História Permitir - Capítulo 2


Escrita por: ~ e ~Yuki_Dark

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook, Personagens Originais
Exibições 462
Palavras 1.209
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oi, Oi, td bem com vcs? Eu vou bem :3
Bem, eu sou a outra escritora, a Yuki_Dark. A minha escrita é um pouco diferente da Luu, pelo menos pra mim é diferente rsrsr.

Relembrando que nem eu e nem a Luu apoiamos a violência contra a mulher e muito menos o estupro! Tenha isso em mente ao ler os capítulos que firam!
Esse será o primeiro capítulo, aquele foi o prólogo, assim que eu espero que gostem do capítulo e da minha escrita :3
~Boa leitura >3<

Capítulo 2 - Capítulo 1


Fanfic / Fanfiction Permitir - Capítulo 2 - Capítulo 1

“Meu próprio reflexo me assustava.

Eu não gosto do que vejo no espelho.

Vejo uma alma desprezível... Triste...

Que dava-me medo...”

Capítulo 1

 

- Yona. – a voz grossa e alta de Jeon soa pela pequena cozinha, onde sua esposa, Yona, se encontrava. A mesma vira com um pouco de receio, com receio que estivesse feito algo nada agradável para seu marido.

-S-sim?... – Yona pergunta baixinho, abaixando sua cabeça e encolhendo-se perto da pia.

- Vou sair pra trabalhar, não me espere hoje. Não voltarei tão cedo, então se quiser você pode ir dormir antes de mim. – Jeon deu meia volta e saiu da pequena cozinha. Yona foi capaz de escutar os passos de seu marido até a porta, que abriu-a e saiu logo em seguida.

A Kim suspirou aliviada. Hoje a mesma percebeu que JungKook acordou com mau humor. – Deve ter acontecido algo na empresa hoje  para ele estar assim.- Yona pensou consigo mesma, se virando de frente para a pia, e terminando de limpar os pratos e talheres.

(...)

- Finalmente terminei! – a Kim se joga no sofá, relaxando seus músculos. – Eu pensei que eu não ia terminar nunca a limpeza. – Yona fala pegando o controle e ligando a TV da sala. A mesma hoje decidiu fazer uma faxina na sua casa, já que fazia um tempo que ela não limpava a casa. – O que eu posso ver?... O que eu posso ver?... – a Kim se perguntava enquanto mudava o canal.

Yona acaba não encontrado nada para se ver em sua TV, a mesma suspira e olha para o seu relógio de pulso. – São dez e quarenta da manhã... – Yona suspira, a mesma estava cansada devido a limpeza que fez pela casa, e ela não estava afim de fazer o seu almoço. Foi quando teve a ideia de sair para almoçar. Mais claro... ela não iria sair para almoçar sozinha, ela iria chamar Jimin... Park Jimin... o irmão de seu marido.

A mesma sabia que Jeon não gostava que ficasse com Jimin,  sabia que se chegasse aos ouvidos de seu marido, que ela esteve com seu irmão... ela sabia que iria apanhar dele e não seria pouco.

Mais, o amor que ela nutre por Jimin, é algo que nem ela é capaz de controlar, Yona não seria capaz de ficar um dia sem falar com ele, mesmo que eles se falassem por telefone ou por mensagens.

Mais ai vocês se perguntam, se ela ama Jimin, por que se casou com JungKook?

Simples, Yona também tem um sentimento pelo seu esposo, a mesma o ama, o ama tanto que um dia, esse amor a levaria a sua  morte.

A Kim não seria capaz de amar apenas um dos irmãos, ela ama JungKook assim como ele a ama, e Jimin não é diferente.

Mas... então Jimin é o amante de Yona?

Não... mesmo Jimin sabendo do sentimentos de Yona e Yona o de Jimin. Ambos possuíam apenas uma amizade, por que? Porque ambos sabiam que, se tivesse uma relação e JungKook descobrisse isso, algo muito desagradável iria acontecer com os dois, mas Yona é a que iria sofrer mais nas mãos de Jeon.

Ambos sabem o que JungKook é capaz de fazer, ambos sabem o quanto possessivo JungKook é, quando a raiva domava Jeon, ele não via nada. Sua visão é domada pela raiva, seus atos, seus pensamentos, suas falas, são feitas sem o mesmo saber o que pode resultar no final.

Mais apenas uma coisa ele sabia no que resultaria... ele chorando e xingando-se de todos os nomes possíveis.

 

 

 

Yona se levantou do sofá e pegou o telefone que se encontrava em uma mesinha de madeira ao lado do sofá. Discou o número de Jimin e espero o mais velho atende-la, um ato que não demorou muito para ser feito.

A Kim falava alegremente com Park. Ela deu a sugestão de irem almoçar em um restaurante ou até mesmo em uma lanchonete simples. De início, Jimin não pareceu gostar da ideia, pois o mesmo sabia o que poderia acontecer se seu irmão Jeon soubesse que ambos saíram para almoçar.

Mais Yona queria mais que tudo sair para almoçar com Jimin, manter o papo em dia e falar sobre coisas aleatórias.

O Park acaba percebendo que Yona não desistiria, não tão fácil, então acaba aceitando o convite da mesma, que acabou agradecendo e falando o quanto o amava.

 

 

- Como está as coisas no trabalho Jimin? – Yona pergunta dando uma mordida em seu lanche. Os dois decidiram ir comer em uma lanchonete perto da casa da Kim.

- Vai bem, tirando as correrias que estamos tendo. E os contratos de outras empresas parecem crescer cada vez mais. – Jimin lhe responde dando um gole em seu suco. – E Jeon parece nervoso com os contratos da empresa. – Jimin finalizada pronunciando Jeon. Se estiver se perguntando, se JungKook e Jimin trabalham na mesma empresa, a sua resposta esta certa.

Ambos irmãos trabalham na mesma empresa, mas o que diferencia é a posição que eles se encontram.

JungKook é o presidente de uma parte da empresa e Jimin o seu secretário.

- Isso explica o motivo dele estar meio que de mau humor hoje cedo... – Yona fala olhando para o seu lanche, mas logo leva o seu olhar para Jimin.

- Ele fez algo com você antes de sair? – Park pergunta olhando para Yona, o mesmo estava preocupado se algo poderia ter acontecido de manhã.

- Não. – Yona nega com a cabeça. – Ele apenas disse que demoraria para chegar hoje em casa e pediu para eu dormir na frente. – Jimin solta um suspiro de alivio por não ter acontecido nada com a Kim. – Hum Jimin... – a mesma chama o mais velho, que a olha e esperava que desse continuidade. – O JungKook estava estressado com alguma das empresas que queriam contratos?

- Sim, uma empresa chinesa está reclamando de alguns benefícios que não temos, o JungKook já explicou para eles que não somos capaz de ter tais materiais, mas os chineses parecem não entender isso, e por causa disso está deixando o JungKook nervoso. – Yona acena a cabeça positivamente, dando índice que entendeu o motivo de seu esposo estar de mau humor.

(...)

- Bem, obrigada por me trazer em casa Jimin. – Yona fala olhando para Jimin na porta de sua casa, a mesma estava com um sorriso em seus lábios.

- Imagina pequena. – Jimin lhe retribui sorrindo. – Eu já vou indo, tenho que arrumar algumas papeladas e dar para o meu irmão – o Park revira os olhos, fazendo Yona soltar uma risada de leve. – Bem, nós vemos por ai pequena. – Jimin se aproxima e deposita um beijo na testa de Yona, que cora de leve com o tal ato.

A Kim ficou na porta de sua casa vendo Jimin andar em passos calmos até o seu carro, que não demorou muito para dar partida e desaparecer de sua vista. 

 

"Você é minha morte, você é uns dos piores venenos já existentes nesse mundo... mas mesmo assim... não sou capaz de ficar sem seu veneno e sem sentir a morte em minha pele"


Notas Finais


Espero que tenham gostado do capítulo 1 :3
E que minha escrita tenha agradado vocês e... e que tenham gostados! rsrsr
Bem, até a próxima. Bjs de toddynho >3<


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...