História Please, just let me cry. - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Melanie Martinez
Visualizações 9
Palavras 615
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção
Avisos: Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oiii! Já estou de volta, não vou postar tanto (Eu acho) pois tenho provas! Mas eu acho! aproveitem o capítulo e tchauuuu!

Capítulo 8 - Pity Party


Fanfic / Fanfiction Please, just let me cry. - Capítulo 8 - Pity Party

Cry baby acordou muito animada, ela estava tão feliz que na noite passada ela já tinha colocado o seu vestido para que na manhã seguinte ela já estivesse pronta, apenas faltando fazer o cabelo que ela deixou em dois rabos de cavalo.  Ela desceu com um sorriso no rosto, ela descia as escadas pulando e saltitando sem parar, ela foi até a cozinha para pegar os salgadinhos dentro da geladeira e avistou um cartãozinho em cima da mesa de jantar que continha umas 6 garrafas de Vodca, ela deixa os salgadinhos na mesa e pega o cartão e lê : " Bom dia filha, eu não vou poder ir na sua festa pois tenho que trabalhar bastante hoje, mas prometo te dar uma boneca de porcelana daquelas que você ama. beijos Mamãe. " Cry baby olhou mais um pouco mais nem ligou " trabalhar muito, sério? não tinha desculpa melhor para encher a cara no bar, não? vai se ferrar, Mãe." disse Cry baby jogando fora o cartão.

Já era duas horas e nada, ela tentava se animar mas ao mesmo tempo ela estava com o sorriso se desmanchando aos poucos. Ela olhava para o seu relógio de gato dos anos 20 tipo o gato Felix, ela nunca gostou daquele relógio, ela odiava aqueles "tic toc" , ela resolveu jogar um pouco sozinha e pensou " Já já eles vem , e se não chegarem pelo menos vai ter mais bolo para mim....para sempre." ela jogava um jogo de tabuleiro super legal mas era mais legal se quando se jogava junto com outro alguém tipo.... Johnny?
            já fazia 4 horas e nada... Simplesmente nada e nada. Ela subiu para o seu quarto apressada e voltou com seus ursinhos e ela estada vestida diferente ... palhaça? Ela estava vestida de palhaça? Ela colocou os seus ursinhos e outros brinquedos de pelúcia no sofá e começou a fazer shows com bexigas, cachorros e etc... 
          Ela não aguentava mais era 18:30 e ninguém veio? NINGUÉM? Ela enlouqueceu, pegou a faca na cozinha que seria usada para tirar o primeiro pedaço e usou para estourar balões, ela ria e sorria. Ela abriu os seus ursinhos com a sua própria boca, arrancando a espuma com raiva e ódio. Ela olhou para aquele relógio mais uma vez com os seus olhos que pareciam não dormir a anos e saiu correndo para o quarto dos seus pais, ao voltar, ela estava com um taco de beisebol de seu pai e violentamente ela bateu no relógio com a intenção de  quebra-lo. Ela se ajoelhou no chão e percebeu o estrago que tinha causado, a casa estava de cabeça para baixo, então ela só fez uma coisa.... chorar, ela chorou, chorou e chorou. Até uma hora que ela fecho os olhos e quando abriu novamente, ela gritou com uma louca, como se estivesse jogando tudo que tinha passado em um grito, o Bullying, a família, o amor e a festa. Ela pegou o seu bolo de aniversário  e amassou ele com as mãos e pegou duas velas enormes (que nem pareciam de bolo) , as colocou no bolo, acendeu-as e assoprou como se aquilo fosse normal, ela parecia uma psicopata, com um olhar realmente louco. 

Ela foi no quarto de seus pais mais uma vez, vasculhou a bolsa da sua própria mãe e achou! Ela se sentou na mesa e acendeu o cigarro de sua mãe, ela estava satisfeita, pois sua festa parecia estar em chamas. Ela só queria chorar. 

Cry baby estava jogando o lixo de seu aniversário fora, já fazia 3 semanas que a festa tinha acabado. Ela estava indo em direção ao supermercado, só isso ... Ela só queria um sorvete.


Notas Finais


Oii! Espero que tenham gostado e até o próximo episódio e byyy!!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...