História Perfect To Me - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Camila Cabello, Lauren Jauregui
Tags Camila Cabello, Camren, Lauren Jauregui, Supergirl
Exibições 108
Palavras 1.438
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Festa, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Hey, guys! Como prometido, estou aqui na sexta-feira, espero que gostem :)

Capítulo 2 - Why didn't you tell me?


Fanfic / Fanfiction Perfect To Me - Capítulo 2 - Why didn't you tell me?

Lauren sentiu um peso sobre seu corpo e despertou lentamente, por conta de seu sono leve. Abriu os olhos deparando-se com um absorvente sujo, pendurado por algo – ou alguém -, gritou pelo susto assustando Dinah que soltou o absorvente no rosto de Lauren e saiu correndo. A hispânica agradece por ser apena geleia de morango.

Joga o absorvente no chão e se senta da cama, indo em direção ao quarto da Dinah que fica no final do corredor. Hóspedes que passavam pelo mesmo estranhavam, outros riam e um até ousou tirar foto da morena completamente lambuzada e brava.

Ao chegar no quarto da loira, não a encontra de primeira, anda mais um pouco e se depara com uma Dinah toda a vontade e sem nenhuma preocupação comendo em uma mesinha ao lado da janela.

- O que você está fazendo? – pergunta brava.

- Como o que eu estou fazendo? – se faz de desentendida – Estou tomando meu café da manhã. E... o que é isso no seu rosto? Algum creme novo para me recomendar?

A morena bufa e vai em direção do banheiro desistindo de sua vingança.

- O que tem marcado para hoje? – pergunta lavando o rosto.

- Às nove horas você tem um encontro com um dos produtores do novo álbum e depois você está livre. – Lauren volta para o quarto enxugando o rosto – Eu tentei consegui algum voo para Miami ainda hoje, mas só consegui para amanhã.

- Certo, vou tomar um banho.

- LAUREN? – chama a morena antes que a mesma sai do quarto – A Ally ligou quando soube que você estaria aqui sem compromisso e nos convidou para ir pra casa dela.

- E nós vamos, eu estou morrendo de saudade da Rudolph. – falou e saiu deixando um beijo na bochecha da amiga que já estava em sua frente.

(...)

Já fazia um tempo que Camila havia chegado na casa de Ally com Normani e a menor levou as amigas até o deck que tinha no exterior de sua casa. Logo quando as atrizes entraram nessa vida agitadíssima que hoje enfrentam, viviam sob os conselhos da cantora e essa tinha um carinho excepcional pelas duas.

- Mani, cadê o Mehcad? – Camila pergunta – Vocês nunca se desgrudam.

- Ele teve que viajar para New York, foi convidado para desfilar por uma grife. – explicou revirando os olhos.

- E porque você não foi com ele? – Ally perguntou e a morena respirou fundo.

- Eu queria aproveitar esse dia de folga com vocês e amanhã eu e a Mila temos uma coletiva de imprensa. Então... – deu de ombros e tentou mudar de assunto – Ah! E o que foi aquilo no Twitter ontem?

- O quê? – as duas meninas perguntam.

- Você e a Lauren. – a cubana fica sem graça e a menor ainda sem entender – A Lauren chamou a Camila para sair ontem.

- Sério? – pergunta sem acreditar – Por falar nisso, a Lau... - é interrompida pela campainha – Já volto. – abre a porta e sorri ao ver quem estava do outro lado da porta – Meninas! Pensei que não viriam mais.

- Tem como recusar um pedido seu, pequena Ally? – Dinah pergunta abraçando a menor.

- Ai, DJ! – reclama pelo aperto – Vem, as meninas estão no deck.

- Que meninas? – Lauren pergunta passando o braço esquerdo pelos ombros da menor.

Ally resolveu não responder, queria muito ver a reação das duas quando se verem. Ao passar pela grande porta de vidro e foi a melhor. Lauren para ao focar na pessoa que também lhe focava.

- Por que você não falou que a Camila ia estar aqui? – Lauren perguntou baixinho para Ally.

- Eu achei que você não se importaria já que em breve terão um encontro. – a menor deu de ombro fazendo Dinah rir.

- Eu não acredito que ela está aqui, Mani! Era para a Ally ter me avisado que ela viria. – a latina falava baixo para evitar constrangimento – Mani? Você está me escutando?

- Fica calma e cala boca, ela está chegando. – se levantou para cumprimentar as novas convidadas.

Camila também levanta-se por educação – somente por educação, já que na verdade estava morrendo de vergonha e não queria nem olhar para a hispânica. Se cumprimentam e pegam cadeiras para sentar próximas as garotas que já estavam ali. Ao sentarem, os olhos das duas protagonistas cruzam-se acidentalmente em questão de milésimos descruzam pela vergonha.

- Laur, pensei que você fosse para a casa dos seus pais. – Ally puxou assunto e colocou mais bebidas na mesa de centro.

- Eu vou amanhã, não tinha nenhum voo para Miami hoje. – pegou um drink.

- A Mila já morou em Miami e os pais dela continuam morando. – Normani fala atraindo atenção das duas protagonistas, enquanto a hispânica estava surpresa com a notícia, nossa latina olhava para amiga com um olhar repressor. Não que ela queira ocultar essa observação, era só porque ela não queria fazer parte daquela conversa. Sua timidez não permitia.

- É verdade? – Lauren pergunta, roubando a atenção da latina. Esta que faz um sinal de positivo com a cabeça, bebericando o liquido no copo – Onde vocês moraram?

- Eu morei em Little Havana, meus pais até hoje moram lá com minha irmã mais nova. Eu amo ir visita-los, mas por conta das gravações eu não tenho ido com tanta freq...

- Espera... – a morena interrompe fazendo Camila franzir o cenho – A casa da minha família fica em Coral Way, frequentei a Carrollton desde o sétimo ano. – fala deixando uma Camila completamente surpresa com tais coincidências.

- Eu realmente estou surpresa.

- Com o que você está surpresa, Mila? – Ally pergunta não entendendo o que elas estavam falando.

- Eu e a Lauren morávamos próximas em Miami e hoje minha irmã estuda na mesma escola que ela estudou. – fala olhando para a hispânica que não tirava o sorriso do rosto.

- É muita coincidência em poucos minutos. – Dinah deita a cabeça no colo de Normani puxando sua mão a obrigando a fazer um cafuné – Escutem o que eu vou falar: vocês duas vão acabar ficando juntas.

Não demorou muito para que as protagonistas corassem violentamente. Depois desse momento, elas foram para a sala de cinema, não era bem um cinema, apenas uma grande tela na parede com enorme sofá. A latina já havia deixado a timidez totalmente de lado e riam das “doidices” que a polinésia falava, que chegou até a pedir Normani em namoro alegando que ninguém precisava saber, as meninas caíram na gargalhada do jeito apressado em que a morena fez o pedido e da cara de desinteresse de Normani.

Antes de Ally da play no filme – Um amor para recordar – pede para tirar uma fotos com as meninas, que estavam na seguinte ordem: Camila, Ally, Lauren, Dinah e Normani.

- Pessoal, os fãs estão perguntando se vai rolar mesmo o jantar entre a Lauren e a Camila, vai? – pergunta se levantando para pegar o controle, fazendo com que as protagonistas tivessem livre visão uma da outra. Seus campos de visões estavam ligados um ao outro, então Lauren toma iniciativa e responde a amiga.

- Vamos sim, assim que eu chegar de Miami. – afirmou fazendo a latina corar e baixar a cabeça timidamente que pediu para que Ally colocasse logo o filme, fazendo todas rirem com a coloração vermelha que dominou seu rosto.

(...)

Lauren já estava no avião em direção a Miami. Em sua audição, o volume estava elevado com a música Somebody Else da sua banda favorita, The 1975. Fazendo com que a hispânica viajasse no tempo em uma época que passou justamente por uma situação daquela. Mas não queria lembrar daquilo, não com tudo que tinha pela frente, e foi aí que seu pensamento foi para a noite anterior.

Quando o filme acabou, Normani e Camila tiveram que ir embora porque tinham uma coletiva de imprensa hoje pela manhã. Quando elas foram embora, pegou o número da latina com Ally e tudo o que lhe restava era enviar uma mensagem. E já havia escrito, mas não conseguia apertar o “send”. Bloqueou o celular quando anunciaram o pouso da aeronave.

Passou pelo portão de desembarque, agradeceu por não ter sido reconhecida, já que usava um boné e óculos escuros. Só havia cinco pessoas presentes ali que mesmo que estivesse coberta dos pés à cabeça, não passaria despercebida. E não poupou sorriso ao ver seus pais e seus irmãos.

Sua mãe correu já com os olhos marejados fazendo a hispânica soltar a bolsa de carrinho e abrir os braços para se aconchegar aos braços da mãe. Ela não tinha palavras para descrever aquele sentimento, sem dúvidas alguma ela iria aproveitar muito aqueles 3 dias.


Notas Finais


Espero que tenham gostado, domingo posto outro. Kisses and hugs :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...