História Playground ;; yoonseok - Capítulo 31


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Hoseok, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Namjoon, Rap Monster, Suga, Taehyung, Yoongi
Exibições 161
Palavras 1.799
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


to ficando viciada em i.o.i helpme

gent
vao ouvir
alessia cara pfv
eu to viciada nela tb
a
f

Capítulo 31 - Twenty Nine! ; FINAL ;


Fanfic / Fanfiction Playground ;; yoonseok - Capítulo 31 - Twenty Nine! ; FINAL ;


Hoseok acordou com Yoongi gritando; assustado, e não entendo porra nenhuma do que estava acontecendo; caiu da cama, xingando Min mentalmente de todos os nomes possíveis, limpou seus olhos e espreguiçou - se no chão, quando, resmungou e levantou - se; Yoongi ria do garoto, fazendo o ódio subir por todo seu corpo
— Vai se foder, ta parecendo minha mãe, me acorda gritando e xingando. — Levantou -se e sentou - se na cama, seu corpo todo doía.
— Sabe que horas são? — Exclamou.
— Não sei nem quem eu sou ou em que planeta estou. — Murmurou; levando um tapa de Yoongi como resposta. — Hm, que horas?
— DEZ HORAS DA MANHÃ! — Gritou.
— Vai tomar no cu, por favor. Ta, a novidade, onde tá? — Perguntou.
— Novidade do que? fumou alguma coisa e eu não estou sabendo? — Riu.
— Se você me acordou tão cedo assim, tem alguma coisa, por acaso, SeokJin vai se casar ou algo do tipo? — Yoongi resmungou.
— Você vai embora hoje. — Sussurrou. — Vamos comer algo? 
— Oh, vamos pelo amor, estou morrendo de fome. — Correu na escada até a cozinha. — Onde Jin e Namjoon estão? 
— E eu tenho que saber? — Brotou na cozinha; assustando Hoseok. — Okay, o que vamos fazer?
— PIZZA! — Gritou.
— Que cliche, pizza, casal sozinho, ai só faltaria o sexo. — Piscou.
— Não quero mais também. — Olhou feio para o mais velho. — Agora se vira, faça algo para nós comermos, tente não colocar fogo na casa, por favor.
— Eu sei cozinhar! ta legal?! — Exclamou. — Vou fazer, hm, bolinhos de arroz. — Sorriu.
— Oh meu deus, tente não queima - los, okay? — Tacou - se no sofá; tentou se ajeitar para dormir de novo. Sentiu uma almofada batendo em sua cara
— Se você dormir de novo, faço questão de te matar com as minhas proprias mãos. — Deu um sorriso debochado.
— Aish; OH! ESTA PEGANDO FOGO. — Gritou; Yoongi correu até a cozinha, tudo estava normal, Hoseok voltou a fechar os olhos.
— Eu juro que vou te matar. — Yoongi subiu em cima de Hoseok. — Seu merdinha. — Começou a fazer cócegas no mais novo. — Okay, vou terminar os bolinhos, pegue aquela cesta ali. — Apontou para a cesta pendurada no cabide. — E coloque muita comida lá dentro, nós vamos sair. — Piscou. Hoseok se levantou do sofá, pegou a cesta e foi até a cozinha, pegou algumas frutas, refrigerante, suco; colocou metade da geladeira ali; Yoongi colocou os bolinhos em uma pequena vazilha e tacou dentro da cesta.
— Onde vamos, alias? — Perguntou.
— Em dois lugares; deixe a cesta ali, voltaremos para pega - la depois, se vista. — Piscou e Hoseok foi até seu quarto. Se vestiu com uma camisa rosa que estav escrita " pink is the new black ", acho que você já tem ideia de quem lhe deu, certo?. Uma calça jeans e uma bota que sua mãe havia  lhe dado de aniversario. Desceu correndo e observou Yoongi por uns minutos; estava extremamente sexy. Cabelo bagunçado, camisa de cor vinho, calça jeans, uma gravata larga em seu pescoço; vermelha e uma jaqueta preta; Hoseok poderia pular no mais velho ali mesmo e foder com ele nete exato momento.
— Vamos foder? — Perguntou e Yoongi gargalhou.
— Vamos, mas não agora. — Sorriu. — Agora vamos.
— Você tem um carro? — Ele negou e apontou para os pés.
— Eu sei andar. Oh, vamos ao parque de diversões! — Hoseok caiu sobre o sofá. — Vamos!
— Você vai me carregar. — Yoongi bufou.
— Vou. — Hoseok sorriu e subiu na costas de Yoongi. — Você é pesado, aish.
— Não reclama não, cada vez que você reclamar eu te dou um tempo, dez minutos sem reclamar eu te dou um beijo, feito? — Perguntou.
— Isso vai ser maravilhoso. — Mordeu os labios.
— É muito longe? — Negou — Amém. Eu quero algodão doce!
— Eu compro para você, trouxe um pouco de dinheiro, muito na verdade. — Mordeu os lábios. — Vamos. — Começou a correr, levando vários tapas no ombro de Hoseok e depois de andar - muito - um pouco, chegaram num parque de diversões bem colorido e bonito, Hoseok ficou maravilhado, saiu do colo do Yoongi e o puxou para dentro do parque.
— ALGODÃO DOCE! AAH! — Hoseok gritou, fazendo todos olharem para os dois. — Yoongi; compra?
— Só se você me der um beijo. — Hoseok juntou os lábios dos dois; um beijo rápido e Yoongi resmugou, mas acabou comprando para o amis novo. — Você nunca muda né? — Hoseok olhou confuso para Yoongi; totalmente lambuzado por conta do algodão doce — Sempre uma criança.
— Você não diz isso na hora H. — Piscou.
— Eu sou o daddy. — Piscou de volta; deixando o outro irritado.
— Aish, sem graça. — Mostrou a língua para o mais velho. — Nós vamos revezar um dia ainda!
— Vai sonhando. — Riu. — Que brinquedos iremos primeiro?
— Antes de tudo, eu quero aquilo. — Apontou para um unicornio; todo preto mas fofinho também.
— Oh deus, tudo bem. — Chegaram perto da barraca. — Como que faz para ganhar aquilo ali? — Perguntou.
— Precisará derrubar os seis copos, você tem uma tentativa para cada copo. — Assentiu; Yoongi não acertou um se quer.
— Você vende isso por acaso? — Yoongi perguntou.
— Sim. — A mulher sorriu para os dois e Yoongi deu o dinheiro a mulher, que entregou a pelucia a Hoseok.
— Vou chama - lo de Yoongie. — Sorriu. — Por que ele é como você, todo chato assim, mas fofinho ao mesmo tempo. — Fez um aegyo.
— Vai se foder. — Xingou.
— Aish, então ira se chamar, Jujubinha. — Yoongi gargalhou. — Vamos, na montanha russa?
— Com certeza não iram deixar " Jujubinha " entrar. — Hoseok murmurou um " Aish ", quase inaúdivel.
— Roda Gigante! — Exclamou e Yoongi assentiu; Hoseok o puxou para a fila, os dois pagaram os ingressos e entraram. — Wow, da para ver o parque todo daqui! é tão lindo.
— Com certeza. — Yoongi se aproximou de Hoseok e juntou os labios do menor com os deles; a sua lingua pediu passagem e o outro cedeu. Uma verdadeira cena de filme. — Hmm, gosto de algodão doce. — Passou o dedo pelos labios; fazendo Hoseok corar.
— Espera, já esta acabando? olhou para baixo; estavam quase perto da porta, no caso, todos já estavam saindo. — Oh, acabou. — Fez bico. — Podemos ir de novo?
— Não! tem outros brinquedos, como... — Hoseok interrompeu o garoto.
— CARROSSEL! VAMOS. — A mulher abriu a pequena porta e Hoseok saiu correndo; quando Yoongi conseguiu finalmente o alcança - lo, já estava na sua vez de pagar o ingresso.
— Aqui, moça, desculpe meu namorado. — A mulher olhou com desgosto para os dois e eles entraram; Hoseok começou a rir da cara da mulher.
— Viu a cara dela? — Gargalhou. — Oh, começou! — Uma musica calma e bonita começou a tocar; cada um estava em um cavalo, perto um do outro.
Depois que sairam do brinquedo; Hoseok arrastou Yoongi para uma barraca de comida; compraram batata frita e refrigerantes.
— Diga que não vamos voltar para buscar aquela cesta, por que já estou cansado só de imaginar. —Deu um gole no refrigerante.
— Não iremos. — Bufou e Hoseok comemorou. — Fiz aqueles bolinhos para nada, Aish. 
— Mas Jin pode come - los! — Riu. — Hmm, essa batata frita esta maravilhosa, porra, por que não me trouxe aqui antes?
— Okay, vamos começar, você foi embora e voltou depois de... — Hoseok interrompeu.
— Deixa quieto, coma. — Enfiou uma batat frita na boca de Yoongi, fazendo o mesmo bater no mais novo.
— Eu poderia ter engasgado. — Disse com a boca cheia.
— Que pena. — Sorriu de ladino.
— Há, é melhor você correr. — Yoongi começou a correr atras de Hoseok pela parte da grama que o parque tinha. — Te peguei! — Subiu em cima de Hoseok e o beijou.
                                                                   X
— Você já pensou em fugir? — Yoongi perguntou; sentando - se do lado de Hoseok.
— Como assim? — Hoseok o olhou; confuso.
— Fugir da cidade. — Hoseok negou. — Daqui, o que, duas horas? você ira embora. — Suspirou. — Então, vamos fuja comigo Hoseok, tenho um primo aqui, ele nos acolheria e, bem, eu sei que não vai querer mas, é melhor ter tentando do que nunca, não é?
— Yoongi, e minha mãe? meus amigos. Não poderia abandonar tudo de repente. — Mordeu os lábios.
— Lá eles tem telefone, okay? — Hoseok suspirou. — Fuja comigo, não é muito longe daqui, da para ir andando! você poderá visitar sua mãe quando quiser, e, seus amigos, sabe, depois de sete anos pensando, eu percebi que, não acho que te amo. Eu tenho certeza. — Murmurou.
— Minhas roupas? suas roupas? — Yoongi riu.
— Buscamos depois, lembra que eu te disse que estou com muito dinheiro? é para isso, vamos Hoseok. — Implorou.
— Preciso terminar o colégio! — Exclamou.
— Você gosta de lá? quer fazer faculdade? — Perguntou.
— Não. Como não existe faculdade de dança, que eu saiba, então, não, não quero. — Suspirou.
— Então, o que lhe impede? — Perguntou.
— Minhas pernas. — Riu.
— Eu te carrego. Vamos. — Yoongi levantou - se e Hoseok subiu em suas costas. — Vamos lá!
— Você já avisou seu primo? — Perguntou.
— Ah. Cala a boca, curta o momento, seu sem graça. — Hoseok deu um tapa em seu ombro. — Ai! 
 

                                                                                                                                      ~   DOIS MESES DEPOIS ~
— Yoongi-ah! me larga! — A pequena disse;  Min Yoo-Jung, sobrinha de Yoongi pediu.
— Larga ela Yoongi! — Hoseok pegou a menininha e a abraçou. — Papai Yoongi é muito mal, não é?
— Hey, Seokie! pare de me difamar! — A pequena riu.
— Appas, vamos brincar lá fora? —Perguntou; a meninha tinha costume de chamar os dois de " Appas ", ficará tanto com os mesmos - apesar, seu pai viaja sempre pelo trabalho, deixando a filha sempre com a babá, no caso Hoseok & Yoongi - que o apelido acabou pegando.
— Eu quero dormir! — Yoongi exclamou, se jogando no sofá; a menina riu, saindo do colo do seu " Appa " e indo até o outro.
— Appa Yoongi, não vai dormir, não, não! — Yoongi riu da fofura da menina. — Vamos desenhar?
— Vamos! — Hoseok sorriu para a garotinha enquanto ajudava a mesma a puxar Yoongi do sofá. 
— Aish, tudo bem, eu me rendo. — Levantou as mãos enquanto se sentava no chão, perto da mesinha cheia de giz de cera e folhas sufite. Os três começaram a desenhar; Hoseok desenhava um garoto dançando em um palco; cheio de pessoas vendo ele dançar. Yoongi, desenhava uma casa pegando fogo - Hoseok quase deu um tapa na cara dele por desenhar isso perto de uma criança. - E por ultimo, mas não menos importante, Yoojung.
— Aqui Appas. — Mostrou o desenho. — O Appa Yoongi é esse aqui. — Apontou para um boneco feito em giz verde. — O Appa Hoseok é este aqui — Apontou para o outro bonequinho, na cor azul. — E eu! — Apontou para uma bonequinha na cor rosa, de mãos dadas com os dois homens. 
— Aah! — Hoseok a abraçou forte, juntamente com Yoongi. — Yoongi-ah, nós temos uma familia?
— Hm, digamos que sim... — Riu.  — Hey, aceita ser o nosso, bebe? — Hoseok riu baixinho.
— Hmm, sim! e eu não sou um  bebê! já sou adulta. — Cruzou os braços.
— Claro que é, a nossa adulta, um pouco anã demais. — Riram. 


— Hey, garoto cor-de-rosa, acho que tenho uma queda por você, desdo playground.
 

 

FIM?


Notas Finais


FIM >>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>???<<<<<<<<<<<<<<<<
sim pode ter 2 temp se vCS QUISEREm
quem quiser
pode tirar da biblioteca, mas ainda vai ter os agradecimentos e eu vo fala mt coisa
ENTAO PLS NAO TIRA KSJD
amo voces
<3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...