História Please... Daddy - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Baby, Babyboy, Daddy, Hoseok, Jikook, Jimin, Jin, Jungkook, Namjoon, Taehyung, Texting, Yoongi, Yoonkook
Visualizações 433
Palavras 545
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Fluffy, Romance e Novela, Shoujo-Ai, Yaoi
Avisos: Cross-dresser, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi oi
😄

Capítulo 15 - Idiota...


_ Q-que?


O silêncio que antes parecia reconfortante,  agora era pesado e cálido demais. Eu não conseguia entender seu olhar, era brilhante, mas não um brilhante bom. Eram segundos, que pareceram horas, que foram interrompidos pelo estalar de seus cinco dedos em meu rosto.


Levo minha mão ao local da batida. O que eu disse de errado? Será que ele não queria que eu descobrisse?


_ Tae, o que houve? Porque…- Sou interrompido.


_ Você tem demência? Idiota.


E aquele brilho descobri ser suas lágrimas embargadas que, agora escorriam em abundância.


_ Sabe Jeon…- Tae nunca me chama assim, à não ser que esteja magoado.- Eu achei que me conhecia, mas vejo que sou apenas uma companhia conveniente.


Tento me aproximar mais e limpar suas lágrimas, mas suas mãos me impediram, espancando meu peito.


_ Ei ei… Pare de bater em mim, o que eu te fiz? - Segurei seus pulsos.


_ O QUE VOCÊ FEZ? A PÁRA … VAI ME DIZER QUE MESMO DEPOIS DE EU ME DECLARAR PRA VOCÊ, O SENHOR GOSTOSÃO NÃO ENTENDEU?


_ Mas nós somos amigos como eu entenderia?


Tae ri sarcástico


_ Você é lerdo demais… Jungkook eu te amo e não é como um amigo...deu pra entender?


_ Eu…- Me interrompe de novo.


_ É claro que você não deu importância… Eu queria pensar ser sua lerdeza, mas você, justo você que me conhece a anos, pensar que eu sou esse seu Baby de Merda?


_ Não é você?


_ Acha mesmo que eu precisaria de uma tela de celular pra provocar você ou tentar te conquistar? Porra jungkook, acho que você penso né? Idiota…


A roda gigante volta a se mover e o clima estava ficando cada vez mais pesado.


_ Sinto muito…


_ Não… Você não sente. Se não me ama só me diz, eu não sou tão criança que não consiga entender que você não me corresponda. Mas essa de achar que eu sou seu Baby Vadia, me ofende e se quer saber me magoa também.


_ Não fale assim Tae…


_ Eu falo e repito VADIA VADIA  VADIA…


O brinquedo para e a cabine se abre.


_ Eu te odeio…


Tae sai correndo.


_ TAE… NÃO CORRE… ME ESPERA.


Eu corria atrás do ômega. Era noite e perigoso para ele.


Confesso que eu fui um babaca. Tae nunca me deu indício algum de ser o Baby, pra falar a verdade, ele sempre foi um livro aberto e sei que não precisaria disso para dizer que gosta de mim, não sei que merda eu pensei pra achar que fosse ele. Eu sou um idiota, que perdeu um de seus bens mais preciosos por causa de uma brincadeira que eu nem sei se vai virar realidade.


Corri como nunca na vida toda, mas nada de ver o ômega. Uma mensagem chega.


Hobi


Oi Kook… O Tae está comigo, só quis te avisar pra não se preocupar ok? Se cuida.


                                                              Eu


Obrigado por me avisar…


Certo alívio toma conta de mim, mas junto vem a tristeza e assim volto para casa.


Assim que chego, abro a porta e vejo meu pai.


_ Oi filho… Sabe… A casa ao lado foi comprada. Logo teremos vizinho novos.


Apenas o ignoro e corro para meu quarto.


Afundo minha cabeça no meu pequeno e macio travesseiro e permito algumas lágrimas escaparem.


Eu sou horrível. Como pude brincar com os sentimentos dele? Perdi anos de sua amizade e agora talvez nunca mais sejamos como antes.


Eu


Tae… Fique bem.


Notas Finais


Vkookas e Vkooks não me matem, não me odeiem e não desistam de mim ok? Amo vcs de verdade...

Sinto cheiro de Vhope (?)

Bjão e até mais


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...