História Percy Jackson Headcannons - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Os Heróis do Olimpo
Personagens Afrodite, Annabeth Chase, Apollo, Artemis, Atena, Bianca di Angelo, Calipso, Charles "Charlie" Beckendorf, Clarisse La Rue, Connor Stoll, Dakota, Eros (Cupid), Frank Zhang, Gleeson Hedge, Grover Underwood, Gwendolyn "Gwen", Hades, Hazel Levesque, Hefesto, Jason Grace, Leo Valdez, Luke Castellan, Malcolm, Mitchell, Nico di Angelo, Niké (Nice), Octavian, Percy Jackson, Perséfone, Personagens Originais, Piper Mclean, Poseidon, Reyna Avila Ramírez-Arellano, Silena Beauregard, Thalia Grace, Travis Stoll, Tyson, Will Solace, Zeus
Tags Charlena, Chrisse, Frazel, Gruniper, Jasiper, Percabeth, Solangelo, Thalico, Thaluke
Exibições 70
Palavras 1.212
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Ficção, Luta, Mistério, Romance e Novela, Saga, Super Power, Universo Alternativo
Avisos: Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi,aqui é a tia Anna. Eu fiquei um tempo sem nada legal pra postar mas eu espero que vocês gostem 😘

Capítulo 13 - Soulmates


DE ACORDO COM A HISTÓRIA a humanidade estava prestes a ser extinta.

As pessoas do planeta terra se tornaram tristes,depressivas e se importavam mais com aparelhos eletrônicos e tecnologia do que com seus próprios semelhantes. Eles sequer se importavam em achar o amor verdadeiro.

A fim de prevenir a extinção,o governo criou uma nova lei.

Eles escreviam com tinta permanente nos bebés recém-nascidos.  Eles escreviam as co-ordinadas e as iniciais da sua alma gêmea. Cada bebê era ligado à um outro. 

Eles forçavam as pessoas a serem héteros,gays,lesbicas,etc. As forçavam a terem filhos e a adotarem. Tudo para terem de volta a mesma porcentagem de pessoas quanto antigamente. 

Você até era permitido a namorar,contanto que até a idade de dezoito estivesse com sua alma gêmea. E você tinha que casar com ela. 

Se você não encontrar sua alma gêmea,eles te matam. Se você tentar apagar sua tatuagem e substitui-la pela de outra pessoa,eles te matam.

Annabeth Chase já havia provado dessa punição.

Ela segurava duas rosas,uma para cada um de seus amigos mortos.  Ela parou em frente aos túmulos de seus dois melhores amigos. Jason Grace e Piper McLean. 

A morte deles era um lembrete a Annabeth de que mesmo se ela se apaixonasse por alguém,sua alguma gêmea era mais importante. 

Piper e Jason não eram almas gêmea,mas se apaixonaram quando eram jovens.Depois de completarem quinze anos,eles se rebelaram. Com a ajuda da alma gêmea de Piper,Leo (que também era o melhor amigo do casal) eles tentaram fugir do governo. 

No final,o pai de Jason,o senador,s entenciou-os a morte.

Annabeth engoliu o nó em sua garganta. Se ela algum dia se apaixonasse por alguém que não fosse sua alma gêmea não custaria apenas a sua vida. 

A morte de Jason e Piper custou a vida de Leo Valdez e Reyna Avilla (afinal ambos eram incapazes de se casaram com as respectivas almas gêmeas)

Annabeth sentiu a presença de alguém atrás dela,no entanto ela apenas ignorou. A loira apertou o guarda chuva com mais força. 

Mas é claro que estava chovendo ,era típico afinal. Sempre que alguém visita um conhecido no cemitério está chovendo. 

" Você era proxima deles ? " Perguntou a pessoa. 

Annabeth olhou para a pessoa que havia falado. Viu uma garota de cabelos ruivos cacheados e enormes olhos verde-esmeralda.

"Eles eram meus melhores amigos" disse para a ruiva. Porque ela estava contando aquilo ? Ela sequer sabia quem ela era. " O que você era deles ?" 

A ruiva corou e olhou para o lado,claramente envergonhada. "Eu não os conhecia,mas meu namorado era primo dr Jason Grace. Ele me pediu para vir aqui acender uma vela,ele não é muito religioso."

Annabeth balançou a cabeça. Ela ignorou a ruiva e de olhos fechados fez uma oração silenciosa antes da ruiva perguntar " Quer tomar um café ?" 

" Claro" 

Annabeth pôs as rosas no túmulos e suspirou "Espero que vocês dois sejam felizes"  

Mais tarde,Annabeth descobriu que a ruiva se chamava Rachel Dare. Elas estavam com xícaras de cafés fumegantes e tentavam se conhecer melhor até o telefone de Rachel tocar.

"Desculpe" sussurou a ruiva antes de atender o telefone.

Annabeth preferiu não ouvir a conversa e se destraiu observando o local.  Quando voltou sua atenção á Rachel novamente esta já havia desligado o aparelho. 

" Meu namorado vai se encontrar com a gente aqui. Espero que não se importe." 

" Não,não,sem problemas"

Uns quinze minutos depois o namorado de Rachel chegou. Ele era alto e musculoso,com cabelos negros e incríveis olhos verdes. Annabeth teve que se esforçar muito para não corar,afinal de contas a namorada dele estava ao seu lado.

Sem contar ambos ( Rachel e o garoto misterioso) eram provavelmente almas gêmeas. 

"Percy,essa é Annabeth. Annie,esse é meu namorado Percy"

" Oi" disse ele sorrindo. Ela sorriu de volta.

" Ela era uma amiga de Jason" comentou Rachel.

Percy ficou em silêncio por alguns segundos antes de dizer " Sinto muito por ....eles" 

" Não é sua culpa"

" Mesmo assim,eu sinto muito"

Ela ergueu uma sobrancelha para ele. " Você sempre pede desculpa com tanta frequência ?!"

" Aparentemente" sorriu.

Eles ficaram conversando por um tempo. Annabeth descobriu que o nome completo dele era Perseu Jackson,que ele tinha os melhores pais do mundo ( sua mãe e o padrasto) que ele adorava nadar e sua cor favorita era azul. 

Ele era esquisito mas de um jeito fofo.

Depois desse encontro ela se esbarrou com Percy na mesma cafeteria. 

" Você tem um sobrenome ?" Foi oque elr perguntara.

" É claro que eu tenho" ela se lembrou que fora introduza á ele apenas como Annabeth.

" Qual é,então ?"

" Não irei te dizer" 

" Então eu te chamarei de sabidinha" 

" Porque ?" 

" Porque você é esperta e tal..." 

" Percy,esse apelido é uma droga"

Eles ficaram conversando por quase uma hora,mas Percy disse que precisava fazer uma coisa. Ela o encontrou no cemitério,encarando os túmulos de Jason e Piper.

Ele provavelmente percebeu a presença da loira lá,porque disse quase em um sussuro " É possível se apaixonar por uma pessoa quando você deveria estar apaixonado por uma completamente diferente ?" 

Annabeth gesticulou para os túmulos,dando uma risada falsa. " É claro que é. Porque ?"

" Nada"

Eles continuaram a conversar,e Annabeth percebeu que cometera um erro.

Ela se apaixonara por Percy Jackson.

Ela o via todos os dias e todos os dias se apaixonava mais. Mas era errado. Rachel amava Percy. Percy amava Rachel. 

Era provavelmente desse jeito que Jason se sentiu quando descobriu que Piper não era sua alma gêmea ( e vice e versa)

" Sabidinha " chamou Percy " você por por favor pode me dizer seu sobrenome ? " 

Aquilo deixou-a um pouco irritada,ele já havia feito aquela pergunta um milhão de vezes.

" Chase" disse ela,desisitindo de esconder seu sobrenome.

Ele arregalou os olhos e olhou rapidamente para seu braço. " Tenho que ir" disse e simplesmente correu.

Ela se sentia desapontada e triste. Talvez Percy até gostasse dela de volta mas ao ouvir seu sobrenome percebera que as iniciais pintadas em seu braço não combinavam. Além disso,se apaixonar por ele custaria sua vida,a vida de Percy,a de Rachel e também a da futura alma gêmea de Annabeth

Ela já estava em seu apartamento quando a campainha tocou. 

Annabeth franziu a testa. Ela não havia comvidado ninguém. Hesitante,ela abriu a porta. " Percy ?" 

O moreno avançou e fez o imperdoável. Ele pressionou seus labios contra os dela. Annebth estava em choque mas retribuiu o beijo antes de para-lo,arfando. 

" Por-porque. Porque,Percy ? "

" Eu te amo"

" Não,você ama a Rachel."

" Não. Eu não amo a Rachel,eu amo você."

" Percy" ela fechou os olhos antes de finalmente admitir " Eu também te amo" 

Ele sorriu.

"M-mas Rachel é sua Alma gêmea."

" Como é ?!" Riu ele " Quem te disse isso ?" 

" E-eu presumi."

"Rachel não é minha alma gêmea,sabidinha" disse ele,entao levantou a maga da camisa e lhe mostrou as marcas em seu antebraço.

Os olhos de Annabeth se arregalaram em choque. Ela percebeu que a tatuagem continha co-ordinadas familiares e as iniciais A.C. Ela olhou para o próprio braço,percebendo que as co-ordenadasde Percy e as delas eram iguais e as iniciais marcadas em sua pele eram P.J. 

Eles eram almas gêmeas.

" Você é minha alma gêmea" disse ela,c cobrindo sua boca com as mãos,em choque.

" Você é minha alma gêmea" concordou Percy,removendo as mãos da loira dos lábios e puxando-a para outro beijo. 









Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...