História Photograph - Capítulo 46


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Ally G!p, Camila G!p, Camren, Camren G!p
Visualizações 617
Palavras 1.337
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Famí­lia, Festa, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem!

Capítulo 46 - Sorriso


Fanfic / Fanfiction Photograph - Capítulo 46 - Sorriso

                     Pov Lucy 

"Talvez não seja a ligação de sangue que nos torna uma família. Talvez seja as pessoas que conhecem nossos segredos e nos amam mesmo assim, para que possamos então ser nós mesmos.”

...

_ Licença, tem visita para o Guilherme. - minha sogra diz abrindo um pouquinho da porta.

_ São as meninas? O Guilherme acabou de dormir. - Ally diz.

_ Não são as meninas.

_ Quem? - pergunto curiosa.

_ Somos nós. - a porta se abre e vejo as duas pessoas que venho ignorando desde o hospital. Julie e Preston, as pessoas que agora, não vêem problema nenhum em dizer que são meus pais.

_ Viemos conhecer o nosso neto. - Julie diz querendo se fazer de boa samaritana.

_ Agora vocês tem neto? Até alguns dias atrás nem filha vocês tinham. - Ally diz e ela tirou as palavras da minha boca. 

_ Allyson Brooke Hernandez! - Minha sogra chama a atenção da Ally. 

_  Não defende mãe. 

_ Não estou defendendo ninguém.  E Licença, Vou deixa - los as sós. - ela diz e sai do quarto, deixando um clima meio pesado entre a gente.

_ Filha, eu e o seu pai...

_ Não. Vocês vieram aqui conhecer o meu filho? Okay. Mas eu não quero saber de conversinhas comigo. Vocês já me disseram tudo alguns messes atrás.  

_ Nós nos arrependemos. - Preston diz, e por incrível que pareça, eu não me comovi nenhum pouco.

_ Tivemos muito medo de te perder...

_ Vocês me perderam. - corto a conversa.

_ Não diga isso.

_ Vocês deviam fazer cinema, porque olha, vocês estão de parabéns com a interpretação. Depois de tudo o que fizeram, querendo dar uma de arrependidos, é muita cara de pau. - Ally diz ficando do meu lado.

_ Todos merecemos uma segunda chance. - o senhor Hale diz.

_ Isso é uma coisa que eu não concordo. Algumas pessoas só fazem mais merda quando tem uma segunda chance.  - Ally rebate.

_ Podemos vê - lo? - Julie me pergunta ignorando a Ally. 

_ Vieram aqui pra isso. - digo dando de ombros e eles se aproximam do berço. Eles ficam admirando meu pequeno, que dormia tranquilamente.

_ Ele é tão lindo. - Preston diz passando a mão na cabeça do Guilherme. 

_ Parece com você quando era bebê. - Julie diz emocionada.

_ Pois é. Ele é o bebê que vocês pediram para eu tirar. Por conta dele, vocês não quiseram mais ser meus pais. Agora vocês dizem que ele é lindo. É o netinho de vocês. Como o mundo da voltas, não é mesmo?

_ Nós já falamos que nos arrependemos de tudo aquilo.

_ É. Mas eu ainda lembro de tudo. Vocês não tem ideia de quanto eu sofri no início. Por causa de vocês, eu quase perdi meu filho. Tive uma gravidez que eu não desejo nem para o meu maior inimigo. Mas Graças a Deus, a Ally e os pais dela, hoje eu tenho todo o apoio necessário e todo o amor do mundo. - digo me segurando para não deixar algumas lágrimas caírem, e sinto a Ally fazendo carinho em minha mão, enquanto eles nos observavam. Estávamos todos em frente ao berço. 

_ Nós tínhamos um futuro pra você. Era difícil aceitar essa sua fase rebelde.

_ Vocês nunca aceitaram nada do que não era o que vocês queriam. Passei anos me dedicando a ser a filha perfeita. Tentando me aproximar de vocês. Mas nunca consegui. Vocês são o exemplo de pais que eu não quero ser. 

_ Desculpa! - Julie pede olhando para o chão. 

_ Também não é assim. A gente sempre tentou de dar de tudo. 

_ Não me deram o principal. O amor. E isso, pode ter certeza, não me falta agora é não faltará para o meu filho.

_ Nunca! - Ally diz.

_ A gente podia recomeçar. 

_ Prometemos fazer tudo diferente.

_ A única coisa que posso garantir é não proibir o Guilherme, se ele quando crescer, querer conviver com vocês. Por mais que eu não faça questão alguma. Agora entre a gente, não sei se consigo. -digo e o clima no quarto fica ainda mais pesado do que estava no começo. 

_ A gente já vai. Ele é lindo, filha. Parabéns. 

_ É um grande guerreiro. - eles dizeram olhando para o Guilherme. Depois cada um deu um beijo em sua cabeça e saíram do quarto. Então abracei a Ally e me permitiu chorar tudo o que estava guardado. 

_ Amor vocês. - Ally diz fazendo carinho em minha costa.

_ Também amo vocês. Muito. - digo e ficamos por mais um tempo abraçadas. Depois saímos do quarto e fomos para a sala, onde meus sogros estavam.

_ Sabe, eu acho que nunca poderei agradecer por tudo que vocês fizeram e fazem por mim e pelo Gui. Obrigada! - digo e os pais da Ally me abraçam.

_ Não precisa agradecer, querida. E você já nos deu um presente maravilhoso. O Guilherme. - Patrícia diz sorrindo. 

_ Além de fazer nosso filha feliz. - Meu sogro completa.

...

_ Oie! Viemos conhecer um apressadinho!  - Dinah diz abrindo a porta do quarto, e as meninas entram logo após ela. 

_ Pensei que não viriam mais. - Ally diz me entregando o Guilherme, ela tinha acabado de trocar a fralda dele.

_ Pontualidade não é o forte do grupo. Que bebê mais lindo, mais cheiroso, mais amado da dindinha! - Lauren diz pegando o Guilherme do meu  colo, que observava toda a movimentação ao redor.

_ Oie campeão. Eu sou sua outra dindinha, tá? A gente te ama. - Camila diz beijando a mãozinha do meu pequeno.

_ Parece comigo, não é?  - Ally pergunta sorrindo. 

_ Ele é lindo, Ally. Claro que não te puxou. - Dinah diz e Ally mostra a língua pra ela.

_ Chata. Filho, quando ela te pegar você chora, tá bom?

_ Eu estava só brincando. Não é amor? 

_ Liga não, Ally. E ele é uma misturinha linda de vocês duas. - Normani diz sorrindo. 

_ É. Vocês até que dominam a arte de fazer filhos bonitos. Já podem encomendar mais. - Dinah diz.

_ Vamos ficar só com o Guilherme por enquanto. Passamos a vez para o casal ali. - digo apontando para  a Lauren e a Camila que conversam com o Guilherme encantadas, alheias ao resto. 

_ Elas nem escutaram. - Ally diz.

_ O casal, quando é que sai o baby Camren? E me diga segurar ele. Vem com a Titia, príncipe. - Dinah pega o Guilherme, que estava 

_ O nosso vai demorar alguns anos, né amor? - Camila diz e Lauren concorda.

_ Vamos aproveitar o afilhado.

_ É Gui, você vai ser o único bebê por aqui por algum tempo. Porque eu e essa sua tia doida também vamos demorar um pouquinho.  - Normani diz fazendo carinho no meu pequeno. 

_ Não bebê, não é pra você obedecer sua mamãe não.  - Dinah diz assim que o Guilherme começa a fazer bico.

_ Aqui, dá o bico pra ele. Daqui a pouco ele lê dorme. - entrego o bico dele para a Dinah.

_ Salva pela Lucy. - Ally diz e Dinah revira os olhos.

_ Ele é muito fofo. - Lauren diz se sentando do meu lado na cama. 

_ Tô apaixonada. - Camila completa.

_ Só suspeita pra falar. Mas ele é tudo de bom. E quando ele sorri? Dá vontade até de morder. -me derreto pelo Guilherme. 

_ Posso de levar comigo? - Normani diz pegando o Guilherme. 

_ Claro. Que nunca, não é filho. Fala para a Titia que você é das suas mamães. - Ally diz se aproximando do Guilherme e da um beijo nele.

_ Awn! Ele sorriu. - Normani diz toda encantada.

E ficamos conversando, tirando fotos, nós divertindo com o nosso pequeno grande guerreiro. E eu só tenho que agradecer. É espero que no futuro, meu filho consiga construir amizades assim.


Notas Finais


Desculpem qualquer erro!
Bjs!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...