes.

-Você é imortal?  - eu perguntei.

-Sim! Eu descobri uma forma de ser graças minha curiosidade! - ela falou, na maior naturalidade. - Desde então, guardo o Templo de Poseidon. Não era minha obrigação, mas faz muito tempo que eu não saio de lá. Resolvi sair hoje, graças a esses ciclopes.

Tyson, Melissa e Caroline ouviram um borbulho, causado por mim sem querer. De certa forma eu estava preocupado. O Tridente de Poseidon foi roubado, Descubro ter uma irmã imortal. O que mais faltava acontecer?

-O que foi isso? - Caroline me perguntou.

-Provavelmente, eu estourei uma enorme bolha de água lá fora! - disse.

-Ah não, você não fez isso! - Caroline disse olhando da janela do quarto.

Do lado de fora havia dois tritões, fortes e musculosos discutindo:

-Você vai pagar por isso! Destruiu minha porcelanas! - um disse.

-Já disse, não fui eu. Uma bolha estourou ai. Eu vi com meus olhos e caudas! - o outro disse se explicando.

Resolvi ir lá fora. Tyson e Caroline me acompanharam. Melissa disse que ia ficar no quarto.

-Parece que com ausência de Poseidon, todos os seus filhos heróis devem assumir o controle do mar! - Caroline cochichou.

-Não era o que eu tinha em mente quando eu disse que eu ia segurar as pontas!  - eu falei.

Uma sereia nos avistou e fez questão de berrar:

-Olha lá, o filho humano de Poseidon!

Os dois tritões que estavam discutindo vieram nadando o mais rápido possível em minha direção.

-Senhor, ele quebrou minhas porcelanas!

-Eu já disse, que não fui eu. Eu só estava perto! - o outro resmungou.

O que eu devia fazer naquela situação. Não sou um deus para dar ordens e ordenar em todos. Percebi tritão rindo nas minhas costas. Fui salvo por Melissa que se sobrepôs em cima de mim e começou a falar:

-Fui eu que sem querer quebrei suas porcelanas senhor. Garanto que meu pai pagará direito suas porcelanas.

-Não aceito palavras de uma simples garota. - o cara que perdeu a porcelana disse. - Se fosse Poseidon que tivesse dado as palavras...

-Ei! - me manifestei - Poseidon está na superfície. Se você não sabe senhor, essa garota foi bem de utilidade para salvar a vida de nosso general. Se você não quiser a recompensa por suas porcelanas acidentalmente quebradas, que se retire! - falei em meu tom de voz mais firme.

Todos ficaram em silencio. Então o tritão se repreendeu e desceu junto com suas porcelanas quebradas.

 

* P. O. V. Poseidon.*

No Olimpo, já tinha avisado todo o Conselho Olimpiano sobre o sumiço de meu tridente. Espero que Percy esteja se saindo bem em minha ausência.

-Impressionante você não ter acusado nenhum deus de roubar seu tridente! - Atena me disse.

-Tenho minhas suspeitas. Mas acho cedo para acusar alguém. - disse em meu trono. - A questão é, quem pegou o meu Tridente vai prejudicar muito o mar. E vocês sabem o quão mal isso vai fazer para o Olimpo.

-Porque não mandamos semi-deuses em missões para resgata seu tridente. - Zeus pronunciou.

-Mandamos alguns de meus filhos! - Ares falou. Ninguém pareceu gostar muito da ideia.

Zeus então, teve uma ideia um pouco inusitada.

-Porque não mandamos aquele filho de Hades, Nico DiÂngelo? Ele luta muito bem.

-Como você sabe disso? - Hera perguntou.

-Você não falou para eles, irmão? - eu perguntei, me referindo a nossa passagem pelo Acampamento Meio-Sangue.

Então Zeus explicou tudo. Falou sobre Hades e etc. Depois de uma breve discussão, Zeus falou:

-Todos a favor de Nico, Annabeth e Clarisse forem nesta missão?

Todos elevaram suas mãos. Decidi que era hora de voltar para casa.

 

*P. O. V. Percy Jackson*

Tenho que confessar que estou chocado por ter outra irmã. Melissa era super gente boa. Estava nós dois lutando com espadas. Até que meu pai se materializou perto de nós. Ele pareceu muito surpreso ao ver Melissa.

-Melissa, você não sai de lá há anos! - ele disse.

-Resolvi sair! Desde que ajudei Tyson e Caroline. - ela falou, se afastando.

-Vejo que vocês dois estão dando muito bem! - Poseidon disse - Percy, venha aqui rapidinho.

Então fiz sinal para que Melissa me esperasse. Meu pai então começou a falar:

-Você falou para alguém que meu Tridente foi roubado?

-Não apenas disse que você foi para a superfície. - então expliquei sobre o cara da porcelana. Um sorriso aparece no rosto dele.

-Quer dizer então que você calou o cara mais valentão do Oceano?

-É serio isso? - disse, também rindo.

Sim. - ele disse. - Trago notícias do Olimpo. Sua namorada, Nico e Clarisse estão em uma missão, de tentar recuperar meu Tridente.

-Uau! Que leg... - parei de ficar feliz. Fiquei preocupado com Nico e Annabeth. Clarisse nem tanto. - Boa sorte para eles.

-Você quer me falar alguma coisa? - Poseidon me perguntou.

-Porque Melissa é imortal? - perguntei - E porque ela nunca saiu do Templo?

-Bem, ela é uma feiticeira. Ela não te falou?

Feiticeira? Por essa eu não esperava!

-Não. Ela deve ter uns mil anos! - disse.

-Mil e oitenta e nove, para ser mais exato. Raramente ela usa seus poderes. Ela prefere as espadas. Uma típica guerreira. Antes de ela decidir não sair do Templo ela era uma guerreira e tanto. - Poseidon disse. - Quase ninguém sabe da existência dela. Não é de se estranhar daquele tritão não a reconhecer.

-Dá para perceber que ela é uma boa espadachim! - levantei a blusa e mostrei um corte em minhas costas se cicatrizando. - Não contei a ela que eu sou invulnerável. - cochichei.

-Bem, eu também não vou ficar parado. - ele se levantou. - Diferente de Zeus, vou procurar meu tridente. Neste momento todos já sabem sobre o sumiço do Tridente e uma informações a mais.

Ele se dissolveu em uma brisa marinha e deixou cair um tipo de papel que não molha na água. Nele estava escrito algo sobre: Tridente desaparecido... Perseu Jackson, comando no mar. Graças a minha dislexia não consegui ler com muita clareza. Mas tinha certeza que meu pai tinha ido novamente para a superfície e eu novamente estava no "controle". Pude sentir o mar fluindo em cada veia e artéria minha. Acho que não seria possível se não fosse minha marca de Aquiles.

 

 


Notas Finais


Gente, esse capitulo está imperdível!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...