História Be Mine // Larry Stylinson - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Tags Harry, Larry, Liam, Louis, Niall, One Direction, Zayn, Ziam
Exibições 62
Palavras 795
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OI MEUS AMORES!

BATATINHAS LINDAS DO MEU KOKORO BEM VINDOS AO MEU MINDINHO 😍🌈 Bom, espero que vocês gostem e vou me esforçar ao máximo pra deixar a história razoavelmente maravilhosa.

Capítulo 1 - Capítulo 1


Depois de anos de estudos, Harry finalmente conseguiu estagiar no hospital da família. Como todas as quintas-feiras, ele iria acordar cedo, recolher suas coisas - que já estavam organizadas -, chamar um táxi e fazer plantão por duas noites seguidas. Porém, essa quinta-feira foi toda diferente. Sabe quando o mundo todo fica contra o seu favor? Pois é, ele acordou atrasado, esqueceu suas coisas na casa da Anne, sua mãe, e conseguiu atropelar um gato, mas por sorte não matou.

Uma das coisas que o Harry mais gosta de fazer é ficar na pediatria junto com a Gemma, quando se formou em fisioterapeuta ele pretendia cuidar de crianças e não de adulto. Atualmente seu foco é na Emma, uma garotinha de cinco anos que chegará ao hospital depois de ser abandonada na porta da casa de uma das enfermeiras.

Ao chegar ao hospital, ele deu de cara com um Niall feliz e esbanjando alegria por onde passava.

- Que cara é essa, bro? - ele perguntou pegando dois corpinhos de café, entregando um ao Harry e ficando com o outro - Tem bastante açúcar, vai te deixar com energia suficiente pra sair do armário.

- Niall! - protestou o maior enquanto o de olhos azuis gargalhava - Você como nutricionista deveria saber que muito açúcar faz mal a saúde e eu não sou gay.

- E eu não sou loiro

Ele revirou os olhos pegando o café da mão do mais velho

- E você não é!

- Olhe para os meus cabelos, Harry! Ele  está loiro. Então, tecnicamente eu sou loiro. - O Harry riu com a idiotice que o amigo falava e continuo caminhando como de costume até sua sala - E você é um gay que não sai da porra desse armário.

- Você é uma piada, Niall.

O Niall bebeu seu café de uma só vez e correu para frente do mais novo e falou mais alto do que pretendia:

- Venha conhecer o lado colorido da vida, amigo!

- Onde está a Emma?

- Não mude de assunto, Harry. E ela está com sua irmã. Sábado á noite nós vamos sair e você também vai e não diga não.

- Eu não vou

...

A vida do Harry sempre foi razoavelmente boa, ele sempre teve seus pais e sua irmã, os hospitais e as clinicas. Ele também sempre teve o apoio dos amigos e da Emma que ele sempre falava que era o seu raio de sol e mesmo não sendo sua filha biológica ele a adotou e deste em diante cuida da pequena como se fosse sua própria alma.

Deste pequeno, Harry passeia pelos corredores do Hospital Styles e cresceu com todos os funcionários e médicos antigos. Sua adolescência foi passada fazendo amizade com os doentes e os enfermeiros. Harry sempre foi um garoto simpático, e fazia amizades fácil.

Com vinte e seis anos de idade, ele pretende passar a vida cuidando de pessoas e curando suas doenças, principalmente da Emma, que é o xodozinho do Hospital e seu precioso bebê.

Ele caminhou pela ala infantil do hospital, todas as paredes são pintadas de verdes com arvores, animaizinhos e arco-íris, é tudo bem colorido e feliz e Harry se sentia bem em está ali. No meio do corredor, tinha uma porta totalmente branca com uma plaquinha escrita com cores coloridas "Dra. Gemma Styles.", ele bateu na porta educadamente e ouviu um pode entrar de dentro do consultório.

- Estava procurando por vocês.

Ele sorriu ao entrar, sua irmã mais velha estava sentada em um colchão com uma pequena menina no colo. Ela deu um gritinho e foi para os braços do pai.

- Papai, quando eu vai poder andar? Vai demorar?

- Não, só depende de você, se você quiser andar rápido você consegue.

- Ôce ajuda eu?

Ele riu com o jeito incorreto que a pequena falava. "Tenho que cuidar do seu vocabulário, princesa" pensou o garoto de olhos verdes.

- Claro quem sim! Agora a senhorita vai ficar aqui enquanto eu pego aquela bolona que você gosta de brincar.

- Depois eu vou andar?

- Claro!

- E o menino de olhos azuis?

- Emma - Harry se abaixou perto da pequena e falou com uma voz doce - o menino de olhos azuis só foi um sonho.

A pequena lhe olhou com um olhar triste, e aquilo partiu seu coração. Então, se lembrou que tinha um chocolate no bolso do jaleco.

- Eu trouxe chocolate pra você - Gemma lhe olhou com olhar ameaçador por dar chocolate a menina mas sorriu ao ver o sorriso nos lábios da loirinha - agora não fala pra tia Gemma e nem pro tio Niall, ele é guloso.

A pequena riu e logo voltou a se animar com a fisioterapia.



Notas Finais


Esse foi o primeiro capítulo e logo logo outros iram vir.

Beijinhos Batatinhas lindxs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...