História PJ - OneShot - Yoonmin - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Suga, V
Tags Bts, Gay, Jimin, Lemon, Suga, Yaoi, Yoongi, Yoonmin
Visualizações 215
Palavras 1.597
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Festa, Lemon, Slash, Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero q gostem ^^

Capítulo 1 - Capítulo Único - PJ


Fanfic / Fanfiction PJ - OneShot - Yoonmin - Capítulo 1 - Capítulo Único - PJ

 Jimin P On

Ele acha mesmo que eu sou trouxa. Ele deve ter CERTEZA que eu sou um idiota né, mas eu vou provar que não, está ouvindo Yoongi, eu não sou um idiota. Só de raiva vou naquela boate e vou rebolar a minha raba até o chão. Quero ver você não me querer Yoongi... Isso vai é um desafio pra você, seu trouxa.

Flash Back On

[23/05/2017, 21:00.]

Aonde ele está? Porque ele não está aqui? Suguinha... Hoje é nosso aniversário de namoro, você deveria já estar em casa... Chegue logo, por favor.

Acabo dormindo enquanto o espero. Já são 23:00 e ele chega. Finjo que não acordei pra ver o que ele fará. Logo depois dele entra Taehyung, um homem de muita má companhia para meu Açúcar. Taehyung é conhecido por ser um cafajeste que tanto dá quanto come qualquer uma/um. Ao passar 15 minutos, Yoongi volta porém com uma roupa diferente... Parece até que vai sair com esse Tae. Quando eles sairam do Ap, fui para a bancada, peguei meus pertences e sai voado atrás dos dois. Cheguei ao apartamento e os dois acabavam de entrar no carro. Espero os mesmos darem ré para que eu entre no meu e vá atrás deles. Sou ciumento? Sou. Sou possessivo? Sou, mais se tem uma coisa no mundo que não quero ser é corno. Depois de curvas e sinais, eles pararam na boate que Tae trabalha. Valha-me Deus, poderia ser só uma carona de amigos se Yoongi também não tivesse decido do carro. Ambos entraram, eu estacionei meu carro um pouco mais afastado e adentrei o local também. Imundo. Se Omma Jin estivesse lá teria surtado. Homens bebendo e fumando até não poderem mais. As "garçonetes" eram vadias de lingerie branca, distribuíndo whisky, champagne, cigarros e outros tipos de drogas. Percorro meu olhar por todos os cantos até o achar. Aquele infeliz filho da puta. Lá estava Yoongi, numa poltrona roxa de luxo. Fumando um cigarro e tomando White Horse. Começo a chorar e saio correndo o mais rápido o possível.

[24/05/2017, 05:00]

Finalmente ele volta pra casa. O cheiro de droga e álcool é de se sentir de longe. Como ele pode? Esse nojento imundo. Ele não aparenta ter transado ou algo do tipo, não, ele não me traiu pelo menos isso em nome de minha Omma Jin. Ele entra e vai direto para o banheiro para se limpar e poder dormir (eu acho). Eu até iria o ajudar se meu orgulho não falasse tão alto, ele demora cerca de 40 minutos e sai do banheiro finalmente cheiroso em seu pijama de cetin azul claro, ele se deita e começa a querer conversar comigo em plena 05:43 da manhã.

Y- Jimin, e-eu te amo. Eu posso ter saído, bebido e ficado muito louco, porém eu nem fora de consciência trairia você... Acredite em mim, eu sei que você está acordado!

J- Min Yoongi, você tem 1h30mins pra dormir, deveria estar mais preocupado com seu trabalho, já que é sempre isso mesmo.

Y- Jiminie, você sabe que não é bem assim eu te amo!

J- Ah eu desisto /me levanto da cama/ quer saber? Vou pro outro quarto, faça o que quiser chame Tae e vá se divertir de novo seu desgraçado.

Ele disse algo mais e tentou me puxar, porém fui mais forte e fui dormir no outro quarto.

Flash Back Off

Yoongi P On

[24/05/2017, 08:34 a.m.]

Levantei atrasado e suficiente pra saber que mesmo se eu for pra empresa meu chefe me mandará voltar. Resolvo me levantar e ir tomar ou fazer o café. Ao passar pelo corredor vejo que Jimin ainda dorme como um anjinho de cabelos rosados... Ele realmente é o amor da minha vida porém estou prestes a perde-lo. Faço café para minha e suco de laranja para Jimin por que sei que ele detesta café, além disso também faço ovos com bacon e panquecas para quando o mesmo acordar.

Ele sai do quarto e vai até a cozinha.

J- A noite foi tão boa assim pra você tentar se redimir?

Y- Não posso fazer agrados ao meu amor?

J- E eu tenho cara de ser o Kim Taehyung?

Y- Ah Jimin deixe disso! Faltei até meu emprego pra ficar com você o dia inteiro!

J- Ai que lindo!!! Uma pena que você passa o dia comigo e as noites com outro, uma pena mesmo.

Y- Jimin chega, para, quantas vezes eu vou ter que dizer que te amo? Por que está tão irritado assim?

J- Não se faz de desentendimento Min Yoongi!

Y- JIMIN PORRA! EU NÃO COMI A PORRA DESALMADA DO TAEHYUNG POR QUE EU NUNCA TE FARIA ISSO! CARALHO, É TÃO DIFÍCIL DE INTENDER? PORRA TOMAR NO CU TAMBÉM ESSA CARALHA!

Nesse momento eu percebo a pior burrada que eu já fiz: Gritar com Park Jimin. Ele começou a chorar e foi correndo pro quarto em que dormiu. Eu vou atrás dele porém ele tranca a porta.

[24/05/2017, 21:00]

Foi assim o dia inteiro, não saiu para comer e muito menos pra conversar comigo, bem até agora. Ele sai daquele quarto com os olhos inchados de tanto chorar.

J- Yoongi, faz um favor pra mim?

Y- Sim.

J- Vai naquela boate hoje e se alguém lhe chamar ao palco, vá! Por favor?

Y- Mas por que Jimin? Por que eu far...

J- Yoon só, vai?

Y- Tudo bem, eu vou.

Ele vai pra cozinha e eu vou para meu quarto pra trocar de roupa. Antes que eu fosse Jimin saiu e não disse pra onde iria mas também não o culpo.

...

A boate está realmente cheia hoje, ouvi dizer que vai ter uma apresentação nova antes de Tae, o nome da pessoa (não sei se é homem ou mulher) PJ. Sento na minha poltrona porém rejeito as drogas e as bebidas.

O show finalmente começa. Primeiro se ouve uma voz feminina cantarolando: "Hoje eu vim pra te provocar, e você não poderá si quer me tocar"

Aquela voz me é familiar. Tudo fica escuro e começa a tocar uma música eletrônica ao fundo e enfim aparece a b-bela... Primeira surpresa: Não era uma uma mulher e sim um homem. Um rapaz de box preta e máscara de mesma cor. Ele vira de costas e rebola fazendo sua farta bunda me hipnotizar. Ele diz que chamara alguém ao palco e o escolhido sou eu. Sento na cadeira lá no palco e é ai que começa a tortura. PJ começa a rebolar e quicar conforme a batida da música. Aquilo é impressionante vindo da pessoa que eu se quem é. Depois de novamente quicar ao chão, a música é trocada e começa a tocar 'Sua Cara' e PJ começa a dançar uma coreografia improvisada (link na notas finais) me deixando maluco, seus movimentos são impressionantemente sexys e claro que já estou ereto a muito tempo. Pra finalizar a apresentação, PJ termina sentando em meu colo me fazendo gemer e jogar a cabeça pra trás.

Acaba e ele sorri malisioso para mim e se retira do palco. Vou atrás dele e consigo despistar os seguranças, chegando enfim ao camarim aonde estava PJ, ou melhor dizendo Park Jimin. Cheguei o pegando por trás e segurando sua cintura.

Y- Então você quis me torturar? /o viro de frente para mim/

J- Yoon-Yoongi, você está um pouco ereto não acha?

Y- Sim, e a culpa é sua babyboy /dou uma estocada fazendo nossos membros se tocarem/ agora você terá que arcar com as consequências graves.

J- Sendo assim arcarei

Ele aperta meu membro me fazendo arfar e começa a me beijar quentemente. Eu o sento na bancada e começo a tirar a sua roupa. Enquanto eu faço isso, Jimin acaba com o beijo com uma mordida no meu lábio inferior seguido de chupões em meu pescoço e meu peitoral. Quando consegui deixa-lo totalmente nu, comecei a fazer movimentos de vai-e-vem em seu membro, quando ele estava quase se desfazendo eu paro e ele murmura algo.

J- Y-Yoongi por que parou?

Y- Porque vou castiga-lo também.

Eu o carrego da bancada até um sofá que tinha no camarim e deito por cima do mesmo, Jimin passou os braços em meu pescoço e eu lhe dei um desafio:

Y- O que queres que eu faça?

J- Me foda

Y- Ferei, porém você não pode nem gemer nem gozar.

J- Mas Yoon...

Antes que ele continuasse penetrei nele quase fazendo gritar... Sei que é sua primeira vez, porém não vou pegar leve. Com estocadas fortes, Jiminie está quase vermelho querendo gemer porém não pode. Para dificultar mais ainda, começo a masturba-lo lentamente. Dessa vez ele não aguenta e diz em alto e bom som:

J- Yoon-Yoongi aahh, pa-pare de me tor-torturar, ahhh mais-s forte e rápi-pido!

Y- Que pena... Você perdeu, de quatro agora!

E assim ele faz, novamente o meto com força o fazendo gemer muito alto. Minhas mãos vão para o seu cabelo e começo a puxar para trás. Eu e ele gozamos e ordeno que ele vá ao banheiro. Chegando lá enchemos a banheira e o puxo para mais uma beijo, com esse beijo vou o conduzindo pra dentro da banheira.

Y- Agora você terá de quicar.

Antes que ele fizesse o que eu pedi, ele desceu sua boca para meu membro. Novamente minhas mãos vão ao seu cabelo o ajudando em seus movimentos e que movimentos. Chego em meu ápice e Jimin engole quase tudo, digo quase porque ele vai me beijar fazendo-me assim sentir meu próprio gosto. Ele senta fortemente em mim (de costas) me dando a bela visão de ver Park Jimin quicando em mim. Eu arranho suas costas e ele não se aguenta mais e chega em seu ápice. Estocadas depois eu chego também.

Y- E agora baby boy, vai continuar me torturando?

J- S-Se você fizer isso todas as vezes, sim!

         ~♡_☆~ Fim! ~☆_♡~


Notas Finais


(Link da dança do PJ: https://youtu.be/qEfsAcLa7ac )
Gostaram? Qual o próximo tema?
Pode ser de outros grupos tbm!
Beijoooooos ♡♡♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...