História Pesadelo - blacksand ou quicksand - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias A Origem dos Guardiões
Personagens Breu, Sandman "Sandy"
Tags Black, Breu, Dos, Fearlings, Guardians, Guardioes, Ônix, Origem, Pesadelo, Pitch, Rise, Rotg, Sanderson, Sandman, Sandy
Visualizações 74
Palavras 501
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - Capítulo Único


O Sandman gentilmente deslizou as mãos para baixo, acariciando o longo contorno do corpo do bicho-papão com luxúria.

Deitado, Pitch contorceu-se debaixo da estrela rechonchuda, sentindo-a sorrir contra seus lábios franzinos enquanto o beijava calorosamente.

– Saaandy – o rei dos pesadelos ronronou.

Seus olhos amarelos dilatados de excitação e a respiração ansiosa, com o tórax subindo e descendo rapidamente.

– Oh, Sandy.

A estrela beijou seu queixo, depois o pescoço conforme descascava lentamente o manto de areia enegrecido que Pitch trajava para trás.

Ele ouviu um gemido de prazer escapar da criatura sombria e o sentiu estremecer suavemente contra seu toque, que percorreu o tronco recém exposto, afagando o peito e o abdômen cinzento.

Encarando a reação como um incentivo, o Sandman sorriu, deixando a língua úmida saborear o pescoço quente de Pitch, trilhando a clavícula, o tórax e, por fim, o umbigo.

– N-não pare – o bicho-papão implorou pateticamente.

Então a estrela agarrou a borda das calças negras, as puxando vagarosamente para baixo e...

Pitch acordou.

Suando, com o coração martelado no peito, ele arregalou os olhos, frustrado, sentando-se em sua cama.

Dobrou os joelhos, ofegante, tocando a testa com uma mão e, em seguida, escondendo o rosto arroxeado e horrorizado com a mesma.

Mas o que diabo-

Não sabia o que pensar. Sentia-se encabulado consigo mesmo.

Passado ligeiramente o transtorno, virou a cabeça para o lado e encontrou dois de seus servos fearlings deitados no chão, próximos à parede, um deles com sua grande cabeça de cavalo descansando sobre o pescoço do outro.

Pitch respirou fundo.

– QUEM FOI O RESPONSÁVEL POR ISSO?! – ele urrou com toda a sua força, fazendo as duas éguas das trevas despertarem imediatamente, levantando suas cabeças alarmadas com as orelhas eriçadas antes dos corpos, que cambalearam entre si em desespero.

– ONIX, – os olhos do bicho-papão arderam num brilho assassino – ONIX... QUE RAIO DE PESADELO FOI ESSE?!

Os fearlings se entreolharam na escuridão, completamente confusos. Com os olhos dourados arregalados,

Onix se virou e relinchou dramaticamente para Pitch, baixando a cabeça em submissão e batendo seus cascos negros com terror no chão.

– Eu não sei do que você está falando, mestre! – ela tentou dizer através de seus resmungos.

O bicho-papão franziu as sobrancelhas.

Se não foram elas, então talvez... Não- Isso não poderia ser obra de seu subconsciente! Nunca, em hipótese alguma lhe ocorreu imaginar que ele e o Sandman... Não, não o seu pior inimigo, ele jamais- Não! Apenas não!

Pitch chacoalhou seus pensamentos, bufando com força e deixando-se cair de costas no colchão, afundando seus cabelos espetados no travesseiro.

– Malditos pesadelos! – ele se queixou, rolando na cama. Sua perturbação quase palpável.

Depois do susto, levou um tempo, até porque Pitch ficou se debatendo na cama e grunhindo de raiva dramaticamente, numa espécie de crise de vergonha ou algo assim, mas quando Onix finalmente relaxou e deixou que seu sono voltasse, antes de fechar os olhos, ela jurou ter visto um longo fio de areia dourada e brilhante escorrer para fora dos aposentos de Pitch, desaparecendo na escuridão.


Notas Finais


e a pergunta certa é: POR QUE NÃO? AUHEUAHEUA


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...