História Pesadelo Eterno - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Aventura, Luta, Shounen
Exibições 1
Palavras 601
Terminada Não
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Então, algo de imensa magnitude acontece.

Capítulo 3 - Fuga de um Fraco Coração


Fanfic / Fanfiction Pesadelo Eterno - Capítulo 3 - Fuga de um Fraco Coração

-Mas... Estas não são as mais poderosas armas do nosso reino? – Diori pergunta, coçando a cabeça

-E é claro que os futuros guerreiros mais poderosos do reino deveriam usá-las, não é? – Respondeu Ahiru com um sorriso solene no rosto.

Os jovens se maravilham com o brilho que aquelas relíquias transmitiam. Elas passavam uma sensação de como se estivessem vivas. A adaga passava uma bela sensação de um brilho prateado. Ela era pequena, e de modelo até tribal com uma linha central e um forte, resistente e escuro metal. Já a coroa passava uma sensação de clareza e paciência, com um leve brilho dourado.  A coroa era linda. Ela possuía 3 esmeraldas incrustadas e era de um modelo que parecia ser de outro mundo. 

-Agora, Garotos. Coloquem as suas mãos sobre as relíquias... – Os jovens príncipes colocam as suas mãos sobre as relíquias, e a Adaga reluziu fortemente em direção a Diori, enquanto a Coroa fez o mesmo para com Tsubame...

- Oque, o que isso quer dizer??? – Diori diz gaguejando sem entender

- Vocês foram escolhidos... As relíquias decidiram qual deveria herdar cada uma delas. – Explicou sabiamente, Ahiru... – Agora desçam e se preparem para o evento que começará em breve...

Diori estava descendo as escadas ultra empolgado com a Adaga nas suas mãos, enquanto Tsubame olhava fixamente para a Coroa. Ele parecia decepcionado, mas seu irmão de criação não percebeu isso...

-Nós finalmente somos “os caras” não é? Com essas relíquias poderemos proteger Júpiter de todos os problemas! E salvar nosso povo! – Diori diz olhando para o alto. Imaginando a glória dos futuros reis do seu mundo.

-O que você pensa que está dizendo? – Diz Tsubame friamente – Este é o meu povo, não o seu.

Diori parece não entender o que está acontecendo e coloca a mão no ombro de Tsubame e diz: Está tudo bem irmão? Mas então ele foi empurrado até quase cair da grande escadaria.

-Tsubame! Isso foi bem perigoso! Me diga qual o problema! – Diori pergunta inocentemente

-Humpf... O problema todo é você! – Tsubame parece muito irritado, joga a coroa no chão e levanta Diori pela gola da manta – Você roubou tudo de mim! Pega a atenção de todos só para você! Me superou nas lutas, nos testes, na vida. Agora até a relíquia que eu tanto almejei, você ousou me tomar...

-Mas, irmão... Eu nunca quis fazer isso... – Diori fala de cabeça baixa, começando a lacrimejar.

-Não me chama de irmão! Por que você não volta para o seu planeta de merda e deixa eu viver a vida em paz? - Gritou Tsubame enquanto jogou seu rival no chão...

Diori começou a entender tudo. Nunca lhe foi dito diretamente, mas ele sabia que não era daquele lugar. Ele sabia que algo estava fora do lugar, ele sempre foi diferente, sempre foi visto com outros olhos... Agora, ele quis colocar tudo em seu devido lugar. Ele deixaria finalmente de encher o saco do Rei e parar de tomar as coisas de seu irmão, Tsubame.

Ele então corre chorando do Hall principal e chega até o porto, aonde ele toma a decisão que mais mudou a sua vida... Ele entra e, uma Nave de emergência e calcula a rota para a mesma direção que ele sempre amou olhar para o céu de noite. Ele acreditava que aquela era a direção para ele voltar para casa.

Enquanto a nave saia do planeta, Diori observava a barreira de proteção surgindo para tentar impedi-lo de sair. Felizmente para ele, não foi a tempo suficiente. Ele se joga ofegante no chão da nave e sorri. Pois em breve ele estaria em casa...


Notas Finais


A partir de agora, nada mais será como antes...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...