História Plano do universo - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Drama, Jikook, Vhope, Vida
Visualizações 54
Palavras 837
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Ficção, Lemon, Romance e Novela, Suspense, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Dei aquela demorada massa, mas estou de volta.
Apreciem

Capítulo 15 - Presentes


-Então -Elena começou- desde quando você e Jungkook se conhecem?

-Faz uns... meses. -respondi. O silêncio se instalou de novo naquela sala de estar.

Eu estava me sentindo estranho, tanto pelo fato de ter a melhor amiga de Jungkook ao meu lado num sofá aparentemente pequeno, e por Jungkook estar demorando tanto.

Não sabia o que dizer, mas a menina ao lado era simpática, eu só não sabia chegar até ela. Eu me sentia, de certa forma, um perdedor por ter chegado depois, e também podemos levar em consideração, o meu egoísmo, certo? Totalmente.

-Jimin.. -chamou.

-Hum?

-Acha que... Jungkook ainda vai se lembrar de mim? Sabe, acha que vai ter todo aquele clima de "melhores amigos" quando ele chegar? Já faz um tempo que não trocamos nem um "oi", mesmo que virtualmente. -ela abaixou a cabeça, enquanto olhava fixamente para o chá incompleto em suas mãos. Estava triste.

-Hum... Não sei. -eu queria dizer-lhe mais coisas, e eu sabia que estava sendo um idiota por sentir ciúmes da amiga de Jungkook. Mas fiquei calado, na defensiva.

Até que a porta se abriu, revelando Kook com algumas sacolas. Eram de alguma padaria ao lado da escola, não lembro o nome.

-Jimin? Foi mal a demora, eu pensei que...Elena? -ele estava confuso, mas foi algo passageiro.

Eles trocaram abraços, conversaram e disseram o quanto sentiram saudade um do outro. Só assisti.

Vez ou outra, eu notava os peitos dela balançando involuntariamente, já que ela era incrivelmente atraente.

Elena era mestiça, tinha cabelos ruivos e sardas no rosto. Me senti meramente injustiçado, afinal, tudo o que eu tinha eram cabelos cor de um alaranjado desbotado num penteado passado, fora da atualidade.

Mas não disse nada, e discretamente me retirei da sala, que continham risadas e risadas. Chegavam a ser irritantes.

Fui pro quarto de Jungkook e procurei algum livro em suas prateleiras abarrotadas. A quantidade era curiosa.

Peguei qualquer drama e li um ou dois capítulos, desanimado, até as risadas serem contidas e o barulho também. Elena havia ido embora.

Pouco depois, Jungkook entrou e se jogou na cama, ficando numa posição contrária a minha. Estava sorrindo.

-Ei, por que saiu de lá? -ele perguntou.

-Não estava me sentindo muito bem. Mas e aí, como foi reencontrar ela depois de um tempão? -guardei o livro de volta, e me sentei de uma forma confortável. Eu o encarava.

-Foi... Bom. Eu estava com saudades do tempo que passamos juntos com o Tae, e revê-la foi como uma bomba, entende?

-Hum...

-Mas enfim -ele se sentou- como foi ficar sozinho hoje?

-Normal. -falei.

Um silêncio passageiro, até Kook comentar:

-Eu tenho... Duas coisas pra você.

Jungkook se levantou, e foi até algum lugar, trazendo consigo algumas folhas avulsas e as sacolas da padaria.

-O que é isso? -perguntei.

-São as questões que você perdeu hoje, aparentemente. Yoongi disse que se entregar amanhã, ainda pode ter alguma nota.

-Não acredito que pegou isso com ele.

-Quero que termine o primeiro ano. -ele sorriu.

E aí, ele mostrou finalmente o que tinha nas sacolas. Eram pedaços variados de bolo, pareciam deliciosos.

-E... O que é tudo isso? -questionei.

-Bom... Considere como "prêmios".

-Prêmios? Qual o motivo dos prêmios?

-Você já não chora, e consegue dormir sozinho -bati levemente em seu braço e ele começou a rir- É só que... o fato de ter superado o que aconteceu tão rápido me deixa, estranhamente, orgulhoso entende?

-E quis me dar um presente por isso?

Jungkook estendeu um pedaço aleatório de bolo. Aparentava ser de morango.

Não peguei o doce, mas o abracei fortemente dizendo "obrigado". Fui correspondido em pouco tempo.

Eu amava Jungkook, e tinha motivos pra isso. Ele me dava esses motivos.

Eu queria repetir o que fizemos na noite de algumas semanas atrás, mas não sabia se podia. Então ficamos só nos abraçando mesmo, até Jungkook dizer:

-Ei, posso fazer uma coisa estranha?

Eu o olhei, e lentamente assenti. Kook carinhosamente acariciou minha bochecha e aproximou nossos lábios, sem nunca quebrar o contato visual. Até acabar com a distância.

Meu coração disparou, e fiz de tudo para aproveitar o momento. A boca dele se mexia vez ou outra, variando entre beijos estalados ou simples lábios encostados.

E então se afastou.

Ele estava corado, sorrindo levemente. Comigo não era muito diferente.

-O que foi? -ele perguntou, provavelmente dirigindo-se ao meu sorriso de quem dormiu e sonhou com rosquinhas voadoras.

-O beijo... Qual o motivo de outro presente?

-Achei que fosse meu.

-Ué, mas...

Jungkook sorriu e se levantou, arrumou as sacolas de novo, antes de levá-las para a cozinha. E depois voltou.

-Se terminar sua lição de casa em meia hora, eu te dou um desses. -apontou para os títulos que tinha na prateleira.

-Acho que prefiro outro beijo. -brinquei.

-Acabou de ganhar um de graça. -me beijou de novo, rapidamente- agora, lição de casa.

Joguei um travesseiro em sua direção, enquanto ele se dirigia a outro com gargalhadas altas.

-Bom -falei pra mim mesmo- pelo menos, eu ganhei bolo. E um beijo dele. 


Notas Finais


E por hoje, é isso.
Comentem o que acharam pra me deixar feliz!
Até o próximo!
Kissus kissus!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...