História Pernas pra que te quero - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias TWICE
Personagens Chaeyoung, Dahyun, Jihyo, Jungyeon, Mina, Momo, Nayeon, Sana, Tzuyu
Tags Aaaaaaa, Comedia, Motzu, Tzumo
Visualizações 58
Palavras 1.121
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Esporte, Fluffy, Magia, Romance e Novela, Yuri
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


E aqui estou eu com minha primeira longfic yey!
Vai dar merda? Talvez.
Vou demorar de postar por preguiça? Talvez.
Vai ser arriscado postar comédia por que eu sou um lisho? Com certeza.
Mas sigo firme!
Por favor dêem apoio a PPT (já tem até apelidinho ui) e aproveitem minha nova xodó.
Lubbie, eu sei que tu vai ser o primeiro fav enton desde já obrigada bb!
Sem mais delongas! Aqui vamos nozes!

Capítulo 1 - Prólogo; Ninguém disse que ia ser fácil


Fanfic / Fanfiction Pernas pra que te quero - Capítulo 1 - Prólogo; Ninguém disse que ia ser fácil

Momo completava mais uma volta na pista de corrida, sua treinadora lhe gritava ordens e incentivos, quando passou pela linha de chegada em primeiro, todo estádio gritou pelo seu nome e seus oponentes paravam para respirar a medida que finalizavam a prova, todas aquelas pessoas torcendo por si lhe davam mais certeza de que era a melhor corredora sem sombra de dúvida. 


Jihyo tirou os óculos de sol com um sorriso convencido, atrás dela, muitos homens de terno e gravata e também uma jovem taiwanesa com olhos arregalados, uma aspirante a atleta que causaria muitos problemas. Ela andou em passos rápidos até Momo que sorriu ao vê-la. 


— Momo! Quanto tempo eu não te vejo correr! — A garota acenou ofegante. Quando se encontram Jihyo abraçou o corpo suado da atleta. — Como vai minha estrela? Fazendo muita propaganda? 


— Claro que sim! O que lhe traz aqui? Você quase nunca vem. — Jihyo riu, alto. 


— Falta de tempo, mas mesmo assim, que bela corrida. Você continua vencendo todas. — Momo sorriu ddiscretamente as s s vim aqui por outro motivo, uma atleta nova. Quero lhe apresentar Zhou Tzuyu. 


Uma garota com roupas casuais apareceu com um sorriso no rosto. 


— Olá, Momo-ssi, sou Tzuyu.  — Ela fez uma pequena reverência, Momo retribuiu sorrindo. 


— Ela também é uma corredora? — Jihyo negou com a cabeça pacientemente. — Então, o que ela faz? 


— Ah, eu sou atleta da halterofilia. — Momo inclinou a cabeça, claramente desconfortável por não saber qual esporte se tratava. — Levantamento de peso, Momo-ssi. 


— Oh. — Jihyo segurou o riso, Momo virou-se para a de cabelos negros e sussurrou. — Ela com certeza não parece alguém que levanta peso, Jihyo. 


— Não é mesmo? Eu também pensei o mesmo. — Jihyo retomou o rosto sério. — Eu preciso que cuide dela, sabe…


— Não entendi, pode ser mais clara? — Tzuyu alternava olhares entre as duas. 


— Estou pedindo pra que ela vá morar contigo, temporariamente. — a Park soltou um sorriso brilhante e pidão. 


— O quê?! Por que? — Jihyo suspirou e manteve o mesmo sorriso. 


— Tzuyu é nossa nova aposta, imagine só… Você e a Tzuyu em todas as capas de revistas de esportes divulgando nossa marca! Mas precisamos zelar por ela, ninguém pode saber sobre ela ainda, temos o plano de mostrar seu talento nos jogos olímpicos de verão! — Momo assustou-se. 


— Jihyo…Os jogos olímpicos de verão são daqui a três anos! — Jihyo juntou as mãos numa súplica. 


— Vamos introduzir a Tzuyu antes disso, apenas até 2018, okay? Por favor. — Momo suspirou e acenou com a cabeça. — Muito obrigada, Momo! Tzuyu arrume suas malas!


Jihyo e Tzuyu sumiram deixando uma Momo receosa para trás, o que seria dela agora? 


🌸


Tzuyu arrastava suas malas para dentro da casa de Momo, a garota tinha uma pose séria apesar de parecer muito fofa. 


— Momo-ssi? — Tzuyu chamou a mais velha tirando-a de seus pensamentos. — Onde fica meu quarto? 


— Ah, último quarto, final do corredor. — Tzuyu acenou com a cabeça e arrastou as malas em direção ao corredor. 


Momo então foi até a cozinha e pos alguns salgadinhos e doces numa vasilha, depois foi para a sala e passou a assistir um filme qualquer. Mas como tudo que é bom dura muito pouco, um barulho estrondoso tirou a calmaria da casa. 


— Tzuyu? Você ‘tá bem? — Sem resposta. — Tzuyu? 


Momo pulou do sofá e correu em direção ao fim do corredor rezando todas as orações possíveis. Ao chegar na porta do quarto da mais nova bateu a porta vagarosamente, porém não obteve resposta. Lentamente foi girando a fechadura e empurrando a madeira que as separava. 


— Tzuyu? Você está bem? — Colocou a cabeça para dentro do quarto se surpreendendo com a visão que teve… Tzuyu estava carregando pesos? Dentro do quarto? — Mas o que diabos você ‘tá fazendo? 


— Oh, Momo-ssi! Eu estava carregando pesos. Por que essa cara? — Ela colocou os pesos no chão. — Você parece pálida. 


— É que...você não devia carregar pesos no quarto, é perigoso. — Ditou claramente desesperada. — Por quê não desfaz as malas? Mais tarde pode levar seus pesos pra minha sala de treino. 


— Uau, você tem uma sala de treino? — Momo assentiu enquanto coçava a nuca. — Certo, irei fazer isso. 


Momo suspirou aliviada e deixou o quarto, isso seria complicado. 


Decidiu voltar para a sala e continuar assistindo o filme, mas ele já havia acabado, então foi para o quarto e deitou-se tirando o celular do bolso e abrindo o kakao. 


“Jihyo? Ainda dá tempo de voltar atrás?” — Momo


“Não, por que a pergunta?” — Unnie estranha <3


“Só para saber.” — Momo


“Vou para sua casa mais tarde, certo?” — Unnie estranha <3


“Sim.” — Momo


A morena largou o celular na cama e virou-se na esperança de dormir, felizmente, ninguém a atrapalhou dessa vez. 


Tzuyu decidiu tomar um banho para relaxar, entrou no banheiro, se despiu e ligou a água quente depois de entrar no box. Cantarolava uma canção que ouvia de sua mãe quando era pequena, mas logo depois passou a cantar alguma música estrangeira sem perceber. 


Quando saiu do box, correu para o quarto com a toalha no corpo, seria cômico se eu disse que ela caiu, certo? Pois foi exatamente o que aconteceu. 


Felizmente, a garota com a força de dez homens não abriu nenhum buraco no chão, porém ficou com uma imensa dor nas partes traseiras. 


Momo acordou um tempo depois, encontrou Tzuyu na sala assistindo um desenho animado qualquer enquanto ria baixo. 


— Que horas são? — Momo coçou os olhos e se encostou na parede. — Eu dormi demais? 


— Ah, são cinco horas, achei que nunca fosse acordar, Momo-ssi. — Tzuyu virou para Momo. — Uma garota te ligou, o nome dela era Mina, sua namorada?


— Como sabia? — Tzuyu soltou um riso travesso. 


— Ela ficou estressada. — A campainha tocou e Momo foi olhar no visor quem era. Na tela, uma Jihyo bastante sorridente e um Mina com intenção de matar alguém. 


Coragem no coração e brioco na mão, Momo abriu a porta com fé. 


— Quem era a garota que atendeu o telefone! — Mina disparou antes que Momo pudesse dizer qualquer coisa. 


— Eu posso explicar, coisinha. — Jihyo tentou acalmar a fera. — A Tzuyu é minha prima e está aqui pois eu pedi pra Momo. 


— Ah, desculpe, Momo. — Mina falou manhosa fazendo Momo revirar os olhos discretamente e Jihyo solta uma risadinha. 


— Tudo bem, Mina. E você Jihyo, o que queria falar comigo? 


— Assuntos particulares. — Sorriu travessa. 


Bem, ninguém disse que seria fácil. 




Notas Finais


Tem o quê falar aqui? Acho que não. (Autora mais vacilona que eu tá pra nascer)
Nos vemos no próximo capítulo, espero que aproveitem!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...