História Perna Torta - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Visualizações 7
Palavras 416
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


;-;

Capítulo 5 - A volta ao acampamento


Ele sentiu o cheiro de dois gatos se aproximando. Eram os gatos da patrulha. O velho e enorme gato da patrulha Miou:
-O que faz aqui, filhote? Você deveria estar no berçário.
Filhye torto Miou:
- Olhe esses arbustos!
O velho gato e sua aprendiz deram uma olhada. Estrela de Falcão soltou um miado de surpresa. Rapidamente, ele disse:
- Hmm.... Err.. Nós achamos este filhote, terrivelmente abatido, agora! Ele cheira a Clã da montanha! Provavelmente foi morto por um vilão ou raposa.
O velho gato ( Folha Rasgada ) olhou para Filhote Destemido, confuso.
- Por que esses filhotes estão aqui?
- E vou lá saber? Filhote Destemido apareceu enquanto u estava seguindo o cheiro. Então... Err... Não tive tempo de levá-lo de volta. Nem sei por que Filhote Torto está aqui!
Filhote Torto se contorceu de raiva. Estrela de Falcão mentia muito bem! 
Folha Rasgada, entendendo, se sentou. Ele Miou, divertido:
- Eu acho que é hora de levar esses filhotes travessos para o acampamento!
Folha rasgada pegou os dois filhotes pela boca. Filhote torto sentiu o bafo quente do guerreiro que os levava para o clã. Assim que eles chegaram no acampamento, Flor macia veio correndo, quase derrubando Folha Rasgada. Ela agarrou os dois e começou a lamber freneticamente, querendo fazer com que os dois fossem limpos de qualquer sujeira. 
Filhote torto estava indignado. O líder era um traidor! Havia matado um filhote para treinar um filhote para matar! Ele ficou tonto de medo, e fechou os olhos, confortado e aterrorizado ao mesmo tempo.
Ao acordar, estava no berçário. Ele olhou para o canto da toca. Era noite. Olhou para o lado; uma rainha que ele não sabia quem era amamentava um filhote manchado. Olhou pro outro lado, e viu a bela Filhote gélida; Dali mesmo ele sentiu o cheiro dela. Ele aspirou aquilo como se fosse o ar mais puro de todos. Tinha cheiro doce, misturado com o cheiro de leite. 
Ao seu lado, Filhote Destemido dormia como se estivesse tendo o pior pesadelo. Ele tremia, assustado pelo dia que teve. Filhote torto, com um esforço, saiu do abraço da mãe. Queria ver melhor Filhote Gélida. 
A gata dormia calmamente, enrolada como uma bolinha, do lado da mãe. Ele deu uma olhada nela por um tempo. Ele se sentou e olhou para trás. O roxo-escuro da noite estava sendo substituído por raios solares. Estava amanhecendo.
Filhote torto deu um lambida carinhosa em Filhote gélida, e se deitou do lado de Filhote Destemido.


Notas Finais


Lol


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...