História Perfect - Capítulo 49


Escrita por: ~

Postado
Categorias Ashley Benson, Lucy Hale, One Direction, Sasha Pieterse, Shay Mitchell, Taylor Swift
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Lucy Hale, Niall Horan, Personagens Originais, Sasha Pieterse, Shay Mitchell, Taylor Swift, Zayn Malik
Tags Ashley Benson, Harry Styles, Hot, Liam Payne, Louis Tomlinson, Lucy Hale, Niall Horan, One Direction, Perfect, Romance, Sasha Pieterse, Shay Mitchel, Taylor Swift, Zayn Malik
Visualizações 227
Palavras 4.709
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Musical (Songfic), Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


a musica desse capitulo é da 1D e o nome é o mesmo que o nome do capitulo!!!
Sinto mto ter postado tudo errado... Mas como eu disse nas notas iniciais do capitulo anterior eu nao estou na minha melhor fase... minha vida esta meio que de cabeça para baixo!!
Sinto muitissimo...
Espero que gostem e boa leitura!

Capítulo 49 - More Than This


Fanfic / Fanfiction Perfect - Capítulo 49 - More Than This

―Harry… ― Diana sussurra sem saber o que responder,  é tão difícil ficar longe dele,  não escutar sua voz rouca dizendo besteiras, ou sua gargalhada contagiante.

― Por favor. ― ele a interrompe já sabendo o que a menina ia responder. ― Não continue me afastando, eu não aguento mais...

Ele a encara com seus profundos olhos verdes, e a loira jura que sente seu peito contraindo, ela suspira como se estivesse derrotada, mas sabe que não vai aguentar ouvir ele cantando nada para ela, ela não pode lidar com isso.

― Ei, Dia vamos ensaiar? ― Zayn chama e a menina se vira para o moreno, agradecendo mentalmente por ele ter salvado ela.

― Vocês vão ensaiar agora? ― Harry pergunta indignado, porque Zayn sempre tinha que interromper tudo?

― Sempre ensaiamos a essa hora. ― Zayn  diz simplesmente dando de ombros, ele nem ao menos entende o motivo de estar dando explicações á Harry, mas mesmo assim o faz.                  

 ― E qual cena vão ensaiar? ― Harry pergunta e Zayn franze o cenho, porque aquilo importava para ele.

― A oito. ― Zayn diz como se aquilo não fosse tão importante, mas Harry arregala os olhos parecendo chocado.

― Mas essa cena tem beijo! ― ele acusa e Zayn gargalha, não era como se ele nunca tivesse beijado Diana.

― Essa e varias outras... ― Zayn começa a dizer, e Diana puxa o menino pelo braço, é obvio que Zayn não acreditava mais nos sentimentos de Harry por Diana, mas era obvio que ele começava a se questionar se realmente tinha entendido as coisas direito, afinal Harry agia como um namorado ciumento o tempo todo.

― Que foi? ― Liam pergunta assim que Diana puxa Zayn para longe de Harry.

― Eles vão se beijar. ― Harry diz de boca aberta como se aquilo fosse demais para que ele conseguisse suportar.

― Não é um beijo de verdade. ― Liam tenta consolar o amigo mas não adianta muito, não importa qual seja a ideia, se é um beijo cenográfico ou se é um beijo real, a ideia de ter alguém que não seja ele tocando os lábios de sua garota era uma tortura.

― Você quer ir embora? ― Lucy pergunta enquanto segura os braços de Liam, Harry sabe que a morena esta falando com ele, mas se ver Diana beijando outro já era ruim, pior ainda era imaginar o que os dois fariam se ele não estivesse vendo.

― Não, vamos ficar e ver esse ensaio. ― Harry diz decidido, ele precisava saber de uma vez por todas se a fofoca de Misha tinha algum cabimento, e mesmo que Liam e Lucy jurassem que não existia nada entre o Malik e Diana, ele só acreditaria quando pudesse ter isso confirmado através de seus próprios olhos, e se para isso ele precisava ficar assistindo os ensaios e cenas românticas entre aqueles dois, bom,  ele faria isso.

*********

Niall tinha a jovem ruiva presa aos seus braços, apesar de ainda estar corada, Liza parecia prestes a explodir de felicidade, Harry não podia culpa-la, ele sentira o mesmo se tivesse Diana em seus braços novamente. Wali estava ao lado do mais novo casal, parecia contente e esperava o ensaio de Diana e Zayn começar como se estivesse na estreia da peça, já Lucy, Liam e até Louis tinham os olhos em Harry, que encarava o casal parado no centro da sala. Diana e Zayn estavam dando uma breve olhada em suas falas, e tentariam passar a cena sem ler as falas nos papeis. A sensação era horrível, e o jeito que Zayn sorria para Diana, bom, era pior ainda.

CENA:

Elizabeth:  Eu sinto como se finalmente estivesse viva, quando estou com você, tudo muda. ― ela suspira e vira de costas para Zayn. ― Mas ao mesmo tempo você me tira do serio, e eu não tenho ideia de o que devo fazer quando se trata de você

Taylor: Talvez você apenas devesse me dar uma chance.

Elizabeth: Para que você estrague tudo de novo? Para que quebre meu coração?

Taylor: Não, para que eu possa remenda-lo. ― Zayn apoia as mãos no rosto de Diana fazendo a loira olhar para ele, aquele dialogo era algo que facilmente poderia acontecer entre a loira e Harry que esta sentado observando tudo com olhos arregalados.

Elizabeth: Não consigo confiar em você outra vez, eu...

Taylor: só estou te pedindo uma chance, prometo que não vou falhar com você novamente, eu te amo Liz.

E é então que acontece, Zayn atuando como Taylor traz os lábios de Diana para os seus, no inicio é só um toque suave e sereno. A loira já estava se acostumando com esses momentos em que os lábios finos de Zayn tocavam os seus, quase sempre era tímido, um toque suave, e normalmente ambos ficavam sem graça. Naquele momento eles apenas abriram os lábios, mas não deixaram que suas línguas se tocassem, era um beijo técnico, puramente para a cena, mas assim que eles se separaram desviaram o olhar um do outro, envergonhados como sempre. Apesar de Wali, Niall, Liza e até Lucy estarem aplaudindo, Liam demorou um pouco para acordar e deixar de encarar Harry, só então ele começou a aplaudir o casal de amigos, Louis no entanto bateu palmas rapidamente sem empolgação mas seus olhos estavam focados em Harry também, e quando Diana finalmente tomou coragem para encarar o garoto ela entendeu porque, os olhos verdes estavam úmidos, Harry estava chorando.

********

―Harry? ― Diana perguntou assim que as pessoas começaram a conversa e se dispersaram, ela andou até ele e o menino fungou e virou o rosto. ― O que foi?

― Não é nada... ― ele disfarçou e encarou o outro lado da sala, Diana deixou seu corpo cair ao lado dele, ela ainda estava furiosa com o menino, mas não aguentava ver aquela cena.

― Porque ficou assim? Fiz alguma coisa? ― idiota! ela se puniu mentalmente por se importar tanto com o sentimento dele.

― Não, nada. ― ele disse ainda sem encarar ela e completou. ― É só que foi dolorido ver que você poderia ser feliz com ele.  

Diana não tinha certeza se tinha escutado direito, mas também não teve chances de perguntar, Harry se levantou e caminhou até Liam do outro lado da sala, e ela ficou ali de boca aberta sem entender nada do que estava acontecendo.

― Então, acho que é melhor irmos embora. ― Louis disse depois de um tempo, e encarou os amigos que estavam espalhados pela sala, Niall já havia saído com Liza, ele iria caminhar um pouco com a ruiva e deixa-la em casa depois, então não tinha muito o que os outros ficarem fazendo ali.

― Tem razão, já está ficando tarde. ― Liam disse depois de dar um tapinha nos ombros de Harry que secava os olhos disfarçadamente. Todos começaram a se organizar para ir embora, mas Diana apenas continuou ali sentada sem saber o que fazer, quando eles já estavam na porta Lucy se virou para a amiga.

― Diana, você não vem? ― a morena perguntou e a loira se pegou negando com a cabeça, ela não conseguiria, não conseguiria sair de lá ao lado de Harry como se nada tivesse acontecido, como se seu coração não estivesse uma completa bagunça.

― Já está tarde. ― Liam voltou a dizer, e tentou inutilmente não encarar Harry.

― Eu e Zayn vamos ensaiar mais um pouco, podem ir. ― Diana disse a primeira coisa que veio a sua mente, ela estava com o carro de sua mãe, então não haveria problemas nem desculpas como andar sozinha na rua.

― Você vai ficar aqui, sozinha, com ele? ― Harry perguntou pausadamente se castigando mentalmente por ser tão pateticamente obvio.

― Zayn não vai me comer viva. ― a loira disse sem notar o duplo sentido que aquela frase podia carregar, Harry olhou de Zayn para Diana como se aquela constatação fosse falsa, e os planos de Zayn fossem exatamente esses, comer Diana viva.

― Vamos.  ― Louis interrompeu empurrando Harry porta a fora. ― Boa noite.

E a ultima coisa que Diana viu foram os olhos desesperados de Harry a encarando antes da porta ser fechada e Zayn se virar para ela com um sorriso torto no rosto.

― Pode desembuchar. ―  ele disse cruzando os braços em frente ao peito. ― O que aconteceu?

********

Diana se lembra de ficar até depois das dez conversando com Zayn, contando suas angustias e como ela se sentia em relação ao menino, Zayn apenas a acolheu, sem conselhos sábios, sem palavras duras, sem julgamentos, ele apenas franziu o cenho, concordou com a cabeça e abraçou a menina, deixando ela desabar em seus braços, tirando o peso de seu peito, e era exatamente isso que Diana mais gostava nele.

No outro dia ao chegar na escola, Niall estava sentado com Liza, e como consequência Wali também estava no grupo, Diana sorriu, era bom ter as menina por perto, e era bom ter Wali a única outra solteira do grupo.

― Bom dia gente. ― Diana disse se sentindo melhor, todos responderam ela em tom animado, até Louis tinha sido educado, mas Harry apenas murmurou um ‘bom dia’ tão baixo que Diana mal conseguiu escutar.

― O que aconteceu pra você chegar atrasada? ― Lucy perguntou e Diana apenas deu de ombros.

― Eu só dormi muito. ― ela mentiu, a verdade é que ela mal tinha dormido a noite, e quando conseguiu dormir, tinha que levantar para vir a escola, era maçante.

A conversa ia e vinha, os assuntos mudavam, e não demorou muito para o sinal bater. Diana se encaminhou para dentro da sala com os outros e logo Zayn pulou ao seu lado sorrindo.

― Que foi macaquinho? ― a menina perguntou ao ver a alegria do garoto.

― Temos uma apresentação da no fim de semana. ― ele respondeu e Diana sorriu feliz por eles. ― Você vai como minha companhia.

― O que? Mas onde vai ser? E como? Tá brincando não é? ― ela perguntou e Zayn negou com a cabeça sorrindo.

― Não, não estou! Se prepare. ― ele disse e entregou um pedaço de papel na mão dela, ela abriu e se deparou com um panfleto, ele dizia “A festa do ano! Você não pode ficar fora dessa, boate Skine, bebida liberada, Dj a noite toda e musica da hora com os meninos da One.”

One? Desde quando os meninos estavam se chamando de One? Bom, não importava, Diana pelo visto teria que ir á essa festa, e o pior, era a primeira vez que ela entraria em uma boate.

***************

Ela pensou que teria mais tempo, mas estava enganada, o vestido preto que Lucy emprestou estava alguns centímetros mais curto nela do que ficava na amiga, era preto, e bem justo ao corpo, até onde a saia ficava um pouco rodada ainda marcava o bumbum de Diana, ela parecia uma mulher de 23 anos, e não uma garota de 16, era assustador. Lucy no entanto olhava para a garota com um sorriso de aprovação, ela também parecia bem mais velha do que era, mas talvez por sua estatura ela ainda lembrava uma jovem.

― Porque mesmo nos temos que ir assim? ― Diana perguntou pelo o que parecia ser a milésima vez, e Lucy revirou os olhos.

― Estamos indo a uma boate, não podemos parecer crianças.

― Mas nós nem podemos entrar em boates.

― Não iriamos poder se o dono da festa não tivesse fechado o lugar só para ele, e dispensado essa porcaria de limite de idade, e tudo mais.

― Odeio isso. ― Diana disse olhando para si mesma, ela não queria parecer arrogante, mas sabia que as pessoas ficariam em cima delas, e ela não gostava muito disso.

― Pare de reclamar! ― Lucy exigiu e logo elas ouviram a buzina, Liam tinha chegado.

Diana e Lucy saíram da casa da loira, e Diana tinha que confessar que agradeceu mentalmente por sua mãe estar de plantão, seria embaraçoso encontra-la naquele mini vestido.

― Meu deus do céu! ― Wali e Zayn exclamaram juntos no banco de trás do carro enquanto encaravam Diana.

― O que? Está muito exagerado? Eu disse para Lucy que era demais, talvez eu devesse ir trocar de roupa, não vou demorar... ― ela começou a dizer mas Zayn apenas abriu a porta e saiu do carro andando até a loira.

― Não se atreva a fazer isso. ― Zayn disse segurando o braço da loira que o encarou confusa. ― Você está magicamente maravilhosa.

― Não seja idiota. ― ela disse corando e Zayn apenas riu e puxou a cintura da menina a abraçando.

― Se você não fosse minha melhor amiga, e eu não soubesse a quem seu coração pertence, juro que te faria ser minha. ― ele sussurrou de modo que só Diana pode ouvir, o coração da menina parou dentro do peito e ela sentiu que ia morrer, Zayn só podia estar brincando, ele se separou rindo, aquele típico sorriso de canalha onde ele colocava a língua entre os dentes.

― Se falar algo assim de novo, eu te mato. ― ela disse baixinho também e o menino apenas gargalhou.

― Vamos logo. ― ele disse e puxou a menina para o banco de trás do carro.

********

Ao chegar no local, eles logo encontraram os outros, tinham combinado de esperarem em frente a entrada e assim foi feito, os últimos a chegarem eram Harry e Louis, Louis vinha acompanhado de Sasha, e Harry estava sozinho. Diana logo desviou o olhar dele.

― De quem é essa festa? ― Diana perguntou notando que ainda não sabia de quem era a festa.

― De uma menina que estuda comigo, ela tem a idade de vocês, repetiu sabe? ― Wali esclareceu com um sorriso, agora estava explicado o negocio de idade. ― Ela é bem doida, e a família tem muito dinheiro, então ela fechou a boate para o aniversario dela, foi eu e Liza falarmos sobre a banda, e ela logo quis que eles tocassem no aniversario. Sabe como é? Apesar de tudo, até ela acha os meninos os caras mais gatos da escola.

― Me lembre de dizer a ela que ela esta subestimando eles. ― Diana disse assim que Louis e Harry já estavam perto o bastante para ouvirem. ― Afinal, se ela os conhecesse, notaria que são grandes idiotas.

― Não desconte suas frustações em nós. ― Louis disse em tom de piada e a menina o encarou, era obvio que ele estava a cutucando, mas ela não deixaria nada a abalar.

― Ser sincera é meu forte. ― ela disse para Liza e Wali como se Louis não estivesse ali, o menino apenas gargalhou, e Harry ficou encarando Diana como se o mundo dele tivesse parado, e só existisse a menina ali, o seu único pensamento foi: “Puta que pariu! Ela quer me matar!”

Porque diabos aquela mulher tinha que ser tão linda? Ela era uma mulher! Ali Diana não parecia a garotinha que ele conheceu lendo um livro que mais parecia uma bíblia, ela era uma mulher com saltos altos, maquiagem bem feita, e um vestido que fazia as curvas com as quais ele já estava acostumado, se destacarem, provocando um calafrio em sua espinha.

― Vamos entrar. ― Liam disse animado e eles entraram, o lugar estava cheio de luzes piscando, uma musica eletrônica tocava e a pista de dança estava lotada assim como o bar, a maioria das pessoas era menor de idade, mas isso não impedia que elas pegassem bebidas a vontade, isso se chamar ter poder, ou seja, ter dinheiro, você é capaz de comprar tudo, e até burlar a lei.

************

Umas duas horas depois, Diana já estava cansada, ela dançou com Zayn a noite toda, isso se ela podia chamar a movimentação de Zayn de dança, o menino era extremamente desajeitado! Mas ela foi quem o convenceu a dançar com ela, não podia reclamar, mas também quem mais ela chamaria? Niall estava envolvido dançando com Liza, Wali estava em uma conversa interessante com uma menina da sua sala, Liam e Lucy estavam grudados, Louis mesmo se não estivesse com Sasha, que por incrível que pareça lançava olhares mortais a Liza e Niall, não era uma opção, e bom, ela não conseguiria dançar com Harry, mesmo sentindo que o olhar dele não saia de cima dela. 

― Malik. ― Harry chamou se aproximando de Zayn e puxando o braço do garoto com mais brutalidade do que o necessário.

― Que foi cara? ― Zayn perguntou, ele já tinha bebido um pouco, e parecia não entender o porque da irritação de Harry.

― Hora de subir no palco. ― Harry disse se segurando para não completar: “ então pare de se esfregar na minha garota.”

― Ah tudo bem. ― Zayn disse e sorriu, ele se inclinou para Diana e deu um beijo no rosto da menina. ― Quero você de frente pro palco.

― Estarei. ― Diana garantiu, e viu as meninas se aproximando. As quatro caminharam para frente do palco, e Sasha que pela primeira vez estava excluída foi logo atrás delas.

********

Os meninos cantaram varias musicas, e Diana tinha que confessar, conhecia a maioria delas. Talvez ela fosse a primeira fã da banda, e só agora estava se dando conta, ela cantava quase todas as canções junto com os garotos, enquanto era obvio que a maioria ali não conhecia as musicas originais, e sim apenas os covers que os meninos fizeram. Quando a batida agitada de uma das canções parou, Diana se desgrudou de Lucy com quem ela dançava e encarou o palco sorrindo para os meninos, eles pareciam realizados, era a primeira vez que tinham um palco de verdade, e a multidão de pessoas na festa tinham a atenção voltada para eles, talvez aquele fosse o primeiro show deles de verdade.

― Obrigada pessoal. ― Liam disse sendo como sempre o cortes e comunicativo do grupo, antes que ele pudesse continuar sua fala e apresentar a próxima canção Harry o interrompeu.

― A próxima canção é uma autoria minha. ― ele confessou, ok, Diana não esperava que ele quisesse se exibir, mas era obvio que queria, só que ele parecia tenso com isso. ― Na verdade não faz muito tempo que eu a compus, foi apenas alguns dias atrás, em um desses momentos que você nota que fez tudo errado, e que esta perdendo a única coisa que realmente quer, e mesmo sabendo que pode fazer mais e oferecer mais, você não sabe por onde começar. ― Ok, aquilo não era uma exibição, era um tipo de... um tipo de declaração! Diana não podia acreditar naquilo, era para ela? Poderia ser para outra menina? Mas que outra? Pelo o que Diana sabia a outra única pessoa que já tinha tocado os lábios de Harry ali tinha sido Sasha, e mesmo assim ela foi logo abandonada e eles nunca mais voltaram a ficar juntos, ele não escreveria algo para ela. ― Espero que você entenda o que tenho pra dizer.

E então o clima mudou totalmente, a batida da musica era lenta, calma, algumas pessoas ficaram desapontadas, outras continuaram vidradas no show, alguns casais começaram a dançar juntos, Diana só conseguiu ficar parada enquanto a musica começava ser cantada e ela analisava a letra.

Estou despedaçado, você me ouve?

Estou cego, porque você é tudo que vejo

Estou dançando, sozinho

Estou rezando, que seu coração volte atrás. ― Liam começa a cantar calmamente, é a primeira vez que seus olhos não param em Lucy, apesar da menina estar bem ao lado de Diana, alguns passos atrás, os olhos dele estão fixos em Diana e a loira automaticamente entende. Ele sabe tudo o que esta acontecendo, era isso que ele estava aprontando? ― E enquanto eu caminho até sua porta

Minha cabeça vira para o chão

Porque eu não consigo olhar nos seus olhos e dizer

― Quando ele abrir os braços e te abraçar forte essa noite

Isso não parecerá certo

Porque eu posso te amar mais do que isso

Yeah

Quando ele te deitar, poderei morrer por dentro

Isso não parece certo

Porque eu posso te amar mais do que isso. ― Harry começa a cantar, Diana entende que aquele é o refrão, mas apenas Niall o acompanha e somente em alguns versos, os olhos verdes de Harry estão sobre Diana de uma maneira que faz ela querer se encolher, porque ele faz isso com ela? ― Posso te amar mais do que isso


Se eu berrar, você me veria?

Você deitaria

Em meus braços e me resgataria?

Porque somos

A mesma coisa

Você me salva

Quando você vai isso some de novo. ― Niall canta, seus olhos passam grande parte da musica focados de maneira apaixonada em Liza, mas no final ele também encara Diana. Qual é? Todos sabiam daquilo? Não, todos não! Louis e Zayn não pareciam saber até aquele momento, mas Harry continuava encarando Diana, e a primeira vez que naquela apresentação, ele simplesmente ignora o resto do publico.

Ai eu te vejo na rua

Nos braços dele, eu fico fraco

Meu corpo fraqueja, estou de joelho

Rezando. ― Louis canta, ele parece estar confuso, como se não soubesse que tinha Harry que escrevera a musica, ou como se só agora tivesse descobrindo a historia por trás dela, como se alguma peça não se encaixasse em seu quebra cabeças.

Quando ele abrir os braços e te abraçar forte essa noite

Isso não parecerá certo

Porque eu posso te amar mais do que isso

Yeah

Quando ele te deitar, poderei morrer por dentro

Isso não parece certo

Porque eu posso te amar mais do que isso. ― dessa vez todos acompanham Harry, deixando ele sozinho apenas no momento em que ele canta o “YEAH”, porém Diana mal nota o desempenho dos outros, ela esta ali, sendo tomada por os olhos intensos de Harry, ele parece suga-la, e ela não conseguia acreditar naquelas palavras, não podia acreditar que aquilo era real, Harry definitivamente queria deixar ela louca.

Yeah

Eu nunca tive palavras para dizer

Mas agora estou pedindo para você ficar

Só um pouco mais em meus braços

E enquanto você fecha os olhos essa noite

Eu rezo para que você veja a luz

Que está brilhando nas estrelas lá de cima. ―  Zayn canta, a voz dele ainda esta fraca como se ele pudesse perde-la a qualquer momento, mas ele continua tendo uma afinação e potencia vocal incríveis, porém o que mais chama atenção é a confusão em seu rosto, Harry aparecera com essa musica ainda naquela semana, um dia depois da declaração de Niall, um dia depois do beijo encenado por ele e Diana. Zayn acreditava que aquela musica já existia antes, mas era obvio que Styles queria canta-la essa noite, e só agora Zayn compreendia o porque, não era exatamente uma musica para ser tocada em uma boate, mas ele brigou tanto para que cantassem que todos cederam, Harry recebeu apoio de Liam logo de cara, e logo depois Niall também o apoiava, Louis e Zayn tinham sido minoria, e Zayn acabou deixando o assunto de lado, agora ele entendia a insistência de Harry, ele queria que a loira visse como ele se sentia com a possível relação que ele achava que existia entre Zayn e Diana, aquilo era patetico, confuso e ao mesmo tempo muito, muito inesperado.

― Quando ele abrir os braços e te abraçar forte essa noite

Isso não parecerá certo

Porque eu posso te amar mais do que isso. ― Liam volta a cantar com a musica bem calma, e outra vez seus olhos não se focam em Lucy, mas apenas em Diana, como se tentasse entender a reação da garota, Diana não consegue pensar direito, ela entendeu a mensagem, sabia que a musica era para ela, mas o que ele queria dizer com aquilo? Diana não estava ficando com ninguém, estava?

Porque eu posso te amar mais do que isso. ― e então é quando Zayn canta a nota alta e no final quase perde a voz completamente, parando de cantar na mesma hora, que Diana entende. Harry compôs a musica para ela, compôs porque achava que ela estava com Zayn, isso deixou Diana furiosa, ela não devia satisfações a ninguém, mas saber que ele, que tinha sido o motivo de tudo isso, principalmente da aproximação entre Diana e Zayn, estava acreditando nas historias de Misha, e fazendo ceninha de ciúmes? Quem ele pensava que era?

Quando ele te deitar, poderei morrer por dentro

Isso não parece certo

Porque eu posso te amar mais do que isso

Yeah

Quando ele abrir os braços e te abraçar forte essa noite

Isso não parecerá certo

Porque eu posso te amar mais do que isso (yeah)

Quando ele te deitar, poderei morrer por dentro

Isso não parece certo

Porque eu posso te amar mais do que isso.. ― todos cantam juntos, e apesar da musica ser linda Diana não consegue mais ficar ali, aquilo a magoa de uma maneira insana, ela não podia acreditar que Harry tinha levado Misha a serio, não podia acreditar que ele escreveu algo tão bonito de forma tão idiota, como ele pode pensar isso dela? Como ele pode pensar que ela apenas viraria a pagina e engataria algo com Zayn sem mais nem menos? Não era obvio? Não era obvio que ainda doía?

Posso te amar mais do que isso.. ― Diana escuta a voz de Liam finalizando a musica, mas ela já não pode mais ver o olhar dele sobre ela, ela nem ao menos dá atenção para a voz de Zayn que apesar de ter falhado nas notas altas algumas vezes, nada que atrapalhou a apresentação, mas que foi perceptível para Diana, bom, ela não escuta nem ele que tenta gritar o nome dela mesmo com sua voz cada vez mais rouca, ela apenas continua se afastando tentando chegar a saída daquele lugar. Havia sido humilhante, não só por Harry ter acreditado em toda aquela fofoca, mas porque até Sasha notou que aquilo era para Diana, e na segunda todos estariam falando sobre a briga musical entre Zayn e Harry que tinha sido causada por ela. Ela odiava Harry Styles! Odiava por fazer algo que era pra ser bonito se tornar uma humilhação, odiava por ele ter abandonado ela no dia do teste, odiava por ele ser o culpado de todos os olhares estarem sobre ela agora, e de as pessoas praticamente abrirem espaço enquanto ela passava a encarando, odiava por ele ser tão idiota a ponto de dar credito a uma fofoca, odiava por ele ter despertado o sentimento mais proibido nela!

― Diana, espera. ― e ali estava, segurando o braço dela, a voz rouca em uma suplica, ela se virou rapidamente sabendo quem iria encontrar.  ― O que eu fiz de errado agora?

― Você ainda me pergunta? ― ela rebate puxando seu braço do aperto de Harry. ― Você acabou de me humilhar, acabou de confirmar um boato falso sobre mim, todos vão achar que eu estou com Zayn agora!

― Mas você está com ele. ― Harry respondeu e Diana o encarou como se ele merecesse um tiro.

― É por isso Styles que eu nunca vou poder perdoar você! ― ela disse o encarando com raiva e ate mesmo com nojo. ― Porque você nunca vai entender que não é só porque você consegue ser um traidor, e se deitar com Misha depois do que fez comigo, que eu vou me envolver com um dos seus melhores amigos para dar o troco. ― ela diz fazendo Harry arregalar os olhos e finalmente entender a raiva da menina. ― E sabe porque? Não é por você não merecer isso, é por Zayn, ele jamais mereceria isso!

Ela finalizou apontando alguém atrás de Harry, o menino sabia que Zayn e os outros deviam estar ali, ele havia abandonado o palco em seu primeiro show, e todos o seguiram, tudo  por causa daquele turbilhão que era aquela loira que saia da boate naquele momento. E mais uma vez, ele sabia, tinha estragado tudo!


Notas Finais


E então gostaram? Nao se esqueçam de COMENTAR, favoritem a historia e indiquem para os amigos...
Beijuuu até o proximo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...