História Pétalas, sétalas e estames - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens D.O, Xiumin
Tags Doença De Hanahaki, Hanahaki, Merchie, Wladis, Xiusoo
Exibições 38
Palavras 510
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Shonen-Ai, Slash
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


oi
eu tava querendo terminar essa xiusoo faz um tempo
pra quem nao sabe, hanahaki é uma doença ficticia que quando a pessoa ama alguém, mas o amor não é correspondido, ela começa a vomitar as flores preferidas do seu amor
primeiro começam com petalas, depois flores, ai flores com cabos e buques
amo hanahaki pessoal
eh nois

Capítulo 1 - A última flor


"Eu não sei explicar como isso começou, Minseok.

Talvez no dia que você entrou pelo portão da escola com as mãos dadas a Luhan, ou quando me contou que gostava do chinês.

A única coisa que sei é que seus jacintos brancos tem estado por toda parte agora.

Eu estou com hanahaki, Minseok.

Todas as vezes que eu falto a escola, é porque mais flores saem do meu estômago.

Minha garganta anda com uma dor enorme, - mas ela não se compara com a dor que eu sinto no meu peito -, e há alguns dias eu não consigo nem ao menos dormir.

Sabe quando você vem aqui me contar sobre seu relacionamento com Luhan? Eu me apoio na janela do meu quarto só para soltar mais jacintos pela boca.

Mas, eu não te culpo por nada Minseok. Não é como se você fosse obrigado a me amar.

De seu melhor amigo, eu acho, Do Kyungsoo."

Kyungsoo fechou a pequena carta e a colocou em um envelope azul claro. Pegou uma flor do monte de jacintos brancos que estava no pé de sua cama, havia vomitado eles naquela tarde, e o colocou dentro do envelope junto ao papel.

Agora só bastava entrega-la a Minseok.

~☆~

O Do já havia tocado a campainha, e esperava que não fosse Luhan a abrir a porta.

Felizmente, seu pedido foi atendido.

Quando a porta foi aberta, viu ali aquele que amava.

Os cabelos loiros do mais velho caiam sobre seus olhos, estes que pareceram brilhar ao ver o amigo de infância ali.

"Soo! Faz tanto tempo que eu não te vejo, o que aconteceu com você cara?" Minseok sorria como sempre. Não tinha mudado nada, e ainda parecia ser aquele crianção de sempre.

"Não aconteceu nada, Min. Eu... só vim te entregar essa carta. Leia quando eu estiver longe, está bem? E por favor, não me procure depois." Minseok não teve tempo para responder, Kyungsoo só lhe entregou a carta e correu para longe.

~☆~

Kim Minseok se sentia a pessoa mais culpada da terra. Ao ver ali, o garoto de rosto angelical e pele um tanto alva pela doença, numa cama de hospital rodeada pelos jacintos brancos, sentiu como seus ombros estivessem quebrados, pois não aguentava aquele peso em suas costas.
Kyungsoo estava em seu pior estado, mas continuava bonito, e Xiumin queria gritar, chorar e até mesmo estrangular a si mesmo por ter feito aquilo com o Do.

"Min?" ao ouvir a voz baixa lhe chamar, Minseok não teve outra reação além de se jogar encima da cama cheia de flores.

"Me perdoe, mil vezes, me perdoe. Eu não queria fazer isso com você..." o loiro chorava, seu coração estava arrasado. Kyungsoo era precioso para si.

"Eu não te culpo por isso..." mesmo com toda a situação, o Do continuava sorrindo calmamente, enquanto fazia um singelo carinho nos cabelos de seu amor unilateral.

"Min, pode me conceber um desejo? No meu enterro, me traga tulipas."

E então, o aparelho apitou.

Kyungsoo caiu.

 

"O meu amor foi a minha ruína" -  William Shakespeare.

 


Notas Finais


n/t ~> eu usei aquela coisa de undertale ao me referir que o kyung "caiu", ou seja, é uma metafora para a morte.

espero que tenham gostado bjs e paz no coração


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...