História Persiga- me, Querido Alfa - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Lobisomens
Visualizações 36
Palavras 547
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Fantasia, Luta, Mistério, Sobrenatural

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - O começo do inferno


Acordei de mal humor, hoje era o dia de ir para o inferno, hoje eu ia e talvez nunca mais voltava ou voltava por meu companheiro ser da mesma alcateia, minha alcateia é ótima chama Sol da Manhã. Meu trabalho é rastrear eu consigo rastrear qualquer ser desde humanos, lobisomens e lycans e claro ninguém consegue correr mais que eu com exeção do meu irmão Grayson Lockwood ele é um ano mais velho que eu, no ano passado ele foi na Reinvidicação que é três dias em que todas as femêas que completam 19 anos tem que participar para encontrar seus companheiros, mais infelizmente o Gray ainda não achou sua amiga ele é um Sigma e eu sou uma Delta ele é o único da nossa alcateia que consegue me vencer em uma corrida, eu amo velocidade, sentir o vento no rosto, flertar com a morte amo adrenalina e custe o que custar eu vou voltar e ser livre. Fiquei na cama olhando pro teto e pensando quando viro pro lado vejo a coisa mais horrivel do mundo ele é verde e esta no meu travesseiro olhando pra mim com seus olhos negros como a noite eu grito. E meu pai entra no quarto correndo.

---- Marcel o que foi? -- meu pai pergunta

--- Daddy tira, tira daqui esse mostro -- eu aponto o dedo para a mariposa verde que esta pronta pra voar

--- A Marcel para de ser medrosa é so uma mariposa --ele fala pegando- a e jogando pela janela. Logo em seguida meu irmão entra no quarto gargalhando. Ah e na hora eu soube

--- Cinza, foi você que colocou esse monstro aqui. -- eu perguntei ja irritada.

--- A sis você devia ver sua cara, foi muito engraçado. -- ele disse rindo 

--- Grayson eu vou te matar -- eu disse e corri pra cima dele e quando ele piscou eu chutei no meio de suas pernas ele ficou vermelho como um tomate e caiu sentado. Ops, agora deu merda o Gray vai me matar eu pedi desculpa e meu pedido foi retornado com um palavrão desci as escadas e corri para o quintal em busca do papai so ele poderia me salvar. Derrepente entrei na floresta e ficou um silêncio um minuto depois escutei passos pesados atras de mim, droga o Gray vai me torturar, derrepente braços fortes me agarram pela cintura e me derrubam e eu grito um grito maldito.

---  Daddy, soocorroooo -- eu gritei e logo em seguida disse uma serie de xingamentos que fariam ate a mamãe revirar no caixão.

---  Cinza por favor não me machuque! -- eu implorei.

---  Mar você chutou minhas bolas. -- ele argumentou

---Cinza calma você colocou uma mariposa no meu travesseiro. -- eu me defendi.

--- Haha manhinha você vai sofrer -- ele disse fazendo uma bola de cuspe na boca. Ah ele ia jogar cuspe em mim.

--- Parem os dois -- gritou papai

--- Hoo, droga ela começou --Gray xingou

--- Mentira foi o Cinza --eu gritei

---Não perguntei quem começou, mandei parar e Marcel vá se arrumar pra irmos pra Sob Lunar. -- ele mandou

--- Sim Daddy, Cinza você escutou --eu disse sorrindo porque sai vitoriosa.

--- E Grayson.

--- Sim, senho

--- Para de ser idiota --papai disse, quando ele falou eu não aguentei e soltei uma gargalhada. E fui me arrumar






Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...