História PlayBoy! (Imagine Park Jimin) - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), SHINee
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, Taemin Lee, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Imagine Park Jimin, Kpop, Lee Taemin, Romance Escolar, Shinee
Visualizações 586
Palavras 1.412
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 23 - Treino


Fanfic / Fanfiction PlayBoy! (Imagine Park Jimin) - Capítulo 23 - Treino


(S/N)  P. O. V



Quando me dei conta, já era o dia seguinte, e eu estava tomando meu café da manhã distraída pensando no que ouvi sair da boca de Tae ontem...


Depois de uns minutos pensando enquanto comia, ouço um barulho de algo caindo vindo de dentro do quarto onde Jungkook estava dormindo, logo após o mesmo abre a porta pra sair do quarto, o rosto dele estava vermelho e sonolento. 


Eu:  Acordou, senhorita? Precisou quebrar a casa inteira? - Zoei. 


Kookie: Tive um sonho estranho com você e o Tae... - Se sentou à mesa ainda bocejando e esfregando seus olhos. Na mesma hora, ele parece se lembrar de algo e se espanta.  -  Ah... Esquece,  não foi um sonho... Quero dizer... sei lá, nem sei o que estou falando...


Eu: Você tá bêbado de sono. Hoje é domingo, por que acordou cedo?


Kookie: Tenho treino no clube hoje. 


Eu: Nossa, eu tinha esquecido que você jogava futebol.


Kookie: Pois é, que irmã excepcional você é... - Falou com tédio. 


Eu: Posso ir te ver jogar? Posso né?! Diz que sim! - Me empolguei.


Kookie: Faça o que quiser... - Disse, se levantando e indo até o banheiro. 


{...}


Passei um tempo andando até chegar na quadra que fica ao lado da escola. Jungkook saiu antes de mim correndo pois estava atrasado pro treino.


 Apoiei minhas mãos na grade da quadra, olhando os meninos jogando lá dentro. Naquela hora Jungkook tinha a posse da bola, ele até que joga muito bem, estava indo em direção ao gol, mas... Logo um garoto rouba a bola, esse sim joga muito bem, pois passou todos os jogadores adversários (que no caso, é o time do meu irmão) e fez o gol, parecendo não ter se esforçado muito. 


Acho que estou ficando louca, esse mesmo garoto que eu ainda não consegui ver o rosto me parece muito  com um idiota que eu conheci a um mês, cujo o nome eu não quero citar... Ah foda-se, qualquer garoto ultimamente tá me lembrando o ignorante do Jimin, credo, não quero nem pensar nisso...


Entrei na quadra, e  me sentei na primeira fileira da arquibancada, eu mal prestava atenção no jogo, estava imersa em meus pensamentos, quando de repente escuto um grupo de garotas na ponta da arquibancada gritando pra um dos jogadores. Foi impressão minha, ou o nome que elas estavam pronunciando era " Park Jimin" ? É, eu realmente tô ficando maluca. 


Tento prestar atenção no jogo, e... Meu Deus! O Jimin realmente estava lá, era o mesmo garoto que eu vi de costas quando estava fora da quadra, eu não sabia que ele jogava, ele conseguiu a posse da bola mais uma vez  e fez outro gol, tenho que admitir, ele joga melhor que o Kookie. Ao fazer o gol ele olha pras garotas e manda um beijo no ar pra elas, logo depois, me encara. Sua expressão é de surpresa,  ele continua me encarando com um sorrisinho de canto de boca enquanto anda devagar esperando a bola. Olhando em minha direção,  ele joga sua cabeça pra trás passando a mão em seus cabelos molhados, ofegante pela correria. Por que esse idiota tem que ser tão lindo? Que saco!


Eu: Que garoto convencido... - Falei pra mim mesma. O que eu não tinha percebido é que eu falei um pouco alto, e uma das meninas ouviu, parou na minha frente com os braços cruzados e me olhando com cara de desprezo, as outras a seguiram e ficaram ao seu lado. 


Garota 1: O que você falou? Espero que não esteja falando do nosso Jiminzinho! Porque se for eu não respondo mais por mim. 


Eu: "Jiminzinho"? - Dei uma risada debochada.


Garota 1: Você está me ouvindo?  Eu não estou de brincadeira com você!  - Ela me encara de mais perto, esperando que minha reação seja de medo. 


Eu: Vocês não cansam de idolatrar um garoto que só usa vocês pra se divertir? Qual é, eu vejo vocês encima dele na escola todo dia, estão tão apaixonadas que não percebem que ele pega as 5 ao mesmo tempo?! - Minha paciência já estava se esgotando. 


Garota 2: Você tá se achando assim por quê? Ele é o garoto mais bonito e um dos mais ricos do colégio, você não gosta dele porque ainda não sabe de nada sobre ele e sua família poderosa, além disso, você ainda não o provou! E se for por mim, nem vai provar! 


Eu: Ele é só mais um popularzinho que atrai garotas interesseiras... Agora, pode fazer o favor de sair da minha frente, estou tentando ver meu irmão jogar! 


Garota: O que você falou?! - Ela pega meu queixo com o indicador e o polegar e aperta bem forte, dou um tapa em sua mão para que desencoste, ela parece estar ficando nervosa, e tenta ir pra cima de mim, mas suas amigas a seguram. Eu nem me abalo, não tenho medo de idiotas como essa aí. 


Garota 2: Não faça escândalo aqui, sabe que o Jimin fica irritado com garotas escandalosas. - Disse pra mesma garota (1).


Garota 3: Verdade! Deixa essa idiota pra lá, não vamos perder tempo com essa aí... - Elas voltaram pra onde estavam. Começo a mexer em meu celular, fingindo que nada aconteceu, respiro fundo pois se eu ficasse mais irritada do que já estava eu ia acabar explodindo. 


Pra que tanta idolatria pra esse palhaço?  Tudo bem que ele é bonitinho, mas tem uma personalidade horrível. Elas realmente só querem usa-lo, do mesmo jeito que ele as usa, só porque ele é riquinho e popular. Tenho raiva de pessoas assim.


Dou uma olhada de relance pros meninos, percebi que toda vez que Jimin não estava com a posse da bola, ele olhava na minha direção, o que ele pensa que está fazendo? 


Eu não fui a única a perceber isso...


Garota 2: Por que o nosso Jimin está olhando toda hora pra essa estranha? - Pergunta pra amiga, em seguida me acerta com  bolinhas de papel. Finjo não perceber que estou sendo atacada por garotas tão infantis e continuo assistindo o jogo.


Depois de uns minutos o jogo acaba com o time do Park sendo o vencedor, com isso as meninas deliram, gritando no nome dele, aishi que irritante! Os jogadores se espalham pelos cantos da quadra pra descansarem,  outros vão pro vestiário, Jungkook se senta ao meu lado, suado e ofegante. 


Eu: Você até que é bom jogando... - Pego uma toalha e começo a secar seu rosto.


Kookie: Eu sei! - Se gabar sempre foi um hábito pro meu irmão... As vezes da vontade de socar, mas eu me seguro já que é da família haha.


Quando me dou conta, vejo Jimin na nossa frente, mas um pouco distante com os braços cruzados, nos encarando um pouco sério, eu finjo não vê-lo e continuo a secar o rosto de Kookie. Em seguida ele olha em direção à aquelas garotas.


Park: Espero que as porcas não deixem essa sujeira toda aqui...- Ele disse em um tom seco pra se referir as garotas e as bolinhas de papel,  se virando e indo até o vestiário. 


Garotas: Não fomos nós Jimin... - Perceberam que estavam sendo ignoradas por ele. -  Q-quero dizer... Vamos limpar agora.


Esse garoto me irrita cada vez que sai um insulto dessa boquinha bonita. Mais um que eu tenho vontade de socar. 


 Então elas catam as bolinhas de papel que estavam caídas ao meu redor. Impressionante que com apenas uma "ordem" dele, elas já o obedecem, que ridículo. 


Kookie: Vamos sair mais cedo do treino hoje, e eu fiquei encarregado de guardar todas essas bolas espalhadas no chão, você pode...


Eu: Você quer que eu te ajude a guardar? 


Kookie: Só enquanto eu me troco, quando eu acabar, te ajudo.


Eu: Okay, mas apenas com uma condição: Você terá que fazer o que eu quiser pelo resto desse dia. 


Kookie: Afs como você é complicada! Tá, tanto faz, contanto que você não peça o impossível... - Disse se dirigindo ao vestiário. 


Eu: Okay! - Começo a pegar as bolas...


Depois de um minuto, percebo que a maioria dos meninos já foram embora, a quadra estava vazia, o resto dos garotos que restavam estavam no vestiário.  Ao pegar as bolas e coloca-las no carrinho, fui em direção a salinha onde as coisas do clube ficam. Paro em frente a porta, mais uma vez estava distraída, na verdade eu passei o dia inteiro só pensando no Tae. Mas de repente sou surpreendida por alguma coisa que me puxa pra dentro daquela sala...









Notas Finais


^^hehe


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...