História Platonic Passion - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Personagens Originais, Tao
Tags Zitao
Exibições 17
Palavras 1.012
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oi, oiヽ(・∀・)ノ
Essa fanfic não foi escrita por mim... Créditos à: ~Milena

Capítulo 1 - Capítulo I - Prólogo


Fanfic / Fanfiction Platonic Passion - Capítulo 1 - Capítulo I - Prólogo

☆ 2 de Janeiro de 2012 ☆ 

- Marcela! - Falou aos gritos- deixa eu ir um pouco no notebook - Continou, chorosa.

Se aproximou de sua irmã e tentou espiar a tela.

- O que você está vendo? - Indagou curiosa.

- Lançou um MV novo do EXO.

- MV?EXO?

- Isso mesmo, vou explicar.- Falou dando um suspiro. Pausou o vídeo e se virou para sua irmãzinha mais nova.

- Estou ouvindo K-pop - Fez uma pausa e tomou um pouco de coca-cola que estava em cima da escrivaninha. -K-pop é um gênero musical da Coréia do Sul totalmente viciante.

Isadora soltou um 'Ah'.

- MV são os clipes - Tomou mais um pouco de coca-cola- E quem canta são os ídols, também tem os groups. - Pausou tentando achar as palavras certas para explicar a sua irmã - Entre todos você pode escolher seus bias, que são os que você mais gosta, e também o Ultimate Bias!- Falou dando êxtase no 'Ultimate Bias' - O Ultimate é o que você mais gosta entre todos, você só pode ter um - Apontou o dedo para sua irmã mostrando o número 1.

- Entendo... Então o MV que você tá assistindo é do seu Ultimate? - Perguntou mesmo já tendo certeza da resposta.

- Sim - Respondeu abrindo um novo pacote de salgadinhos 'Cheetos' e ofereceu, Isadora nem ligou, estava de nariz empinado.

- Mesmo com apenas 13 anos sou muito inteligente.

- Você chama isso de inteligente porque não está no 2 ano do Ensino Médio. - Mastigou um salgadinho fazendo uns ruídos estridentes.- Recomendo pesquisar mais se tiver interesse.

- Mais que pergunta é essa! É óbvio que estou interessada, tudo que você faz é interessante - Resmungou fazendo biquinho com a boca.

- Você é quem sabe - Levantou as sombrancelhas e se virou de volta a fim de voltar o que estava fazendo.

Isa tentou inútilmente espiar o notebook porém não conseguiu enxergar nada.

- Marcela, vou pegar seu celular emprestado um pouquinho - Em movimentos velozes, pegou uma batatinha Ruffles (Já acabou o Cheetos?) agarrou o celular ao lado do mouse e saiu correndo para o quarto.

O quarto de Isadora tinha um papel dde parede rosa enfeitado com ursinhos, era bem simples, havia vários tipos de brinquedos: uns estavam en algum canto no chão, outros estavam mais espalhados, poucos estavam no baú e havia um ou dois nas prateleiras que estavam mais ocupadas com livros.

Ela tinha razão, mesmo sendo pequena já lia livros complexos que ajudavam em seus estudos, já outros eram mais de ficção científica, mistério ou romance (Ou os três juntos).

Tinha uma cômoda branca repleta de acessórios que a mesma usava. Ela já roubára batons, bases, cremes, hidratantes, sombras, pincéis da sua irmã.

Seu guarda roupa tinha vestidos coloridos (mais puxados para um tom desbocado) umas roupas mais chiques, modernas e poucos moletons, calças, leggins...

A escrivaninha só usava para fazer lição, tinha um estojo completo de materias e acima da escrivaninha havia um pequeno espelho.

Sua cama estava coberta por um fino pedaço de lençol e com um travesseiro fofo e macio. No canto da cama estavam cobertores dobrados, pois fizera muito frio na noite anterior.

Ela trancou a porta e deitou-se sobre a cama, desarrumando o lençol de florzinhas.

- EXO... Parece um grupo legal! - Pensou animada.

Pesquisou sobre todos os membros do grupo. Havia três, o terceiro tinha acabado de entrar á aproximadamente dois mêses atrás.

- Zitao! - Olhou a fotografia onde havia a seus olhos o homem mais bonito do mundo. - Tem 18 anos...

20 minutos depois...

- Isadora! Venha jantar! - Gritou sua mãe 

- Já vou mãe! - Gritou de volta.

Desligou o celular. Entrou no quarto de Marcela e colocou-o de volta no lugar, depois disso desceu as escadas e foi logo ao encontro de sua família.

- Oi gente! - gritou alegre.

Foi até a cozinha colocou a comida no prato, voltou a sala de jantar e sentou-se a mesa.

- Está feliz hoje - Seu pai disse e deu um sorriso com seus lábios finos - Qual será o motivo?

- OHOHOHOHO! - Deu uma risada estridente - Ah pai... É que eu acho que estou... APAIXONADA!

Todos automáticamente pararam de comer e ficaram estátuas. O arroz do garfo de Marcela caiu de volta no prato, e a mesma nem se mecheu, ela sempre ficava com raiva por causa disso.

- Isa, você não pode estar apaixonada! Nem sabe o que é sentir paixão, e só tem apenas 13 anos, é muito nova!

- Quando você tiver no mínimo 16 anos como sua irmã eu posso pensar no caso. Mais agora nem pensar! - Seu pai disse aumentando o tom de voz deixando a frase clara e nítida.

Quebra de Tempo

Todos acabaram de comer e voltaram a fazer seus afazeres, menos Isadora e Marcela.

Isadora estava de braços cruzados, fazendo um beicinho e se recusava a terminar de comer.

Marcela a encarava. Até que se levantou e se aproximou da irmã.

- Isa... De quem você está gostando? - cochichou no ouvido dela.

A mesma voltou com um largo sorriso no rosto, e respondeu cochichando também:

- Eu tô gostando do Zitao.

Os olhos de Marcela se esbugalharam e ficaram do tamanho de uma laranja (mesmo tentando não transparecer).

- Mais ele é 5 anos mais velho que você!

- Isso não importa eu o amo e tenho certeza dos meus sentimentos!

A irmã mais velha deu um longo suspiro e disse:

- Ei... Eu cosegui um trabalho de meio período hoje... Se você quiser... Eu posso te dar uma mesada... E daqui a alguns anos... Visitar o Zitao lá na Coréia e...

- SÉRIO?

Marcela acenou que sim com a cabeça

- OBRIGADO CÉLINA! - Pulou em cima da irmã, deu um abraço apertado e um beijo melequento na bochecha

- Se quiser conquistar o Zitao acho que vai ter que aprender a beijar direito.

- Tá - Disse e saiu correndo até o quarto.

Chegou lá, girou a maçaneta da porta de madeira e quase tropeçou no carpete quando entrou.

Puxou a última gaveta da cômoda e pegou um pote vazio tampado.

- Tá na hora de economizar!


Notas Finais


💞💗💖


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...